As más práticas de higiene como facilitadoras para desarranjos em saúde: Relato de experiência / Poor hygiene practices as facilitators for health disorders: An experience report

Yasmim de Paula Deitos, Giselle Leão Pereira

Abstract


O Objetivo desse estudo é desenvolver uma intervenção na realidade da família sobre mudança de hábitos de vida e os benefícios da higiene na manutenção da saúde pessoal. O desenvolvimento do presente estudo ocorreu no primeiro semestre de 2018, sendo elaborado pelos acadêmicos de medicina da Faculdade Alfredo Nasser mediante aplicação da metodologia do Arco de Maguerez. A partir da teorização do tema compreende-se que a higiene consiste nos hábitos e condutas que auxiliam na prevenção de doenças, evitando a propagação de doenças infectocontagiosas, além de manter a saúde e o bem-estar dos indivíduos. Frente a isso foram elaboradas cinco hipóteses de solução com a finalidade de educar os pacientes quanto a importância da higiene pessoal, ambiental e alimentar e a sua influência na saúde, demonstrando os tipos de doenças que podem ser transmitidas e quais atos de higiene podem facilmente combatê-las, buscando melhorar a qualidade de vida. Por fim, esse estudo evidencia a influência dos cuidados básicos de saúde e de higiene na conservação da saúde física e mental do indivíduo e da família. Mostrando a saúde como resultado da interação do homem com o ambiente e o meio em que está inserido, assim como seus hábitos e cultura.


Keywords


Higiene, doença, infectocontagiosa, prevenção.

References


BORILLE, Dayane Carla et al. A aplicação do método do arco da problematização na coleta de dados em pesquisa de enfermagem: relato de experiência. Texto contexto - enferm., Florianópolis, v. 21, n. 1, p. 209-216, Mar. 2012. Disponível em: . Acessado em 29 maio 2018

FUJITA, Júnia Aparecida Laia da Mata et al. Uso da metodologia da problematização com o Arco de Maguerez no ensino sobre brinquedo terapêutico. Rev. Port. de Educação, Braga, v. 29, n. 1, p. 229-258, jun. 2016. Disponível em . Acessado em 29 maio 2018.

ANDRADE, A., PINTO, SC., and OLIVEIRA, RS., orgs. Animais de Laboratório: criação e experimentação [online]. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2002. 388 p. ISBN: 85-7541-015-6. Available from SciELO Books: . Acessado em 28 de maio de 2018.

HESKETH, José Luiz; COSTA, Maria T. P. M.. Construção de um instrumento para medida de satisfação no trabalho. Rev .adm. empres., São Paulo, v. 20, n. 3, p. 59-68, Setembro de 1980. Disponível em: . Acessado em: 29 de maio de 2018.

FERREIRA, André et al. A Teoria das Necessidades de Maslow: A Influência do Nível Educacional Sobre a sua Percepção no Ambiente de Trabalho. Seminários em administração, Rio de Janeiro 2010, ISSN: 2177-3866. Disponível em: < http://sistema.semead.com.br/13semead/resultado/trabalhosPDF/703.pdf>. Acessado em 28 de maio de 2018.

VILLARDI, ML, CYRINO, EG, and BERBEL, NAN. A metodologia da problematização no ensino em saúde: suas etapas e possibilidades. In: A problematização em educação em saúde: percepções dos professores tutores e alunos [online]. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2015, pp. 45-52. ISBN 978-85-7983-662-6. Available from SciELO Books: < http://books.scielo.org/id/dgjm7/pdf/villardi-9788579836626-05.pdf>. Acessado em 28 de maio de 2018.

BERBEL, Neusi Aparecida Navas; GAMBOA, Sílvio Ancizar Sánchez. A metodologia da problematização com o Arco de Maguerez: uma perspectiva teórica e epistemológica. Filosofia e Educação (Online), Londrina, v. 3, n. 2, p. 264-287, Março de 2012. Disponível em: < file:///C:/Users/acer/Downloads/8635462-4779-1-PB.pdf>.acessado> . Acessado em: 28 de maio de 2018.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n10-53

Refbacks

  • There are currently no refbacks.