Convivendo com Diabetes Mellitus: Experiencias de homens / Living with Diabetes Melittus: a man’s experience

Danielle Teixeira Queiroz, Antonia Karoline Araújo Oliveira, Francisco Gabriel de Andrade Mota, Geordany Rose Oliveira Viana Esmeraldo, Georgiana de Freitas Pedrosa, Geysa Maria Nogueira Farias, João Victor Farias Mota, Lea Maria Moura Barroso Diogenes, Valeria Freire Gonçalves

Abstract


Esse estudo objetivou identificar nos discursos masculinos sua vivência com a doença e suas complicações bem como mostrar as características socioeconômicas dessa população. Pesquisa descritiva com abordagem qualitativa, realizada na Atenção Secundária em Fortaleza-CE, com 23 homens com diabetes mellitus. O discurso foi coletado por meio de entrevista aberta e em profundidade. Os depoimentos foram organizados, classificados e compilados nos seguintes temas: compreensão sobre diabetes mellitus; e informações populares sobre as complicações da doença. Os resultados mostraram que parte pequena dos entrevistados se encontrava na faixa etária de 51 a 60 anos, a maioria era casados, possuíam menos de quatro anos de estudo, e se autoreferiram como pardo. Além disso, a renda familiar de grande parte deles se encontrava entre um e dois salários mínimos. O estudo mostrou um perfil semelhante àqueles encontrados na literatura, em que se observava situação sociodemográfica desfavorável. Em relação ao conhecimento, foi curioso e surpreendente encontrar que eles possuem certos conhecimentos sobre sua doença, terapia medicamentosa e usando termos populares e leigos conseguem descrever as complicações da doença.


Keywords


Diabetes; conhecimento sobre Diabetes Melliitus; saúde do homem; doença crônica; pesquisa qualitativa.

References


BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2009.

BRITO, R. S. de; SANTOS, D. L. A. dos. Percepção de homens hipertensos e diabéticos sobre a assistência recebida em uma Unidade Básica de saúde. Rev. Eletrônica Enfermagem, v.13, n. 4, p. 639-647, 2011.

CAROLINO, I. D. R. et al. Fatores de risco em pacientes com diabetes mellitus tipo 2. Rev Latino-am Enfermagem, v. 16, n. 2, 2008.

CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE. Resolução n.466, 12 de dezembro de 2012. Diário oficial da União, Brasília, 13 jun. 2013. Seção 1, p.59. Disponível em: < http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2012/Reso466.pdf>. Acesso em: 21 set. 2016.

ENZLIN P. Sexual dysfunction in wormen with type 1 diabetes: a controlled study.Diabetes Care, n.25, n.4, p.672-677, 2002.

FRANCIONI, F. F.; SILVA, D. G. V. O processo de viver saudável de pessoas com Diabetes Mellitus através de um grupo de convivência. Texto & Contexto Enfermagem, Florianópolis, v. 16, n. 1, p. 105-111, jan./mar. 2007.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GIL, G. P.; HADDAD, M. C. L.; GUARIENTE, M. H. D. M. Conhecimento sobre diabetes mellitus de pacientes atendidos em programa ambulatorial interdisciplinar de um hospital universitário público. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde, Londrina; 29 (2):141-154, 2008.

HUNT, D. Using evidence in pructice foot care in diabetes. Edocrinol Metab Clin of N. Am, v. 31, p. 603-611, sep. 2002.

MILMAN, M. H. S. A. et al. Pé diabético: avaliação da evolução e custos hospitalares de pacientes internados no conjunto hospitalar Sorocaba. Arq. Bras Endocrinol metab, São Paulo, v. 45, n.5, p. 447-451, out. 2001.

MODENEZE, D. M. et al. Nível de atividade física de portadores de diabetes mellitus tipo 2 (DM2) em comunidade carente no Brasil. Medicina (Ribeirão Preto), v. 45, n. 1, p. 78-86, 2012.

MORAIS, G. F. C. et al. Conhecimento e práticas dos diabéticos acerca das medidas preventivas para lesões de membros inferiores. Revista Baiana de Saúde Pública, v. 33, n. 3, p. 361-371, 2009.

NASCIMENTO, T. C. O. Conhecimento de pacientes com diabetes mellitus sobre lesões nas extremidades. Rev Enferm UFPE Online, Recife, v. 8, n. 7, p. 1888-97, jul., 2014.

PACE, A. E; NUNES, P. D; VIGO, K. O. O conhecimento dos familiares acerca da problemática do portador de diabetes mellitus. Rev Latino-am Enfermagem, v.11, n..3, p.312-319, 2003. Disponível em:< http://ref.scielo.org/d5bwg3>. Acesso em: 06 set. 2016.

PAPANAS, N.; MALTEZOS, E.; EDMONDS, M. The diabetic foot:a plea for the elementar? Acta Diabetol., v. 43, p. 152-153, dec. 2006. Disponível em:. Acesso em: 06 set. 2016.

PÉRES, D. S. et al. Dificuldades dos pacientes diabéticos para o controle da doença: sentimentos e comportamentos. Rev Latino am Enferm, Ribeirão Preto, v. 15, n. 6, p.1105-1112, nov/dez. 2007.

REZENDE, K.F.et al. Internações por pé diabético: comparação entre o custo direto estimado e o desembolso do Sus. Arq. Bras. Endocrinol. Metal, v.52, p 523-530, 2008

SANTOS, I. et al. Cuidar da integralidade do ser: perspectiva estética /sóciopoética de avanço no domínio da enfermagem. Rev enferm. UERj, Rio de Janeiro, v. 20, p. 24-29, 2012.

SANTOS, V. P. et al. Comparative histological Study of atherosclerotic lesions and microvascular changes in amputaded lower limbs of diabetic and non diabetic patients. Arq Bras endocrinal metab, v. 52, p.1115-1123, 2008.

SOUSA, A. E. S. et al. Conhecimento sobre diabetes mellitus de pacientes diabéticos atendidos em unidades de saúde do município de Santarém-Pará. Revista Publicação Acadêmica da Pós-Graduação do IESPES, v. 2, n. 24, p. 8-17, 2015.

TORRES, H. C. et al. Monitoramento telefônico como estratégia educativa para o autocuidado das pessoas com diabetes na atenção primária. Ciência y Enfermeria, v.19, n 1, p. 95-1-5, 2013.

UNIVERSIDADE DE FORTALEZA. Núcleo de atenção médica integrada. [200?]. Disponível em:< http://www.unifor.br/index.php2?option=com_content&view=article&id=901&Itemid=1230>. Acesso em: 17 out. 2016.

YONG, M. J. et al. The effect of callus removal on dynamic plantar foot pressures in diabetic patients. Diabet med, v. 9, n.1, p.55-57,1992.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n4-006

Refbacks

  • There are currently no refbacks.