Uso das narrativas digitais nas aulas remotas em tempos de pandemia de Covid-19 / Use of digital narratives in remote classes in times of pandemic Covid-19

Ednaldo Coelho Pereira, Maély Ferreira Holanda Ramos, Alex Correa Pontes

Abstract


In times of pandemic caused by COVID-19, remote classes unexpectedly assumed a fundamental role. Therefore, the objective of the research in question was fixed on verifying the possibility of using Digital Narratives-ND as a teaching and learning strategy in this scenario. The practice was segmented into three stages, namely: 1- Content delivery within the scope of a discipline on the integration of the New Digital Technologies of Information and Communication-NTDIC curriculum; 2- The creation of DN as a practice of the discipline; 3- A field research using participant observation and Focus Group dynamics as a data collection tool. The analysis carried out showed that the use of DN if appropriate to the context with pedagogical guidance can be another tool to be used in times of pandemic and social distancing to promote/facilitate/collaborate with the teaching and learning process.

 

 


Keywords


Digital Narratives; school Curriculum; NTDIC, Learning.

References


ALMEIDA, N. R. A atuação do educador e as tecnologias: uma relação possível? Eixo Temático: Tecnologias: Pra que te quero? 2008, p.1-7. Disponível em:< http://livrozilla.com/doc/1691082/a-atua%C3%A7%C3%A3o-do-educador-e-astecnologias>. Acesso em: 12 de junho de 2021.

ALMEIDA, Maria Elizabeth Bianconcini; BERTONCELLO, L. . Integração das tecnologias de informação e comunicação na educação: novos desafios e possibilidades para o desenvolvimento do currículo. In: EDUCERE - X Congresso Nacional de Educação e I Congresso Internacional de Representações sociais, subjetividade e educação, 2011, Curitiba. Anais do EDUCERE - X Congresso Nacional de Educação e I Congresso Internacional de Representações sociais, subjetividade e educação. Curitiba, 2011.

ALMEIDA, M. E. B; VALENTE, J. A. Tecnologias e currículo: trajetórias convergentes ou divergentes? São Paulo: PAULUS 2011.

ALMEIDA, M. E. B; VALENTE, J. A. Currículo sem Fronteiras, Integração currículo e tecnologias e a produção de narrativas digitais. V 12, n. 3, p. 57-82, set/dez 2012.

ARAÚJO, R. Sde. Contribuições da Metodologia WebQuest no Processo de letramento dos alunos nas séries iniciais no Ensino Fundamental. In: MERCADO, Luís Paulo Leopoldo (org.). Vivências com Aprendizagem na Internet. Maceió: Edufal, 2005.

BORGES, Marilene A. F. Apropriação das tecnologias de informação e comunicação pelos gestores educacionais. 2009. 321f. Tese de Doutorado em Educação: Currículo, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.

BRASIL. Educação Superior à Distância. Ministério da Educação. Disponível em: . Acesso em: 12junho de 2021.

BRASIL. Diário Oficial da União. Ministério da Educação/Gabinete do Ministro. Portaria nº 343, de 17 de março de 2020. Disponível em:< http://www.in.gov.br/en/web/ dou/-/portaria-n-343-de-17-de-marco-de-2020-248564376>. Acessado em 08/06/2021.

BRASIL. Ministério da Educação (MEC), Conselho Nacional de Educação (CNE) 2020. Disponível em: . Acesso em: 08/06/2021.

FARIAS, C. H. B.As relações Interpessoais: conflitos e suas implicações. In: III Congresso Internacional de Educação, 2009, Santa Maria. III Congresso Internacional de Educação: Educação Humanizadora e os desafios da diversidade. Santa Maria, 2009.

FILATRO, A.; CAVALCANTI, C. C. Metodologias Inov-ativas na educação presencial, a distância e corporativa. São Paulo: Saraiva Educação, 2018.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia- saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

GALVÃO, C. Narrativas em Educação. Ciência & Educação. V. 11, n. 2, p.327-345, 2005. Disponível em:

GASCIOLA, Vicente; Roteiro para as Novas Mídias, XXVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação e Tecnologias da Informação, junho de 2004.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa - 4. ed. - São Paulo: Atlas, 2002.

GIL, A. C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 2014.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. de A. Fundamentos de metodologia científica: Técnicas de pesquisa. 7ª ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MARTINS, G. A. Estudo de caso: uma estratégia de pesquisa. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 2008.

PACHECO, J. A. (1996). Currículo: teoria e práxis. Porto: Porto.

PEREIRA, E. C.. Currículo e as Narrativas Digitais: Uma estratégia continuada de aprendizagem. In: XI Encontro de Pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Educação: Currículo, 2013, São Paulo. Currículo: tempos, espaço e contextos. São Paulo: Editora da PUC-SP, 2013. v. 1. p. 1-17.

PEREIRA. E.C. Interação e relações interpessoais na ambiência de um sistema de educação presencial mediado por recursos tecnológicos. São Paulo: PUC-SP, 2017. 213f. Tese (Doutorado em Educação: currículo) – Programa de Pós-Graduação em Educação: currículo, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.

PONCE, Branca Jurema, Educação em valores no currículo escolar, Revista e-curriculum, São Paulo v.5 n.1 Dez 2009.

SACRISTÁN, J. G. A cultura para os sujeitos ou os sujeitos para a cultura? O mapa mutante dos conteúdos na escolaridade. In: ______. Poderes instáveis em educação. Porto Alegre: Artmed, 1999, p. 147 - 206.

SANDHOLTZ, Judith H. Ensinando com as tecnologias: criando sala de aula centrada

nos alunos. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

SILVA, T. T. da; MOREIRA, A. F.(Orgs.) Currículo Cultura e Sociedade. São Paulo. Cortez, 1995.

VALENTE, J. A. A Espiral da Espiral de Aprendizagem: o processo de compreensão do papel das tecnologias de informação e comunicação na educação. 2005. Tese (Livre Docência) Universidade Estadual de Campinas. Campinas, São Paulo, 2005.

VALENTE, J. A. Formação de Professores: Diferentes abordagens pedagógicas. In J. A. Valente (org) O Computador na Sociedade do Conhecimento. Campinas (SP): NIED-UNICAMP, 1999.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-060

Refbacks

  • There are currently no refbacks.