Conforto térmico e estrutura tegumentar de ovinos mantidos em ambiente coberto e descoberto / Thermal comfort and integumentary structure of sheep kept in a covered and uncovered environment

José Henrique Souza Costa, Dermeval de Araújo Furtado, José Pinheiro Lopes Neto, Neila Lidiany Ribeiro Ribeiro, Luana de Fátima dos Santos Damaceno, Romildo da Silva Neves, Geovergue Rodrigues de Medeiros

Abstract


O objetivo deste estudo foi analisar os parâmetros fisiológicos e estruturas do tegumento de ovinos submetidos a um ambiente coberto e descoberto. Foram utilizadas dez ovelhas Santa Inês e 10 Dorper, divididas em ambientes interno e externo. A avaliação da atividade fisiológica foi por frequência respiratória, freqüência cardíaca e temperatura retal. Durante o processo histológico, as amostras da derme foram removidas nos locais específicos do pescoço, lado e coxa, e os estudos morfométricos verificaram a quantidade de pelos primários, a área da glândula sudorípara (%) e sebácea (%). Mesmo com oscilações de temperatura retal, manteve-se dentro da faixa normal, de 38,5 a 39,9 ° C. A freqüência respiratória e cardíaca mais altas foram esboçadas por ovelhas Dorper mantidas em ambiente aberto, com 93 a 125 me-1 mov e 100 a 112 bat me -1, respectivamente. Foi observado um maior número de pelos primários em ovelhas Dorper cobertas; E maior área ocupada por glândulas sebáceas e sudoríparas nos animais expostos ao ambiente descoberto na raça Dorper (1,99%) e Santa Inês (6,15% na coxa). Concluiu-se que o uso de sebes melhora os índices de conforto térmico do ambiente, consequentemente no desempenho dos cordeiros Santa Inês e Dorper.

Keywords


adaptabilidade, ambiente, componentes morfoestruturais, morfometria, rusticidade.

References


Bezerra, W.M.A.X., Souza, B.B.S., Sousa, W.H. et al. Comportamento fisiológico de diferentes grupos genéticos de ovinos criados no semiárido paraibano. Revista Caatinga, v. 24, p.130-136, 2011.

Buffington, D.E., Collazo-Arocho, A., Canton, G.H. et al. Black globe-humidity index (BGHI) as comfort equation for dairy cows. Transactions of the ASAE, v.24, p. 711-714, 1981.

Costa, J.H.S., Palmeira, F.Q.Q., Silva, R.T.S. et al. Caracterização do ambiente térmico e adaptabilidade de reprodutores ovinos nativos e exóticos no cariri paraibano. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, v.9, p. 350-355, 2014.

Cunningham, J.G. Tratado de fisiologia veterinária. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, Brasil., 2008.

Ferreira, F., Campos, W.E., Carvalho, A.U. et al. Taxa de sudação e parâmetros histológicos de bovinos submetidos ao estresse calórico. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, v.61, p. 763-768, 2009.

Eustáquio Filho, A., Teodoro, S.M., Chaves, M.A. et al. Zona de conforto térmico de ovinos da raça Santa Inês com base nas respostas fisiológicas. Revista Brasileira de Zootecnia, v.40, p. 1807-1814, 2011.

Ramos, A.H., Santos, L.M., Miglino, M.A. et al. Biometria, histologia e morfometria do sistema digestório do cachorro-do-mato (Cerdocyon thous) de vida livre. Biotemas, v. 24, p. 111-119, 2011.

Junqueira, L.C., Carneiro, J. Histologia básica. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, Brasil, 1995

.

Medeiros, L.F.D., Vieira, D.H., Oliveira, C.A. et al. Reações fisiológicas de caprinos das raças anglo-nubiana e saanen mantidos à sombra, ao sol e em ambiente parcialmente sombreado. Boletim de Indústria Animal, v.65, p. 7-14, 2008.

Neves, M.L.M.W., Azevedo, M., Costa, L.A.B. et al. Níveis críticos do índice de conforto térmico para ovinos da raça Santa Inês criados a pasto no agreste do Estado de Pernambuco. Acta Scientiarum. Animal Sciences, v.31, p.169-175, 2009.

Oliveira, F.A., Turco, S.H., Borges, I. et al. Parâmetros fisiológicos de ovinos Santa Inês submetidos a sombreamento com tela de polipropileno. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental-Agriambi, v.17, p.1014-1019, 2013.

Oliveira Aiura, A. L., Aiura, F. S., Santos, L. V. et al. Estudo do tegumento de cabras da raça Saanen e seus mestiços com Boer. Acta Veterinaria Brasilica, v.8, n.2, p. 124-128, 2014.

Samuelson, D.A. Tratando de histologia veterinária: Introdução de Newton da Cruz Rocha. Elsevier, Rio de Janeiro, Brasil, 2007.

Santos, F.C.B., Souza, B.B., Alfaro, C.E.P. et al. Adaptabilidade de caprinos exóticos e naturalizados ao clima semi-árido do Nordeste brasileiro. Ciênc. Agrotec., v.29, p.142-149, 2005.

Silva, Â.L., Silva, L.B., Santana, M.L.A. et al. Evaluation of the physiological variables in Santa Inês sheep influence by the Piauí semi-arid environment. JABB-Online Submission System, v.3, p. 69-72, 2015.

Silva, E.M.N., Souza, B.B., SOUSA, G.D.A.S. et al. Avaliação da adaptabilidade de caprinos ao semiárido através de parâmetros fisiológicos e estruturas do tegumento. Revista Caatinga, v.23, p. 142-148, 2010.

Veríssimo, C.J., Titto, C.G., Katiki, L.M. et al. Tolerância ao calor em ovelhas Santa Inês de pelagem clara e escura. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, v.10, p.159-167, 2009.

Weibel, E.R. Measuring through the microscope: development and evolution of stereological methods. Journal Microscopy, v.155, p. 393-403, 1989.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n4-281

Refbacks

  • There are currently no refbacks.