Educação alimentar no contexto hospitalar em portadores de HIV / Food education in the hospital context in HIV carriers

Cinthia Regina Sales Furtado Vieira, Rozinéia de Nazaré Alberto Miranda, Raimundo Bentes de Almeida Junior, Fabiana Costa Cardoso, Ranilda Gama de Souza, Aldair da Silva Guterres, Gredany Rodrigues Palheta

Abstract


A avaliação nutricional faz-se essencial para a oferta  adequada do suporte alimentar aos portadores do HIV em todos os estágios da infecção. A educação nutricional promove saúde através da mudança de práticas alimentares inadequadas, e conscientização do individuo na seleção dos alimentos. Objetivou-se realizar ação educativa de aconselhamento dietoterápico em unidade de internação aos portadores de HIV hospitalizado. Metodologia é um estudo  transversal, com abordagem quantitativa sobre a importância da alimentação no desenvolvimento da infecção, seguido de ação educativa aos 133 portadores do HIV-1  internados no Hospital Unversitario. Resultados: Com relação ao índice de massa corporal (IMC) a maioria  (59%) apresentou alteração no estado nutricional, 80% dos pacientes receberam orientação nutricional e, 100% afirmaram saber sobre a importância da alimentação para a saúde; apesar de 73% apresentarem conhecimento sobre alimentação equilibrada, apenas 33% realizavam entre 5 a 6 refeições por dia. Conclusão: Os portadores de HIV com menor oferta econômica e menores condições de acesso ao alimento, estão mais propensos a serem desnutridos como também aumentam a probabilidade de internação hospitalar. A adequação do estado nutricional constitui a principal necessidade de intensificação das ações de educação nutricional, pois revelam-se como principal aliada para a melhor aceitação e manutenção da Dietoterapia.

 


Keywords


HIV, Consumo Alimentar, Educação Nutricional.

References


Villela W V. Laurindo-Teodorescu L, Teixeira PR. Histories of AIDS in Brazil, 1983-2003. Brasília: Ministério da Saúde/Secretaria de Vigilância em Saúde/Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais; 2015. Ciência & Saúde Coletiva, 23(5), 1697-1698.2018

Balasubramaniam M , Jui P , Chandravanu DASH. Controle imune do HIV J Life Sci (Vila Westlake). 2019 jun; 1 (1): 4-37. JoLS Vol. 1, No. 1, June 2019:4-37

Santa Briguda MAS, Guterres AS, Pinho PM, et al . Correlação de variáveis antropométricas e bioquímicas de portadores de HIV/AIDS ambulatoriais Brazilian Journal of Development, Curitiba, v.7, n.6, p.62738-62752 jun. 2021.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Guia alimentar para a população brasileira / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. – 2. ed., 1. reimpr. – Brasília : Ministério da Saúde, 2014. 156 p.

Macedo Júnior AM, Gomes J.T., Estudo epidemiológico da AIDS no Brasil, no período de 2015-2019, a sua história e políticas públicas criadas até os dias atuais. Temas em saúde. Volume 20, Número 4 ISSN 2447-2131 João Pessoa, 2020

Boyer S, Clerc I, Bonono CR, Marcelina F, Bile PC, Ventelou B. Não adesão ao tratamento antirretroviral e interrupção não planejada do tratamento entre pessoas vivendo com HIV / AIDS nos Camarões: fatores individuais e relacionados à oferta de serviços de saúde. Social Science & Medicine. Abr de 2011; 72 (8): 1383–92.

Franke MF, MurraYMB, Munoz M, Hernandez DS, Sebastian JL, Atwood S, Et al. Food insufficiency is a risk factor for suboptimal antiretroviral therapy adherence among HIV-infected adults in urban Peru. AIDS Behav. Oct; 2011 15(7):1483–9. [PubMed: 20714923]

Amorim LDO, Figueiredo SM, Filippis T, Bruinsma IKA. Identificação de fontes de informação em assistência nutricional às pessoas que vivem com HIV/AIDS e a importância para a atuação do profissional de saúde. Revista de Medicina. Minas Gerais, 2010.

Ferreira RS, Ivo ML , Pontes ERJC, Uehara SNO, Meira JEC, Ferreira Jr MA. Aconselhamento dietético em pacientes com vírus da imunodeficiência humana . Revista de Enfermagem UFPE on line. Recife, 9(Supl. 5):8420-7, jun., 2015

Pinheiro KMK, Massaia IFDS, Gorzoni ML, Marrochi LC, Fabbri RMA. Investigação de síndrome consumptiva Arquivos Médicos dos Hospitais e da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. 2011.

Dantas MBP. Educação em Saúde na Atenção Básica: sujeito, diálogo, intersubjetividade. Recife, 2010. 234 f.: il. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, Fundação Oswaldo Cruz, 2010.

Duran AC. Qualidade da dieta de adultos vivendo com HIV/AIDS e seus fatores associados. 2019. 117 f. Dissertação (Mestrado em Nutrição)- Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, 2019.

Deresz FL, Et al. Consumo alimentar e risco cardiovascular em pessoas vivendo com HIV / AIDS." Ciência e Saúde Coletiva , vol. 23, n. 8, 2018, p. 2533+. Gale OneFile: Informe Académico. , Acessado em 3 de agosto de 2020.

Brasil. Fundação Nacional de Saúde. Diretrizes de educação em saúde visando à promoção da saúde: documento base - documento I/Fundação Nacional de Saúde - Brasília: Funasa, 2007.

Camlofski L, Mazur CE, Oliveira C,Silva CC, Tortorella CB, Bennemann GD; Saldan PC; Cavagnari MAV . Reeducação alimentar associada ao aconselhamento nutricional periódico em mulheres com síndrome metabólica: estudo de caso-controle. Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento, São Paulo. v.12. n.72. p.495-506. Jul./Ago. 2018.

Ulian MD, Sato PM; Alvarenga M, Scagliusi FB. Aconselhamento nutricional versus prescrição. In: Alvarenga, M; Figueiredo, M; Timerman, F; Antonaccio C. (Org.). Nutrição comportamental. 1 ed.São Paulo: Manole, 2015, v. , p. 161-190.

Alvarenga MS, Dias NMA. Aconselhamento Nutricional na prática clínica. In: Cuppari L. Nutrição Clínica no adulto. 4ª ED. Barueri: Manole, 2018. Pp 151-168.

Savi, LGGFS. Importância da intervenção nutricional em pacientes com síndrome consumptiva proveniente da síndrome da imunodeficiência adquirida. Brasília, 2013

Fetene N, Mekonnen W. The prevalence of risky sexual behaviors among youth center reproductive health clinics users and non-users in Addis Ababa, Ethiopia: A comparative cross-sectional study. PLOS ONE | June 7, 2018 .

Samip K , Archana A ,Binjwala SE. Estado nutricional e os fatores associados entre pessoas vivendo com HIV: uma evidência de pesquisa transversal em terapia antirretroviral hospitalar em Kathmandu, Nepal BMC Nutrition . 2020; 6: 22.

Miranda PS, Aquino JM, Monteiro RM, Dixe MA, Luz AM, Moleiro P. Comportamentos sexuais: estudo em jovens Sexual behaviors: study in the youth. Publicação Oficial do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa. Albert Einstein (São Paulo). 2018;16(3):1-7

Folayan MO, Adebajo S , Adedayo A , Kayode MO. Differences in Sexual Practices, Sexual Behavior and HIV Risk Profile between Adolescents and Young Persons in Rural and Urban Nigeria. PLoS One. 14 de julho de 2015; 10 (7): e0129106. doi: 10.1371 / journal.pone.0129106. e Collection 2015. Institute of Public Health and

Gebremichael DY , hadush KT , Kebede EM , Zegeye RT. Insegurança alimentar, estado nutricional e fatores associados à desnutrição entre pessoas vivendo com HIV / AIDS em tratamento antirretroviral em estabelecimentos de saúde pública da zona oeste de Shewa, na Etiópia Central. Biomed research interational v.2018

WHO Organização Mundial da Saúde (OMS) Genebra, Suíça: Organização Mundial da Saúde (OMS); 2011.

Thapa R., Amatya A., Pahari DP, Bam K., Newman MS Estado nutricional e sua associação com a qualidade de vida entre pessoas vivendo com HIV atendidas em locais públicos de terapia anti-retroviral de Kathmandu Valley, Nepal. 2015; 12 (1, artigo nº 14)

Rawat R, Kadiyala S, Mcnamara PE O impacto da assistência alimentar no ganho de peso e na progressão da doença entre indivíduos infectados pelo HIV que acessam os serviços de atendimento e tratamento da AIDS no Uganda. 2010; 10, artigo no. 316

Hussen S, Belachew T, Hussien N. O estado nutricional e seu efeito no resultado do tratamento entre clientes infectados pelo HIV que recebem HAART na Etiópia: um estudo de coorte. 2016; 13 doi: 10.1186 / s12981-016-0116-9.

Cuppari L. Nutrição Clinica no Adulto. Guias de Medicina Ambulatorial e Hospitalar - Nutrição - Nutrição Clínica no Adulto - 3ª Ed. 2014

Salci MA, Maceno P, Rozza SG, Silva DMGV, Boehs AE, Heidemann ITSB. Educação em saúde e suas perspectivas teóricas: algumas reflexões. Texto Contexto Enferm, Florianópolis, 2013 Jan-Mar; 22(1): 224-30.

Gomes LB, Merhy EE. Compreenderndo a educação popular em saúde: um estudo na literatura brasileira. Cad Saude Publica 2011; 27(1):7-18.

Couto TA. Práticas de educação em saúde nas equipes de saúde da família sob o enfoque da bioética principialista/Tatiana Almeida Couto.- Jequié, UESB, 2015. 87 f: il.; 30cm. (Anexos) Dissertação de Mestrado (Pós-graduação em Enfermagem e Saúde)-Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 2015.

Colomé JS, Oliveira DLLC. Educação em saúde: por quem e para quem? A visão de estudantes de graduação em enfermagem. Texto & Contexto. Enfermagem vol.21 no.1 Florianópolis Jan./Mar. 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n9-419

Refbacks

  • There are currently no refbacks.