Potencial genético de linhagens de arroz de terras altas pertecentes ao programa de melhoramento da Universidade Federal de Lavras – melhor arroz/ Genetic potential of high land rice lines of the Federal University of Lavras – better rice

Isabela Pereira de Lima, Flávia Barbosa Silva Botelho, Camila Soares Cardoso da Silva, Antonio Rosário Neto, Yasmin Vasques Berchembrock, Felipe Pereira Cardoso, Gerald Sormanti, Adriano Pereira de Castro

Abstract


O melhoramento genético de plantas é uma ciência que traz contribuições para adaptação e aumento da produção das culturas que atendam o novo cenário agrícola. O desenvolvimento de cultivares de arroz de terras altas com altas produtividades tem forte apelo social, pois dificilmente será possível atender à crescente demanda por alimentos, com a utilização oriunda somente do sistema de produção irrigado. Sendo assim, objetivou-se avaliar o desempenho de linhagens pertencentes aos ensaios de valor de cultivo e uso (VCU) do programa de melhoramento genético de arroz de terras altas da UFLA – MelhorArroz. Foram avaliadas 32 linhagens oriundas do programa de melhoramento e 4 testemunhas, BRS Esmeralda, BRSMG Caçula, BRSMG Caravera e BRSMG Relâmpago, em 14 ambientes incluindo diferentes locais e safras. Os experimentos foram conduzidos em delineamento de blocos casualizados com três repetições e o caractere avaliado, produtividade de grãos (kg.ha-1). Os dados foram analisados por meio da abordagem de modelos mistos. Os componentes de variância foram estimados por máxima verossimilhança restrita (REML), e os valores genotípicos preditos por meio do melhor preditor linear não viesado (BLUP) a partir da análise conjunta empregando-se o software SELEGEN REML/BLUP. As linhagens analisadas mantiveram média de produtividade que chegam atingir o dobro da média nacional, demonstrando o potencial dos genótipos que compõe os ensaios de valor de cultivo e uso. As linhagens são altamente produtivas e possuem amplo potencial de seleção para obtenção de novas cultivares.


Keywords


Oryza sativa; Arroz de terras altas; Melhoramento genético; Produtividade.

References


Companhia Nacional de Abastecimento (2019). Acompanhamento da safra brasileira de grãos, v. 6 – Safra 2018/19, n. 8 – Oitavo Levantamento.

GRENIER, C.; CAO, T-V.; OSPINA, Y.; QUINTERO, C.; CHÂTEL, M.H., TOHME, J.;

COURTOIS, B.; AHMADI, N. Accuracy of genomic selection in a rice synthetic population developed for recurrent selection breeding. PLoS ONE, 10(8), 2015.

HENDERSON, C. R. Best linear unbiased estimation and prediction under a selection model. Biometrics, 1975. p. 423-447.

RAMALHO, M.A.P.; ABREU, A.F.B.; SANTOS, J.B.; NUNES, J.A.R. Aplicações da

genética quantitativa no melhoramento de plantas autógamas. Lavras: Editora UFLA. 522p, 2012.

RESENDE, M. D. V. Selegen-Reml/Blup: sistema estatístico e seleção genética computadorizada via modelos lineares mistos. Colombo: Embrapa Florestas, 2007.

RESENDE, M. D. V.; DUARTE, J. B. Precisão e controle de qualidade em experimentos de avaliação de cultivares. 2007.

RESENDE, M.D.V. Genética biométrica e estatística no melhoramento de plantas perenes. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2002. 975p

SNEYD, L. Wild food consumption and urban food security. in: rapid urbanisation, Urban Food Deserts and Food Security in Africa. Springer International Publishing. p. 143-155, 2016.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n1-117

Refbacks

  • There are currently no refbacks.