Papel da colina na gestação humana: Revisão da literatura / Role of choline in human pregnancy: Literature review

Caroline Lima Zanatta Maciel, Ana Carolina Terrazzan

Abstract


O período gestacional requer atenção especial quanto à ingestão de nutrientes haja vista que é uma fase em que ocorre aumento significativo de necessidades energéticas e nutricionais capazes de suprir as necessidades tanto da mãe quanto do feto, podendo ser necessário suplementar a dieta alimentar das gestantes e lactantes. Nesse sentido, o objetivo dessa pesquisa é verificar os efeitos da suplementação de Colina para a saúde da gestante e para a saúde do feto. Para tanto foi realizada uma revisão da literatura em bases de dados e referências clássicas. Verificou-se que a Colina tem sido estudada como um importante nutriente para a gestante e para o feto, contribuindo para a saúde materna e para o desenvolvimento físico e mental da criança, no período gestacional e de lactação. O organismo humano sintetiza uma pequena quantidade de Colina, mas não suficiente, sendo necessário consumi-la por meio de alimentos ou suplementação de micronutrientes. A legislação brasileira recomenda a ingestão diária de 450mg/dia de Colina na gestação e de 550mg/dia no período de lactação. Estudos comprovam que o consumo de ovos aumenta a Colina plasmática, sendo recomendado que sejam incluídos até dois ovos/dia na dieta alimentar de mulheres gestantes. Mulheres grávidas que não consomem quantidades adequadas de alimentos fonte, podem ser encorajadas a receber suplementação de Colina. Conclui-se que a Colina contribui tanto para a saúde da gestante quanto para a saúde do feto.


Keywords


Gestação; Colina; Dieta; Suplemento

References


ANVISA. Resolução RDC nº 269, de 22 de setembro de 2005. "Regulamento técnico sobre a ingestão diária recomendada (idr) de proteína, vitaminas e minerais". ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, 23 de setembro de 2005. Disponível em: . Acesso em: 14 abr. 2017.

ASSUMPÇÃO, D.; DOMENE, S. M. A.; FISBERG, R. M.; CANESQUI, A. M.; BARROS, M. B. A. Diferenças entre homens e mulheres na qualidade da dieta: estudo de base populacional em Campinas, São Paulo. Ciência & Saúde Coletiva, v. 22, n. 2, p. 347-358, 2017.

BAIÃO, M. R.; DESLANDES, S. F. Alimentação na gestação e puerpério. Revista Nutrição, Campinas, v.19, n. 2, mar./abr. 2006.

______. Gravidez e comportamento alimentar em gestantes de uma comunidade urbana de baixa renda no município do Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 24, n. 11, p. 2633-2642, nov, 2008.

BELARMINO, G. O.; MOURA, E. R. F.; OLIVEIRA, N. C.; FREITAS, G. L. Risco nutricional entre gestantes adolescentes. Acta Paul. Enferm., São Paulo, v. 22, n. 2, 2009.

BELL, C. C.; AUJLA, J. Prenatal vitamins deficient in recommended Choline intake for pregnant women. J Fam Med Dis Prev 2016, 2:048.

BERTIN, R. L.; PARISENTI, J.; DI PIETRO, P. F.; VASCONCELOS, F. de A. G.. Métodos de avaliação do consumo alimentar de gestantes: uma revisão. Rev. Bras. Saúde Matern. Infant., Recife, 6 (4): 383-390, out./dez., 2006.

BYDLOWSKI, S. P.; MAGNANELLI, A. C.; CHAMONE, D. A. F. Hiper-homocisteinemia e doenças vaso-oclusivas. Arq. Bras. Cardiol. São Paulo, v. 71, n. 1, jul. 1998.

FREITAS, E. S. ; DAL BOSCO, S. M.; SIPPEL, C. A.; LAZZARETI, R. K. Recomendações nutricionais na gestação. Revista Destaques Acadêmicos, CCBS/UNIVATES, a. 2, n. 3, p. 81-95, 2010.

INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary Reference Intakes for thiamin, riboflavin, niacin, vitamin B6, folate, vitamin B12, Pantothenic acid, biotin and choline. Prepublication copy. Food and Nutrition Board. National Academy Press, Washington, D.C.. Abril 1998.

______. Dietary reference intakes (DRIs) recommended intakes for individuals. Food and Nutrition Board. National Academic Press, Washington, D.C.. 2004.

JONES III, J. P. et al. Choline availability to the developing rat fetus alters adult hippocampal long-term potentiation. Developmental Brain Research, n. 118, p. 159–167, 1999.

KONSTANTINOVA, S. V. Coorte Health Study Hordaland. Am. J. Clin. Nutr. n. 88, 2008. p. 1663–9.

KRAMMER, M. S. et al. Promotion of Breastfeeding Intervention Trial (PROBIT): A Randomized Trial in the Republic of Belarus - The journal of the American Medical Association. The Journal of the American Medical Association, v. 285, p. 413-420, jan. 2001.

LEBREIRO, A. R. P. M. F. Especificidades nutricionais da gravidez. 2006. Disponível em: . Acesso em: 02 mar. 2017.

LI, Z.; VANCE, D. E. A homeostase da fosfatidilcolina e colina. Published, JLR Papers in Press, 19 jan. 2008.

MANZOTTI, C. A. Colina – fonte de saúde. Trabalho de conclusão do curso. Habilitação em Medicina Biomolecular. São Paulo: 2011. Disponível em: . Acesso em: 02 mar. 2017.

MECK, W. H.; SMITH, R. A.; WILLIAMS, C. L. Pre and postnatal choline supplementation produces long-term facilitation of spatial memory. Dev. Psychobiol., n. 21, p. 339-353, 1988.

MELO, A. S. de O. et al. Estado nutricional materno, ganho de peso gestacional e peso ao nascer. Revista Brasileira Epidemiologia, São Paulo, v. 10, n. 2, jun. 2007.

MENDES, E. L.; BRITO, C. J. Carnitina, colina e fosfatidilcolina como nutrientes reguladores do metabolismo de lipídios e determinantes do desempenho esportivo. EFDEPORTES Revista Digital, Buenos Aires, a. 12, n. 108, maio, 2007.

ROSS, R. G., et al. Perinatal Choline Effects on Neonatal Pathophysiology Related to Later Schizophrenia Risk. American Journal of Psychiatry,jan.2013.

SHAW, G. Choline and risk of neural tube defects in a folatefortified population. Epidemiology. n. 20, v. 5, set. 2009. p. 714-9.

SILVA, L. S. V.; THIAPÓ, A. P.; SOUZA, G. G.; SAUNDERS, C.; RAMALHO, A. Micronutrientes na gestação e lactação. Rev. Bras. Saude Mater. Infant., Recife, v. 7, n. 3. jul/set. 2007,

TOKUMURA, A. et al. Altered activity of lysophospholipase D, which produces bioactive lysophosphatidic acid and choline, in serum from women with pathological pregnancy. Molecular Human Reproduction, v. 15, n. 5, p. 301–310, 2009.

YAN, J. et al. Pregnancy alters choline dynamics: results of a randomized trial using stable isotope methodology in pregnant and nonpregnant women. Am J Clin Nutr., n. 98, p. 1459–67, 2013.

ZHANG, M.; HAN, X.; BAO, J.; YANG, J.; SHI, S-Q.; GARFIELD, R. E.; LIU, H. Choline supplementation during pregnancy protects against destational lipopolysaccharide-induced inflammatory responses. Reproductive Sciences, v. XX, n. X, p. 1-12, 2017.

ZEISEL, S.H. Choline: Needed for normal development of memory. J. Am. Coll. Nutr. n. 19, p. 528S-531S, 2000.

______. The fetal origins of memory: the role of dietary choline in optimal brain development. The Journal of Pediatrics, nov. 2006. p. S131-S136.

______. Nutrition in pregnancy: the argument for including a source of choline. International Journal of Women’s Health, n. 5, p. 193–199, 2013.

ZEISEL, S. H.; COSTA, K.A. Choline: an essential nutrient for public health. Nutrition Reviews, v. 67, n. 11, 2009. p. 615–623.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.