Diatraea saccharalis, (Fabr.) (Lepidoptera: Crambidae) em cana-de-açúcar de segundo corte fertilizada com organomineral de lodo de esgoto e bioestimulante/ Diatraea saccharalis, (Fabr.) (Lepidoptera: Crambidae) in second-cut sugarcane fertilized with sewage sludge organomineral and biostimulant

Igor Alves Pereira, Mateus Ferreira, Brenda Karoline Silva Oliveira, Felipe Garcia de Menezes, Joicy Vitória Miranda Peixoto, José Geraldo Mageste, Regina Maria Quintão Lana, Emmerson Rodrigues de Moraes

Abstract


A cana-de-açúcar é uma espécie vegetal semi-perene, pertencente à família Poaceae. O lodo de esgoto é um resíduo resultante de processos de tratamento biológico de esgoto utilizado na agricultura. Bioestimulantes são misturas formadas entre reguladores com outros compostos de natureza bioquímica. O balanço nutricional na fertilização de plantas é essencial para reduzir a incidência de pragas e doenças. Este trabalho teve o objetivo de estudar o desenvolvimento da broca da cana-de-açúcar de segundo corte adubada com fertilizante mineral e doses de fertilizante organomineral de lodo de esgoto e bioestimulante. O experimento foi conduzido em delineamento em blocos casualizados em esquema fatorial 5x2+1. Foram cinco tratamentos com e sem biestimulante, mais um adicional (adubação mineral) em quatro repetições. As combinações dos tratamentos foram em função da recomendação de adubação de plantio de 470 kg ha-1 da formulado 04-21-07 e cobertura de 400 kg ha-1 da formulação 10-00-40 + 0,7% B aos 150 dias após plantio (DAP) e cobertura aos 90 dias após o corte (DAC). Avaliou-se o número de entrenós totais e a incidência da broca-da-cana nos entrenós da cana. A fonte de fertilizante organomineral de lodo de esgoto não difere em relação fertilizante mineral. O bioestimulante não interfere na incidência da broca da cana-de-açúcar. O aumento dos percentuais de adubação não interferem na incidência da D. saccharalis.


Keywords


Adubação, estimulante vegetal, fertilizante.

References


BONILLA, J. A. Fundamentos da agricultura ecológica: sobrevivência e qualidade de vida. Nobel. São Paulo. 260 p.

COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO - CONAB. Acompanhamento da safra brasileira: cana-de-açúcar. V. 4 - SAFRA 2017/18 N. 2: segundo levantamento. Brasília: CONAB, 2017. p. 1-72. Disponível em:. Acesso em 11 nov. 2017.

DEEKS, L. K.; CHANEY, K.; MURRAY, C.; SAKRABANI, R.; GEDARA, S.; LE, M. S.; TYRREL, S.; PAWLETT, M.; READ, R.; SMITH, G. H. A new sludge-derived organo-mineral fertilizer gives similar crop yields as conventional fertilizers. Agronomy for Sustainable Development, Les Ulis, v. 33, n. 3., p.539-549, 2013.

GALLO, D.; NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R. P. L.; BATISTA, G. C.; BERTI FILHO, E.; PARRA, J. R. P.; ZUCCHI, R. A.; ALVES, S. B.; VENDRAMIN, J. D.; MARCHINI, L. C.; LOPES, J. R. S.; OMOTO, C. Entomologia agrícola. Piracicaba: FEALQ, 2002. 920 p.

PANNUTI, L. E. da R; BALDIN, E. L. L.; GAVA, G. J. de C.; KÖLLN, O. T.; CRUZ, L. C. S. Danos do complexo broca-podridão à produtividade e a qualidade da cana-de-açúcar fertirrigada com doses de nitrogênio. Pesq. agrop. Bras, Brasília, v. 48, n. 4, p. 381-383, 2013.

VIEIRA, E. L.; SOUZA, G. S.; SANTOS, A. R.; SILVA, J. S. Manual de fisiologia vegetal. São Luis - MA, EDUFMA, 2010, 230p.

YAN, W.; ZHONG, Y.; ZHENG, S.; SHANGGUAN, Z. Linking plant leaf nutrients/stoichiometry to water use efficiency on the Loess Plateau in China. Ecological Engineering, n.87, p. 124 - 131, 2016.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-165