Análise microbiológica e toxicológica dos extratos brutos secos da Bauhinia Variegata L (pata de vaca) / Microbiological and toxicological analysis of dried raw extracts of Bauhinia Variegata L (cow's foot)

Caroliny Henrique Pereira da Silva, Brenda Heloísa Silva, Gabriela Quirino Alves, Iran Alves da Silva, Pedro Arthur Martins Farias, Daniele de Oliveira Santos, Maria Dayane de Moura Silva, Tarcila Karinny Henrique da Silva, Fabrícia Morgana Teixeira de Lima, Maria Clara Lima Silva, Risonildo Pereira Cordeiro

Abstract


Introdução: O bioma caatinga compõe diversas plantas medicinais, as quais constituem uma das principais fontes terapêuticas para a população, e tem um potencial promissor na busca por novos fármacos. Uma das espécies mais utilizadas é a Bauhinia variegata, principalmente devido a sua propriedade hipoglicemiante. No entanto, é necessário que haja maior investigação acerca das suas características, potenciais terapêuticos e toxicológicos. Objetivo: Realizar um estudo de investigação microbiológica e toxicológica dos extratos brutos secos da parte aérea da B. variegata L. (pata de vaca) para banco de dados. Metodologia: O presente estudo foi realizado nos laboratórios de um Centro Universitário no agreste de Pernambuco-PE, tendo delineamento do tipo laboratorial experimental, onde a atividade antimicrobiana da B. variegata, frente a microrganismos patogênicos, bem como seu potencial toxicológico agudo foi testado.  Resultados e discussão: Houve um baixo número de mortes em todas as concentrações testadas da amostra, obtendo-se uma CL50 = 2.182,76 Ug/mL µg/mL. onde o extrato   mostrou-se praticamente átoxico para a Artemia salina Leach nas concentrações e condições testadas, pois quanto mais longe de zero a CL50 for mais atóxico a planta é. O teste microbiológico apresentou inibição nas concentrações de 100% e 50% frente ao patógeno S. aureus. Considerações finais: Apesar dos resultados promissores frente a artemia salina, e a bactéria gram positiva, S. aureus, existe a necessidade da realização dos demais ensaios toxicológicos pré-clínicos e microbiológicos, para assegurar o uso seguro da planta.


Keywords


Plantas medicinais, Toxicologia, Antibacterianos.

References


DE LOS RIOS, C.; GIL, H. E.BAEZ, H.D. Efecto inhibitorio de Bauhinia variegata L. sobre la glucaciónno enzimática de la hemoglobina. Revista de la facultad de Farmacia, v. 45, n. 2, p. 12-16, 2003.

DHALE, A. D. Phytochemical screening and antimicrobial activity of Bauhinia variegata Linn. Journal of Ecobiotechnology, v. 3, n. 9, p. 4- 7, 2011.

DUARTE-ALMEIDA, J.; NEGRI, G.; SALATINO, A. Óleos voláteis em folhas de Bauhinia (Fabaceae Caesalpinioideae). Biochemical Systematics and Ecology, v. 32, n. 8, p. 747-753, 2004.

FIGUEIRA, A. C. G.; BRITO, A. F.; SILVA, G. A Avaliação da toxicidade de plantas medicinais brasileiras por meio do bioensaio com Artemia salina. Jornada de Pesquisa e Iniciação Científica, v. 3, n. 3, 2012.

GIRALDI, M.; HANAZAKI, N. Uso e conhecimento tradicional de plantas medicinais no Sertão do Ribeirão, Florianópolis, SC, Brasil. Acta Botanica Brasilica, v. 24, n. 2, p. 395-406, 2010.

GOMES, Bárbara, et al. Quintal da saúde: plantas medicinais na promoção do cuidado. Brazilian Journal of Development. Curitiba, v. 7, n. 3, p. 2567 - 32574, 2021.

JARDIM, P. M.S. Plantas Medicinais e Fitoterápicos: Guia Rápido Para a Utilização de Algumas Espécies Vegetais. 2 ed. Brasília – DF. Universidade de Brasília, p. 98, 2016.

JIGNA, P.; NEHAL, K.; SUMITRA, C. Screening of some traditionally used medicinal plants for potential antibacterial activity. Indian Journal of Pharmaceutical Science, v. 68, n. 6, p. 832-834, 2006.

HOMEM, I.C.M. Estudos fitoquímicos, ensaios de toxicidade, atividade larvicida, antimicrobiana e antioxidante das folhas e caules de Mollinedia clavigera Tull. (Monimiaceae). Dissertação. (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) Universidade Federal do Paraná, Curitiba, p. 109, 2015.

IRIBARREN, A. M.; POMILIO, A. B. Components of Bauhinia candicans. Journal of Natural Products, v. 46, p.752-753, 1983.

KANAK, S.; VERMA, A. K. Evaluation of antimicrobial and anticancer activities of methanol extract of in vivo and in vitro grown Bauhinia variegata L. International Research Journal of Biological Sciences, v. 1, n. 6, p. 26-30, 2012.

KONEMAN, E. W. et al. Diagnóstico Microbiológico/Microbiologicaldiagnosis: Texto Y Atlas En Color/Textand Color Atlas. Ed. Médica. Panamericana, 2008.

KRISHNARAJUA, A. V. et al. Assessment of Bioactivity of Indian Medicinal Plants Using Brine Shrimp (Artemia salina) Lethality Assay. International Journal of Applied Science and Engineering, v. 3, n. 2, p. 125-134, 2005.

LAMEIRA, O. A. PINTO, J. E. B. P. Plantas medicinais: do cultivo, manipulação e uso à recomendação popular. Belém, PA: Embrapa Amazônia Oriental, p. 264, 2008.

LUBIAN, C. T. et al. Atividade antifúngica do extrato aquoso de Arctium minus (Hill) Bernh.(Asteraceae) sobre espécies orais de Candida. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, v. 12, n. 2, p. 157-162, 2010.

MARTÍNEZ, M. M. et al. Actividad antibacteriana y citotoxicidad in vivo de extractos etanólicos de Bauhinia variegata L. (Fabaceae). Revista Cubana de Plantas Medicinales, [s.l.], v. 16, n. 4, p. 313-323, 2011.

MEYER, B. N. et al. Brine Shrimp: a convenient general bioassay for active plant constituents. Planta Médica, v. 45, p. 31, 1982.197, 2002.

MEYER, B.N. et al. A convenient general bioassay for active plant constituents. Journal of Medical Plant Research, v. 45, 1, p. 31-34, 1982.

NOGUEIRA, A. S. C. Revisão do Gênero Bauhinia Abordando Aspectos científicos das espécies Bauhinia forficata Link e Bauhinia variegata L. de interesse para a indústria farmacêutica. Revista fitos, v. 7, n. 2, 2012.

PAREKH, J.; CHANDA, S. Antibacterial and phytochemical studies on twelve species of Indian medicinal plants. African Journal of Biomedical Research,v. 10, n. 2, 2007.

PAREKH, J.; KARATHIA, N.; CHANDA, S. Screening of some traditionally used medicinal plants for potential antibacterial activity. Indian J. Pharm. Sci., v. 68, p. 832-834, 2006.

PEPATO, M. T. et al. Evaluation of the spouted bed dried leaf extract of Bauhinia forficata for the treatment of experimental diabetes in rats. African Journal of Biotechnology, v. 9, n. 42, p. 7157-7164, 2010.

POKHREL, N. R.; ADHIKARI, R.; BARAL, M. In-vitro evaluation of the antimicrobial activity of Bauhinia variegata, locally known as koiralo. World Journal of Microbiology and Biotechnology, v. 18, n. 1, p. 69-71, 2002.

UDDIN, G.; SATTAR, S.; RAUF, A. Preliminary phytochemical, in vitro pharmacological study of Bauhinia alba and Bauhinia variegata flowers. Middle-East Journal of Medicinal Plants Research, n. 4, p. 75-79,2012.

RODRIGUES, E.; DUARTE-ALMEIDA, J. M.; PIRES, J. M. Perfil farmacológico e fitoquímico de plantas indicadas pelos caboclos do Parque Nacional do Jaú (AM) como potenciais analgésicas: parte I. Revista Brasileira de Farmacognosia, 2010.

SAHU, G.; GUPTA, P. K. A review on Bauhinia variegata linn. International research Journal of Pharmacy, v. 3, n. 1, p. 48-51, 2012.

SALATINO A. et al. Foliar flavonoids of nine species of Bauhinia. Rev Bras Bot, São Paulo, v. 22, p. 17-20, 1999.

SIMÕES, R. C.; ALMEIDA, S. S. M. S. Estudo fitoquímico de Bauhinia forficata (Fabaceae). Biota Amazônia, Macapá, v. 5, n. 1, p. 27-31, 2015.

SILVA, K.L.; CECHINEL FILHO V.. Plantas do gênero Bauhinia: composição química e potencial farmacológico. Química Nova, v. 25, p. 449-454, 2002.

VAZ, A.M.S.F. Bauhinia. In: Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2013.

WAZLAWIK, E. et al. Efeito dos extratos brutos hidroalcoólicos de Bauhinia variegata L. sobre a ação de agonistas na musculatura lisa não-vascular. IX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental, Caxambu, 1996.

YADAVA, R. N.; REDDY, V.M. S. Anti-inflammatory activity of a novel flavonol glycoside from the Bauhinia variegata Linn. Natural Product Research, v. 17, n. 3, p. 165-169, 2003.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n12-036

Refbacks

  • There are currently no refbacks.