Aplicação da teoria das filas no diagnóstico do processo de atendimento de um laboratório de análises clínicas / Application of queueing theory to investigate the service process in a clinical analysis laboratory

Ana Beatriz Zschornak Sardinha Corrêa, Yvelyne Bianca Iunes Santos

Abstract


O objetivo deste artigo foi analisar e propor soluções para problemas de tamanho e demora nos processos de atendimento, nas filas da recepção e coleta de material para exames, em um laboratório de análise clínica localizado em Belém, PA. Para isso, foi utilizada a metodologia da Teoria das Filas, fazendo-se necessária coleta dos dados de chegada e de atendimento de clientes, tratamento estatístico e utilização de fórmulas para o cálculo analítico dos parâmetros de decisão. Cálculos desenvolvidos através da simulação de diferentes cenários, onde foram variadas as demandas e o número de atendentes, mostraram que, o número adequado de servidores na Recepção é quatro e, na Coleta, dois para manter o equilíbrio do sistema, considerando a média atual de demanda e a taxa de ocupação do servidor de até 80%. Podendo, no entanto, diminuir nos períodos de pouco movimento, para dois, e um atendente respectivamente.


Keywords


Teoria das Filas; Sistemas Equilibrados; Laboratório de Análise Clínica

References


ANDERSON, D. R. et al.; An Introduction to Management Science Quantitative Approaches to Decision Making. 13 ed. Mason: South-Western Cengage Learning, 2012. 1043 p.

BRUNS, R.; SONCIM, S. P.; FOGLIATTI, M.C. Pesquisa Operacional: Uma Aplicação da Teoria das Filas a Um Sistema de Atendimento. In: XXI Encontro Nacional de Engenharia De Produção, Salvador, out, 2001.

DOILE, L. F. P. Teoria das filas - analisando o fluxo de atendimento e o número de atendentes em um supermercado. Curso de Graduação em Administração. Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, 2010.

F.S. HILLIER e G.J. LIEBERMAN. Introdução à Pesquisa Operacional. 9ª Ed. Editora Campus, McGraw-Hill, 2013.

FIGUEIREDO, D. D.; ROCHA, S.H. Aplicação da teoria das filas na otimização do número de caixas: um estudo de caso. Iniciação Científica CESUMAR 12.2 (2010).

FOGLIATTI, M. & MATTOS, N. Teoria de filas. Ed. Interciência. p.7, 2007.

HARCHOL‐BALTER, MOR. Queueing disciplines. Wiley Encyclopedia of Operations Research and Management Science, 2009.

LACHTERMACHER, G.; Pesquisa Operacional na tomada de decisão. 3 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. 226 p.

LIMA, B. P.; MEDEIROS, B. M. B. R.; MELO, C. M.; PINTO, J. M. G.; MELLO, S. R. B. A Teoria das Filas como Ferramenta de Apoio para Análise de uma Empresa de Lava-Rápido em Volta Redonda. In: Simpósio em Excelencia em Gestão e Tecnologia, 12., 2015.

PINTO, Â. S. Aplicação da Teoria de Filas na análise da Capacidade Operacional de um Sistema - Estudo Caso BCA Porto Novo. Instituto Superior de Ciências Econômicas e Empresariais. Licenciatura em Contabilidade e Administração. Mindelo, Portugal, junho, 2011.

PRADO, D.; Teoria das Filas e da Simulação. 5 ed. Minas Gerais: Falconi, 2014.

ROMERO, C. M. et al. Aplicação da Teoria das Filas na Maximização do Fluxo de Paletes em uma Indústria Química. Revista Eletrônica Pesquisa Operacional Para o desenvolvimento- PODES, Rio de Janeiro, v.2, n.3, p. 226-231, set. a dez. de 2010.

TAHA H. A. Operations Research: an Introduction. 8 ed. New Jersey: Pearson, 2008. 816 p.

WERNKE, R. et al. Proposta de Planilha de Custos para Laboratório de Próteses Dentárias: Estudo de Caso com Aplicação do TDABC. In: Iberoamerican Journal of Industrial Engineering, 13, 2015. Anais... Florianópolis.

WINSTON, W. L. Operations Research: Applications and Algorithms. 4 ed. Toronto: Thomson, 2004. 1418 p.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n4-266

Refbacks

  • There are currently no refbacks.