Avaliação da estrutura morfológica, química elementar, parâmetros de cor e composição em minerais da polpa de açaí (euterpe oleraceamart.) De três diferentes localidades da região Amazônica / Evaluation of morphological structure, elemental chemistry, color parameters and mineral composition of açaí pulp (euterpe oleraceamart.) From three different locations in the Amazon region

Marcilene Paiva da Silva, Sérgio Henrique Brabo de Sousa, Vânia Maria Borges Cunha, Marielba de los Angeles Rodriguez Salazar, Cristine Bastos do Amarante, Marilena Emmi Araujo, Raul Nunes de Carvalho Junior

Abstract


Os frutos do açaizeiro (Euterpe oleracea Mart.) procedentes de três diferentes municípios da região amazônica foram processados para a obtenção da polpa. Este trabalho objetivou analisar alguns constituintes da polpa do fruto de açaí após liofilização. As imagens obtidas por MEV mostraram a forma e o tamanho das partículas da polpa, revelando irregularidades em sua estruturaapresentando rugosidade e porosidade. Os pontos, destacados pela Espectroscopia de Energia Dispersiva de raios-X (EDS), foram a presença dos elementos oxigênio, potássio e cálcio. O elemento químico que apresentou um maior percentual de concentração para todas as localidades foi o oxigênio (O). Em relação aos parâmetros de cor, a coordenada a* apresentou valores positivos, indicando que as amostras tendem ao roxo, o ângulo de tonalidade°Hue, mostrou uma certa tendência a faixa de cor entre o vermelho e roxo. Os resultados do perfil de minerais mostram que os minerais Ca e o Mg da polpa das três regiões estudas foram os mineraisencontrados em abundância, com concentrações que variaram de 4951,55 µg/g a 5540,41 µg/g.

 

 


Keywords


Caracterização, Microscopia eletrônica, Espectroscopia, Composição.

References


Alessandra-Perini, J.; Rodrigues-Baptista, K.C.; Machado, D.E.;Nasciutti, J.A.; Perini, L.E. (2018).Anticancer potential, molecular mechanisms and toxicity of Euterpe oleracea extract (acai): A systematic review. [Review]. PLoS One, v.13 (7), p. 16.

Cipriano, P. de A. (2011) – Antocianinas de açaí (Euterpe oleracea Mart.) e casca de jabuticaba (Myrciariajaboticaba) na formulação de bebidas isotônicas (Dissertação de mestrado). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa,

Fregonesi, B. M.; Yokosawa, C. E.; Okada, I. A.; Massafera, G.; Braga Costa, T. M.; Prado, S. P. T. (2010). Polpa de açaí congelada: características nutricionais, físico-químicas, microscópicas e avaliação da rotulagem. RevInst Adolfo Lutz.; v. 69(3), p. 387-395.

Galvano, F.; Fauci, L.; Lazzarino, G.; Fogliano, V.; Ritieni, A.; Ciappellano, S.; Battistini, NC.;Tavazzi, B.; Galvano, G. (2004). Cyanidins: metabolism and biological properties. Journal of Nutritional Biochemistry, v.15, p.2-11.

Gordon, A.; Cruz, A. P. G.;Cabral,L.M.C; De Freitas, S. C; Taxi ,C.; Donangelo, C. M. ( 2012 ).Chemical characterization and evaluation of antioxidant properties of Acai fruits (Euterpeoleraceae Mart.) during ripening. Food Chemistry, v.133 (2),p. 256 – 263.

Lucas, B. F.;Zambiazi, R.C.; Costa, J. A.V. (2018). Biocompounds and physical properties of açaí pulp dried by differentmethods. LWT - Food Science and Technology, v. 98, p. 335-340.

Menezes, E. M. S.; Torres, A. T.; Srur, A. U. S. (2008). Valor nutricional da polpa de açaí (Euterpe oleracea Mart.) liofilizada. ActaAmazônica, v. 38(2), p. 211-316.

Minolta (1998). Precise color communication: Color control of from perception to instrumentation. Japan: MinoltaCo. LTDA.

Pompeu, D.R.; Silva, E.M.; Rogez, H. (2009). Optimisation of the solvent extraction of phenolic antioxidants from fruits of Euterpe oleracea using Response Surface Methodology. Bioresource Technology; v.100, p. 6076–6082.

Portinho, J. A.; Zimmermann, L. M.; Bruck, M. R. Efeitos Benéficos do Açaí. InternationalJournalofNutrology, v.5, n.1, p. 15-20.

Rodriguez, R.B.; Lichtenthäler, R.; Zimmermann, B. F.; Papagiannopoulos, M.; Fabricius, H.; Marx, F.; Maia, J. G.; Almeida, O. (2006). Total oxidant scavenging capacity of Euterpe oleracea Mart. (ac¸aı´) seeds and identification of their polyphenolic compounds. JournalofAgriculturaland Food Chemistry, v. 54, p. 4162–4167.

Miyazawa, M.; Pavan, M. A.; Muraoka,T.; Carmo, C. A. F. S. Do, Melo, W. J. de (2009). Análise química de tecido vegetal. In: Silva, F. F. C. da (Ed.). Manual de analises químicas de solos plantas e fertilizantes (2. ed.). Brasilia, DF: Embrapa Informação Tecnológica, Rio de Janeiro: Embrapa Solos.

Rogez, H. 2000. Açaí: Preparo, Composição e Melhoramento da Conservação. Ed. Universidade Federal do Pará – EDUPA, Belém, Pará. 360pp.

Wycoff, W.; Luo, R.; Schauss, A. G.; Kababick, J. N.; Sabaa-Srur, A. U. O.; Maia, J. G. S.; Tran, K.; Richards, K. M.; Smith, R. E. (2015). Chemical and nutritional analysis of seeds from purple and white açaí (Euterpe oleracea Mart.). JournalofFoodComposition and Analysis, v. 41, p. 181–187.

Yuyama, L. K. O.; Aguiar, J. P. L.; Filho, D. F. S.; Yuyama, K.; Varejão, M. J.; Fávaro, D. I. T.; Vasconcelos, M. B. A.; Pimentel, S. A.; Caruso, M. S. F. (2011). Caracterização físico-químico do suco de açaí de Euterpe oleracea Mart. oriundo de diferentes ecossistemas amazônicos. ActaAmazonica, v. 41, p. 545-552.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n4-157

Refbacks

  • There are currently no refbacks.