Desenvolvimento de cadeira escolar ergonômica com ajuste para medidas antropométricas físicas / Development of Ergonomic School Chair with adjustable for Physical Anthropometric Measures

Augusto Chiesa de Mattos, João Pedro Scheeren de Matos, Jorge Matheus Rodrigues Simão, Gabriel Soares Ledur Alves, Alexandre Giacomin, José de Souza

Abstract


Este paper tem como objetivo projetar e analisar uma cadeira ergonômica que auxilie a prevenir desgastes posturais na região lombar da coluna vertebral para salas de aula da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha a partir das medidas antropométricas do corpo humano de acordo com as médias das estaturas dos alunos (1º, 2° e 3° ano) do diurno do Curso Técnico de Mecânica. Os ajustes de altura da cadeira contam com um sistema de acionamento/fixação baseado nos dispositivos presentes em academias (sistema pino-mola) sendo que este, assim como as chapas do assento e encosto e a estrutura da cadeira (metalon utilizado) foram calculados e determinados a partir de equações e conceitos de resistência dos materiais e a partir das análises realizadas no software Inventor, seguindo as recomendações de normas como a ABNT NBR 14006, NR 17 e a ABNT NBR 8800 NB 14. Os ensaios aos quais a cadeira foi submetida tiveram adaptações às condições estabelecidas pelo software 3D Inventor da Autodesk, com o intuito de determinar a deformação máxima da estrutura e detectar quaisquer sinais de falhas o que se cumpriu de forma que a cadeira suportou aos esforços a ela submetidos. Portanto a cadeira proposta para as salas de aula da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha projetada no software, além de proporcionar um ajuste na altura do assento e encosto possui a implementação de um sensor destinado ao monitoramento postural dos alunos quando estão na posição sentada, os quais auxiliarão para um melhor alinhamento da coluna vertebral do aluno, diminuindo assim riscos de dores lombares, hérnia de disco e dificuldade circulatória dos membros inferiores.


Keywords


Ergonomia, antropometria, cadeira escolar.

References


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 8800 NB 14. Projeto e execução de estruturas de aço de edifícios (método dos estados limites). Rio de Janeiro, 1986.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14006. Móveis escolares – Cadeiras e mesas para conjunto aluno individual. Rio de Janeiro, 2008.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 11888. Bobinas e chapas finas a frio e a quente de aço carbono e de aço de alta resistência e baixa liga — Requisitos gerais. Rio de Janeiro, 2018.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 8261. Tubos de aço-carbono, formado a frio, com e sem solda, de seção circular, quadrada ou retangular para usos estruturais. Rio de Janeiro, 2019.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NR 17: Norma Regulamentadora Nº 17 - Ergonomia. Rio de Janeiro, 2015.

ABRAHÃO, Julia et al. Introdução à Ergonomia. São Paulo: Blucher, 2009.

AZEVEDO, Liliana Pamela S.L. Design de Interiores e Espaços Escolares – influências na aprendizagem, 2012. (dissertação), Faculdade de engenharia. Universidade da Beira Interior, Covilhã, 2012.

BRACCIALLI, Lígia Maria Presumido. Influência da Utilização do Mobiliário Adaptado na Postura Sentada de Indivíduos com Paralisia Cerebral Espástica, 2000. (Tese de Doutorado), Faculdade de Educação Física. Universidade Estadual de Campinas, São Paulo, 2000.

BRANDIMILLER, Primo A. O corpo no trabalho: guia de conforto e saúde para quem trabalha em microcomputadores. São Paulo: Editora SENAC, 1999.

BRASIL. Manual de Aplicação da Norma Regulamentadora Nº 17. 2. ed. Brasília: 2002.

CAILLIET, Rene. Compreenda sua dor de coluna. São Paulo: Manole, 1985.

COLIN, Palmer. Ergonomia. 1. ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1976.

COURY, Helenice. Programa auto-instrucional para o controle de desconfortos posturais em indivíduos que trabalham sentados. Campinas: Unicamp, 1994.

COUTO, Hudson de Araújo. Como implantar ergonomia na empresa: a prática dos comitês de ergonomia. Belo Horizonte: Ergo, 2002.

DUL, Jan; WEERDMEESTER, Bernard. Ergonomia prática. 2. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 2004.

GRANDJEAN, Etienne. Manual de Ergonomia. Porto Alegre: Bookman, 1998.

KENDALL, Florence Peterson et al. Músculos: provas e funções. 5. ed. São Paulo: Manole 2007.

KROEMER, K. H. E; GRANDJEAN, E. Manual de Ergonomia. 5. Ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

LIDA, Itiro. Ergonomia projeto e produção. 6. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 1990.

LIDA, Itiro. Ergonomia. São Paulo: Edgard Blücher, 2005.

MALVINO, Albert Paul; BATES, David J. Eletrônica: volume 2. 7. ed. Porto Alegre: Bookman, 2007.

MELCONIAN, Sarkis. Mecânica Técnica e Resistência dos Materiais. 11. Ed. São Paulo: Érica, 2000.

MIRANDA, Pauline Vielmo; PEREIRA, Ascísio dos Reis; RISSETTI, Gustavo. A influência do ambiente escolar no processo de aprendizagem de escolas técnicas. Santa Cruz do Sul, Universidade de Santa Cruz do Sul, 2016. Relatório de pesquisa.

MTE – MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. Secretaria de Inspeção do Trabalho. Nota Técnica 060/2001. Brasília, 2001.

NOVOA, Laura Martinez; TOMIOKA, Jorge. Estudo da Estrutura do White Light Emitting Diode – White LED. Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal do ABC, Santo André, s.d. Disponível em: Acesso em: 25 jun. 2018.

NR 17 – ERGONOMIA 08 de junho de 1978 06/07/78.

OLIVEIRA, Juliana Mendes et al. Estudos em design. Ergonomia de carteiras escolares e sua influência no estresse físico de alunos do ensino fundamental, Rio de Janeiro, v. 19, n. 2, p. 1-15, 2011.

RAMAL, Andrea. A nova Lei das Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Salvador: CEAP, 1997.

SCHNEIDER, Rodolfo Herberto; IRIGARAY, Tatiana Quarti. O envelhecimento na atualidade: aspectos cronológicos, biológicos, psicológicos e sociais, 2008. 9 p. PUCRS, Campinas, 2008.

SILVA, Eloisa Monteiro. Avaliação da Preferência de Cadeiras para Diferentes Tipos de Trabalhos de Escritório. 2003. 247 p. (Tese de Pós-Graduação), Engenharia de Produção. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2003.

SOLOMAN, Sabrie. Sensores e sistemas de controle na indústria. Rio de Janeiro: LTC, 2012.

STRIANO, Philip. Coluna saudável: anatomia ilustrada. São Paulo: Manole, 2015. SURRADOR, Susana Raquel Brito. Mobiliário Escolar Infantil: Recomendações para o seu design, 2010. 134p. (Tese de Mestrado), Escola Superior de Artes e Design. Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, 2010.

TILLEY, Alvin. As medidas do homem e da mulher. Porto Alegre: Bookman,




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n4-199

Refbacks

  • There are currently no refbacks.