Evolução e aplicação da tecnologia da informação e comunicação, os impactos ambientais e a sustentabilidade / Evolution and application of information and communication technology, environmental impacts and sustainability

Antônio Pereira Júnior, Aline Sousa Sardinha, Edmir dos Santos Jesus

Abstract


A tecnologia da informação e comunicação (TIC) tem evoluído na atual sociedade computacional cujos resíduos provocam impactos ambientais e comprometem a sustentabilidade. O objetivo dessa pesquisa foi a realização de uma investigação acerca da evolução da comunicação e da tecnologia da informação sobre ela, e os impactos ambientais que isso causou à sustentabilidade ambiental. O método empregado foi o de pesquisa bibliográfica com abrangência quantitativa e qualitativa. Os dados pretéritos foram obtidos em links eletrônicos de acesso aberto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pesquisa e Estudos no Ensino Superior, Google Scholar, Science Direct e Scientific Periodicals Eletronic Library. O recorte temporal para tal obtenção, situou-se no período compreendido entre 2005 e 2019. Os dados obtidos e analisados indicaram que: (1) a evolução da Tecnologia da Informação ocorreu porque o feedback na comunicação necessitava ser mais efetivo; (2) A TIC é aplicada em vários setores como, por exemplo, a educação (n = 47.61%), saúde (n= 14.31%), economia (n = 18,75%); os impactos ambientais são diversos e originados pela geração (n = 13.04%) e descarte inadequado dos resíduos de equipamentos eletroeletrônicos (n = 31.50%). Logo, esses impactos comprometem a sustentabilidade ambiental já que os dados obtidos indicaram que apenas um (n = 1,36%) local com o uso da (TIC), desenvolve uma gerenciamento adequada para REEE’s.


Keywords


computadores; descarte de resíduos de equipamentos eletroeletrônicos, logística reversa.

References


ABDI. Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial. Logística reversa de equipamentos eletroeletrônicos. Análise de viabilidade técnica e econômica. Brasília: ABDI, 2013.

ALBUQERQUE NETO, F. S. Guia de boas práticas para uma TI sustentável. Recife: Porto digital, 2007. Disponível em: https://portodigital.org/arqSite/Guia_de_Boas_Praticas_para_uma_TIC_mais_sustentavel.pdf. Acesso em: 28 dez. 2019.

ALVES, N. B.; COGO, G. S.; SANTOS, A. F. O descarte de resíduos eletroeletrônicos pelas empresas de assistência técnica sob a perspectiva do conceito de green it . In: Fórum internacional Ecoinovar. 2. 2013. Rio Grande do Sul. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: http://ecoinovar.com.br/cd2013/trabalhos.html#. Acesso em: 27 dez. 2019.

ANDRADE, M. A. Introdução à metodologia do trabalho científico. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2001.

AZEVEDO, L. P. Logística reversa de equipamentos eletroeletrônicos pós-consumo: visão da sustentabilidade. 2017. 195 P. Tese (Doutorado em Engenharia de materiais. Universidade Federal de Ouro Preto.2017.

BAIRD. C.; CANN, M. Química ambiental. 4 ed. Porto Alegre: Bookman, 2011.

BARRETO, C. A. .A.; FRANÇA, D. S.; OLIVEIRA, J. F. A. Abordagem da rastreabilidade no sistema de logística reversa para os REEE de computadores na UFPE. Revista Pernambucana de Tecnologia, Recife, v. 3, n. 3, p. 15 – 2,, 2015.

BATISTA, W. S.; SOUZA, M. P. TI verde: processo de gestão de descarte de equipamentos de informática na Universidade Federal de Rondônia. Revista de Administração, Ciências Contábeis e Sustentabilidade, Campina Grande,

BITANTE, A. P. et al. Impactos da tecnologia da informação e comunicação na aprendizagem dos alunos em escolas públicas de São Caetano do Sul (SP). Holos, Natal, v. 8, p. 281 – 302, 2016.

BRASIL. Conselho Nacional Do Meio Ambiente. Resolução n. 257. Brasília: Ministério do Meio Ambiente. 30 jun. 1999. Disponível em: https://www.mma.gov.br/estruturas/a3p/_arquivos/36_09102008040356.pdf. Acesso em: 30 dez. 2019.

BRASIL. Política Nacional da Educação Ambiental. Lei n. 9.795. Brasília. Presidência da República. 27 abr. 1999. Disponivel em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9795.htm. Acesso em: 27 dez. 2019.

CALIARI, K. V.; ZILBER, M. A.; PEREZ, G. Tecnologias da informação e comunicação como inovação no ensino superior presencial: uma análise das variáveis que influenciam na sua adoção. Revista de Gestão, n. 24, p. 247 – 255, 2017.

CARDOZO, R.; MURAROLLI, P. L. Tecnologia da informação verde: sustentabilidade tecnológica. O avanço da tecnologia em relação ao meio ambiente: tecnologia e sustentabilidade. Perspectivas em Ciências Tecnológicas, Pirassununga, v. 4, n.4, p. 148 – 165, 2015.

CASAGRANDE JÚNIOR, E. F. Inovação tecnológica e sustentabilidade: integrando as partes para proteger o todo. 2017. Disponivel em: https://aplicweb.feevale.br/site/files/documentos/pdf/23231.pdf. Acesso em 30 dez. 2019.

CARVALHO, P. P. et al. Equipamentos eletroeletrônicos: um estudo sobre o processo de descarte nas prefeituras do Grande ABC Paulista. 2011 http://www4.pucsp.br/eitt/downloads/ix_ciclo/IX_Ciclo_2011_Artigo_Pedro_Carvalho_Raquel_Pereira_Arnoldo_Hoyos.pdf. Acesso em: 28 dez. 2019.

CURY, L.; CAPOBIANCO, L. Princípios da História das Tecnologias da Informação e Comunicação Grandes Invenções. In: ENCONTRO NACIONAL DA HISTÓRIA DA MIDIA. 8. 2011. Paraná. Anais eletrônicos. Disponível em: http://www3.eca.usp.br/sites/default/files/form/cpedagogica/Capobianco-Princpios_da_Histria_das_Tecnologias_da_Informao_e_Comunicao__Grandes_Histrias_Principles_of_ICT_History.pdf. Acesso em: 26 dez. 2019.

DANIEL, R. H. M. A.; AGUIAR, K. C. A. A. Sustentabilidade. O Ciclo do Sucesso: Responsabilidade Social, Econômica e Ambiental Como Vantagem Competitiva. Revista Ciências Gerenciais, Londrina, v. 18, n. 28, p. 114-120, 2014.

DEMAJOROVIC, J.; AUGUSTO, E. E. E.; SOUZA, M. T. S. Logística reversa de REEE em países em desenvolvimento: desafios e perspectivas para o modelo brasileiro. Revista Ambiente & Sociedade, São Paulo, v. 19, n,.2, p. 119 – 138, 2016.

DUARTE, C. et al. Diretrizes de sustentabilidade empresarial nas empresas de tecnologia da informação de Chapecó – SC. Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, Florianópolis, v. 4, n. 1, p. 77 – 103, 2015.

FARIAS, E. L. F. As tecnologias da comunicação e informação e o ensino da História. 2009. Santa Maria: USFS/EAD/UAB.

FARIAS, M. S. S. et al. Riscos sociais e ambientais devido à presença de metais pesados nas águas superficiais no distrito industrial da Mangabeira. Qualitos, v. 6,n. 2, p. 01 – 10, 2007.

FERNANDES, E. A. A evolução da comunicação impactada pela tecnologia. Revista Ideias & Inovação, Aracajú, v. 3, n. 2, p. 93 – 102, 2016.

FERREIRA, C. F. et al. Análise do processo de destinação dos resíduos eletroeletrônicos de informática nas IES públicas do município de Sobral - CE. In: ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE GESTÃO AMBIENTAL E MEIO AMBIENTE. 20. 2018. São Paulo. Anais eletrônicos [...~] Disponível em: http://engemausp.submissao.com.br/20/anais/index.php. Acesso em: 26 dez. 2019.

FERREIRA, J. C. C.; PRADO, F. C. O. Panorama atual dos resíduos de equipamentos eletroeletrônicos de informática e telecomunicações. In: CONFRESSO DE INOVAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO IFSP. 8. 2017. São Paulo. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: http://ocs.ifsp.edu.br/index.php/conict/8cic/schedConf/presentations. Acesso em 26 dez. 2019.

FRANÇA, G. M. A influência das novas tecnologias de comunicação e informação nas novas formas de trabalho: O Teletrabalho. In: SIMPÓSIO INTERNCIONAL DE CIBERJORNALISMO. 5. 2014. Mato Grosso do Sul. Anais eletrônicos. Disponivel em: http://www.ciberjor.ufms.br/ciberjor5/anais-5o-simposio-de-ciberjornalismo/. Acesso em: 19 dez. 2019.

FRANCO, R. G. F.; LANGE, L. C. Estimativa do fluxo dos resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos no município de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Revista Engenharia Sanitária e Ambiental, São Paulo, v. 16, n. 1., p. 73 – 82, 2011.

GERARDI, L. M. A.; BIZELLI, J. L. Tecnologias da informação e comunicação na educação: conceitos e definições. Universidade do Estado de São Paulo - USP, 2016. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/301229975_Tecnologias_da_informacao_e_comunicacao_na_educacao_conceitos_e_definicoes. Acesso em 30 dez. 2019.

GIARETTA, J. B. Z. et al. Hábitos relacionados ao pós-consumo de aparelhos e baterias de telefones celulares em uma comunidade acadêmica. Revista Saúde & Sociedade, São Paulo, v. 19, n. 3, p. 674 – 684, 2010.

GIGANTE, L. C.; RIGOLIN, C. C. D. MARCELO, J. F. Redes sociais de produção e colaboração tecnológica para o descarte de resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos. AtoZ, Novas práticas em informação e conhecimento, v. 1, n 2, p. 1 – 8, 2012.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2010.

GOMES, R. C.; LIMA, A. M. F.; TANIMOTO, A. H. Inventario dos resíduos de equipamentos eletroeletrônicos (REEE) no Instituto Federal da Bahia, Campus Salvador: O caso dos computadores. In: CONGRESSO NORTE NORDESTE DE PESQUISA E INOVAÇAO. 7, 2012. Tocantins. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: http://propi.ifto.edu.br/ocs/index.php/connepi/vii/schedConf/presentations. Acesso em 27 dez. 2019.

HAU, F.; TODESCAT, M. O teletrabalho na percepção dos teletrabalhadores e seus gestores: vantagens e desvantagens em um estudo de caso. Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, v.8, n. 3, p. 37 – 52, 2018.

HEPPER, E. L.; HANSEN, P. B.; SANTOS, J. L. S. Iniciativas Sustentáveis e Desempenho Organizacional: Uma Análise das Publicações na Base Web of Science. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, São Paulo, v. 5, n. 2, p. 98, 2016.

HOMERO, V. Descarte de baterias de aparelhos portáteis ameaça o meio ambiente. Revista Rio Pesquisa, Rio de Janeiro, n. 37. 2017. Disponível em: http://www.faperj.br/downloads/revista/Rio_Pesquisa_37/meio_ambiente.pdf. Acesso em 03. 01. 2020.

HOSPITAL ALBERT EINSTEIN. Descarte de residuos de equipamentos elétricos e eletrônicos. 2013. Disponível em: http://www.hospitaissaudaveis.org/arquivos/Eletroeletr%C3%B4nicos%20-%20Albert%20Einstein%20-%20SP.pdf. Acesso em: 27 dez. 2019.

ISACA. COBIT. 1995. Disponível em: https://www.isaca.org/COBIT/Documents/COBIT-20-Timeline.PDF. Acesso em: 01 jan. 2020.

ISIDRO-FILHO, A.; GUIMARÃES, T.A.; PERIN, M. G. Determinantes de inovações apoiadas em tecnologias de informação e comunicação adotada por hospitais. Revista de Administração e Inovação, São Paulo, v. 8, n. 4, p. 142 – 159, 2011

JESUS, A. L. G.; LIMA, M. P. V. M. Tecnologias da informação e comunicação (TICS): trabalho escolar e processo de ensino-aprendizagem. 2016. 15 P. Trabalho de Conclusão de Curso (Habilitação em Pedagogia). Faculdade São Luis de França.

KAHUMBA, J. K. Evolução da tecnologia da informação na gestão de projectos nas organizações. 2016. Disponível em: https://www.webartigos.com/artigos/evolucao-da-tecnologia-da-informacao-na-gestao-de-projectos/145319.Acesso em: 29 dez. 2019.

KO, M.; CLARCK, J. G.; KO, D. Investigating the impact of ‘green’ information technology innovators on firm performance. Journal of Information Technology Management, v. 22, n. 2, 2011.

KUNRATH, J. L.; VEIT, H. M. Resíduos eletroeletrônicos: materiais reaproveitados dentro da cadeia de processamento. Revista Eletrônica de Materiais e Processos, Campina Grande, v. 10, n.2, 68 – 72, 2015.

LUNARDI, G. L.; SIMÕES, R.; FRIO, R. S. TI Verde: uma análise dos principais benefícios e práticas utilizadas pelas organizações. Revista Eletrônica de Administração, Porto Alegre, v. 20, n. 1, p. 1-30, 2014.

MACHADO, M. C.; SOBRAL, F. A.; HORNEUAUX JÚNIOR, F. Sustentabilidade na tecnologia da informação: análise dos aspectos considerados no modelo COBIT. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE GESTÃO DE PROJETOS, INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE. 4. 2016. São Paulo. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: https://singep.org.br/anais-do-iv-singep/. Acesso em 31.dez. 2019.

MARCONI, M. A; LAKATOS, E. M. Fundamentos da Metodologia Científica. 5 ed. São Paulo. Atlas, 2003.

MEDEIROS, J.; BALDIM, N. Tecnologia da informação verde (TI verde), uma abordagem sobre a educação ambiental e a sustentabilidade na educação profissional e tecnológica. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. 12. 2015. Paraná. Anais... Curitiba: Fundepar, 2015.

MONTEIRO, D. A comunicação e o tempo. 2016. Disponível em: https://medium.com/@dudamonteiro/nesse-texto-iremos-narrar-a-evolu%C3%A7%C3%A3o-da-comunica%C3%A7%C3%A3o-humana-desde-os-prim%C3%B3rdios-at%C3%A9-os-dias-atuais-91cd52510d8. Acesso em 26 dez.2019.

MORAES, H. S; VASCONCELOS M. M. Política nacional de Informação, Informática e Comunicação em Saúde: um pacto a ser construído. Saúde em Debate, Rio de Janeiro, v. 29, n. 69, p. 86 – 98, 2005.

MORAES, D. O. C.; OLIVEIRA, N. Q. S; SOUZA, E. M. S práticas de sustentabilidade ambiental e suas influências na nova formatação institucional das organizações. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, São Paulo, v.3, n3, p. 90 -106, 2014

NAMAAYANDE, P.; KHAMSEH, A. Innovation ecosystem for SMES in ICT industry. Journal of Management & Technology, v. 19, p. 141 – 159, 2019.

NASU, V. H. Relationship between the Use of Information and Communication Technology (ICT) and Academic Aspects: Perceptions from Brazilian Accounting Students. Revista de Administração e Contabilidade, Porto Alegre, v. 16, n. 2, p. 235 – 255, 2019.

NATUME, R. Y.; SANT’ANNA, F. S. P. Resíduos Eletroeletrônicos: Um Desafio Para o Desenvolvimento Sustentável e a Nova Lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos . In: INTERNATIONAL WORKSHOP ADVANCES IN CLEANER PRODUCTION. 3. 2011. Anais Eletrônicos[...] Disponivel em: http://www.advancesincleanerproduction.net/third/ptbr/site/home.asp. Acesso em: 27 dez. 2019.

NOVAES, M. P.; ZONTA, V. M. O reuso de computadores pós consumo: desafios e oportunidades. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. 31. Moinas Gerais. 2011. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: http://www.abepro.org.br/publicacoes/index.asp?ano=2011. Acesso em: 27 dez. 2019.

OLIVEIRA, D. S. et al. Impactos do mercúrio no meio ambiente e na saúde. Faculdade Alfredo Nasser. 2016. Disponível em: http://www.faculdadealfredonasser.edu.br/files/Pesquisar_5/21-11-2016-21.40.55.pdf. Acesso em 03 dez. 2010.

PACHECO, G. J.; CAMPOS, T. M. P.; NASCIMENTO, D. L. M. Análise do sistema de gestão de residuos de equipamentos eletroeletrônicos da Alemanha e suas influências na logística reversa do município do Rio de Janeiro. Revista Sistemas & Gestão, v. 13, n. 4, p. 541 – 556, 2018.

PERLES, J. B. Comunicação: conceitos, fundamentos e história. 2006. Disponivel em: http://www.bocc.ubi.pt/pag/perles-joao-comunicacao-conceitos-fundamentos-historia.pdf. Acesso em: 26 dez. 2019.

PESSANHA, L. P. M.; MORALES, G. Modelagem da geração de resíduos de equipamentos eletroeletrônicos urbanos: caracterização do fluxo domiciliar no município de Campos-RJ. In: INTERNATIONAL WORKSHOP ADVANCES IN CLEANER PRODUCTIONS. 6. 2017. São Paulo. Anais eletrônicos […]. Disponível em http://www.advancesincleanerproduction.net/sixth/ptbr/site/downloads.html#f_p . Acesso em: 05.01.2020.

PETITO, C. S. Desafios e oportunidades da logística reversa de eletroeletrônicos em uma operadora de celular na visão de gestores e usuários. Revista Metodista de Administração do Sul, Porto Alegre, v.2, n. 1, p. 109 – 141, 2017.

PINOCHET, L. H.; LOPES, A. S.; SILVA, J. S. Inovações e tendências aplicadas nas tecnologias de informação e comunicação na gestão da saúde. Revista de Gestão em Sistemas de Saúde, v.3, n. 2, p. 11 – 29, 2014.

PIRES, L. C. Análise dos impactos da tecnologia de informação e comunicação para o turismo.

Revista Observatório de Inovação do Turismo, São Paulo, 5, n. 4, p. 01 – 20, 2010.

PORCARO, R. M. Tecnologia da comunicação e informação e desenvolvimento: políticas e estratégias de inclusão digital no Brasil. Texto para discussão n. 1147. Instituto de Pesquisa Pura e Aplicada, 2006. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=4750. Acesso em: 19 dez. 2019.

RIBEIRO, B. P.; RUIZ, M. S.; SERRA, N. Práticas de gestão para otimização da vida útil de computadores pessoais: um estudo de caso no Campus de Santo André da Universidade Federal do ABC. Revista de Gestão Social e Ambiental, São Paulo, v. 9, n. 3, p. 80 – 96, 2015.

RIBEIRO, R, R. et al. Caracterização do solo contaminado com zinco após o processo de vermicompostagem. In: SALÃO DE ENSINO E DE EXTENSÃO E SEMINÁRIO DE INICIAÇAO CIENTÍFICA. 10, 25. 2013. Rio Grande do Sul. Anais eletrônicos [...]. Disponível em: https://online.unisc.br/acadnet/anais/index.php/semic/issue/view/46. Acesso em: 03 jan. 2020.

ROCHA, T. B.; PENTEADO, C. L. G. Impactos e benefícios ambientais do gerenciamento de resíduos eletroeletrônicos. Revista Latino-Americana em Avaliação de Ciclo de Vida, edição especial, p. 78 – 89, 2016. Disponível em: http://acv.ibict.br/comunicacao/noticias/3316-lalca-edicao-especial-v-congresso-brasileiro-de-gestao-do-ciclo-de-vida-v-cbgcv/. Acesso em: 19 dez.2019.

RODRIGUES, A. P. A comunicação e sua evolução. Recanto das letras. 2007. Disponivel em: https://www.recantodasletras.com.br/artigos/624715. Acesso em: 26 dez. 2019.

RODRIGUES, G. S. S. C.; COLESANTI, M. T. M. Educação Ambiental e as novas Tecnologias de Informação e Comunicação, Revista Sociedade & Natureza, Uberlândia, v. 20, n. 1, p. 51 – 66, 2008.

RONDOW JÚNIOR, N. von. Energia. Da revolução à conscientização. 2013. Disponível em: http://www1.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20131008130053.pdf. Acesso em: 29 dez. 2019.

ROSA, A. Fabricação de cada computador consome 1.800 quilos de materiais. 2007. Disponível em: https://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=010125070309&id=010125070309#.Xg3WokdKjIU . Acesso em: 28 dez. 2019.

ROSA, M. R.; SMEK, D. J. Práticas sustentáveis para utilização de recursos de TI na Administração pública federal. Revista Gestão & Tecnologia, Pedro Leopoldo, v. 17, n.3, p. 239 – 263, 2017.

ROSSETTI, A.; MORALES, A. B. O papel da tecnologia da informação na gestão do conhecimento. Ciência da Infomação, Brasília, v. 36, n. 1. P. 124 – 135, 2007. Disponivel em: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/1191/1362. Acesso em: 21 dez.2019.

SALGADO, A. C. O mundo moderno da Tecnologia da Informação. 2012. Disponível em: http://www.unicap.br/webjornalismo/geeksdebatom/?p=61. Acesso em 29 dez. 2019.

SALLES, A. C et al. Tecnologia da Informação Verde: Um Estudo sobre sua Adoção nas Organizações. Revista de Administração Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 20, n. 1, p. 41 – 63, 2015.

SANTOS, E. A.; MOURA, E. V.; MATOS, R. M. Ferramentas informais em contextos formais: aplicação de um modelo para avaliar a aceitação de tecnologias móveis entre Professores Universitários. Revista Gestão & Tecnologia, Pedro Leopoldo, v. 19, n. 4, p. 117 – 137, 2019.

SANTOS, F. N. FRESCHI, J. C. A evolução da t.i. e os impactos na administração das empresas. Revista Terceiro Setor, Guarulhos, v.7, n. 1, p. 05 – 13, 2013.

SANTOS, C. A. F.; NASCIMENTO, L. F. M.; NEURZLING, D. M. A Gestão dos Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos (REEE) e as Consequências para a Sustentabilidade: As Práticas de Descarte dos Usuários Organizacionais. Revista Capital Científico, v. 12, n. 1, p. 01 – 18, 2014.

SANTOS, J. V. T.; TEIXEIRA, A. N; RUSSO, M. Violência e cidadania: práticas sociológicas e compromissos sociais. Porto Alegre: UFRGS, 2011.

SCHNEIDER, J.; HENKER, J. A.; GUERRA, J. B. S. O. A. Uma análise bibliométrica sobre a produção científica focadas na inovação tecnológica da indústria e a sustentabilidade ambiental. Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, Florianópolis v. 7, n 4, p. 609 – 631, 2018.

SCHROEDER, A. M. et al., Benefícios econômicos e ambientais da reciclagem e reuso de resíduos eletroeletrônicos: Estudo de caso em um centro de reciclagem especializado em São Paulo. SIMPÓSIO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO E TECNOLOGIA. 22. 2015. Anais eletrônicos [...] Disponível em: https://www.aedb.br/seget/artigos2015.php?pag=217. Acesso em: 20 dez. 2019.

SEO, E. S. M.; FINGERMAN, N. N. Sustentabilidade na gestão de resíduos sólidos: panorama do segmento eletro eletrônicos. Revista de Saúde, Meio Ambiente e Sustentabilidade, São Paulo, v.6,n.3, p. 03 - 15, 2011.

SILVA, D. J. M. et al. Logística reversa dos resíduos de equipamentos eletroeletrônicos: analise da percepção ambiental em município no agreste paraibano. In: CONGRESSO SUL-AMERICANO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUSTENTABILIDADE. 1. 2018. Rio Grande do Sul. Anais eletrônicos [...] Disponivel em: https://www.ibeas.org.br/conresol/1conresol.htm. Acesso em: 28 dez. 2019.

SILVA, E. L. F. As tecnologias da comunicação e informação e o ensino de História. 2009. 13 p. Disponível em: https://repositorio.ufsm.br/handle/1/1744. Acesso em: 29 dez. 2019.

SILVA, J. S. História da comunicação e seus meios: um constitutivo pedagógico, In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO. 7. 2016. Sergipe. Anais eletrônicos. Disponível em: https://eventos.set.edu.br/index.php/simeduc/article/viewFile/3308/1236. Acesso em: 26 dez. 2019.

SILVA, L. A. A.; PIMENTEL, H. C. D.; CAMPOS, L. M. S. Logística reversa dos resíduos eletrônicos do setor de informática: realidade, perspectivas e desafios na cidade do Natal-RN. Revista Produção online, Florianópolis, v. 13,n. 2, p. 544 – 576, 2013.

SILVA, S. R. Concentrações de Amônia na Atmosfera na Cidade de São Paulo e sua Relação com a Poluição Veicular. 2015 109 p. Dissertação (Mestrado profissional em Ambiente, Saúde e Sustentabilidade). Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, 2015.

SIQUEIRA, V. S.; MARQUES, D. H. F. Gestão e descarte de resíduos eletrônicos em Belo Horizonte: algumas considerações. Revista Caminhos da Geografia, Uberlândia, v. 13, n. 43, p.. 174 – 187, 2012.

SOBRAL, F. A.; HOURNEAUX JÚNIOR, F. TI sustentável: redução dos resíduos por meio da inovação tecnológica - o projeto ATM CX3. In: INTERNATIONAL WORKSHOP ADVANCES CLEANER PRODUCTION. 5. 2015. São Paulo. Anais eletrônicos […]. Disponivel em: http://www.advancesincleanerproduction.net/fifth/files/sessoes/4B/6/sobral_and_horneaux_junior_academic.pdf. Acesso em 31 dez. 2019.

SOUZA, V.; KONRAD, O.; GONÇALVES JÚNIOR, A. C. Contaminação por chumbo, riscos, limites legais e alternativas de remediação. Revista Veredas do Direito, Belo Horizonte, v. 13, n. 25, p. 249 – 276, 2016.

TAVARES, L. A. James Watt: a trajetória que levou ao desenvolvimento da máquina a vapor vista por seus biógrafos e homens da ciência. 2008. 74 p. Dissertação (Mestrado em História da Ciencia). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. 2008

TEODORO, A. N.; PRZEYBILOVICZ, E.; CUNHA, M. A. Governança de tecnologia da informação: uma investigação sobrea representação do conceito. Revista Administração, São Paulo, v. 49, n. 2, p. 307 – 321, 2014.

VALENÇA, A. K. et al. Produção Científica sobre Tecnologia da Informação Verde: estudo a partir de periódicos nacionais. In: CONGRESSÃO DE GESTÃO, NEGÓCIO E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, 1. 2017. Sergipe. Anais eletrônicos...Aracaju: Universidade Tiradentes, Campus Farolândia. P. 1-11. Disponível em https://eventos.set.edu.br/index.php/congenti/article/view/8149/2933. Acesso em: 17 dez.2019.

VERASZTO, E. V. Desafios da globalização para garantir um desenvolvimento científico, tecnológico e sustentável. Revista do Centro de Educação a Distância, Florianópolis, v. 2, n. 2, p. 15 – 36, 2009.

VILAÇA, V. Evolução das comunicações. 2015. Disponível em: https://pt.slideshare.net/Thomas_ferreira/a-evoluo-da-comunicao-46689660. Acesso em: 04. Jan. 2020.

XAVIER, L. H.; CARVALHO, T. C. M. B. Gestão de resíduos eletroeletrônicos: uma abordagem prática para a sustentabilidade. Rio de Janeiro: Campus, 2014.

XAVIER, L. H.; LINS, F. A. Mineração urbana de residuos eletroeletrônicos: uma nova fronteira a explorar no Brasil .Brasil Mineral, n. 379. 2018. Disponível em: https://www.cetem.gov.br/images/periodicos/2018/mineracao-urbana.pdf. Acesso em: 30 dez. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-260

Refbacks

  • There are currently no refbacks.