Caracterização e uso de resíduo do beneficiamento de rochas ornamentais na produção de mudas de tomateiro / Caracterization and use of waste from the processing of dimension stones in the production of tomato seedlings

Elton Souza dos Santos, Arnaldo Henrique de Oliveira Carvalho, Guilherme de Resende Camara

Abstract


O presente trabalho teve como objetivo comparar a efetividade de dois tipos de resíduos de rochas ornamentais associados a substrato comercial, em diferentes concentrações, na produção de mudas de tomateiro. Foram determinados a composição química e o tamanho de partícula de cada resíduo. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2x7 (usando resíduo de Ocre Itabira (ROI) e resíduo de Preto São Gabriel (RPSG) e sete concentrações: 0; 5; 10; 15; 25; 50 e 100%) e sete repetições. Foram analisados o comprimento da raiz e da parte aérea, o diâmetro do coleto, as massas frescas e secas da raiz e da parte aérea, além do índice de qualidade do desenvolvimento de mudas (IQD). Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância, aplicando o teste Scott-Knott, ao nível de 5% de probabilidade. O ROI apresentou menor granulometria e por consequência maior área superficial, indicando que ele é mais propenso a ser solubilizado no substrato. As análises químicas mostraram que o RPSG apresentou melhor soma de bases e maiores concentrações de macronutrientes. Para todas as características agronômicas analisadas, os tratamentos que apresentaram melhores resultados foram os que possuíam concentrações de até 25%, para o ROI, e de até 100% para o RPSG. Quanto ao IQD, apresentaram-se resultados distintos a partir da adição de 10% para ambos os resíduos. Enquanto houve um decaimento para o ROI, possivelmente associado à baixa oferta de macronutrientes, para o RPSG, as médias não variaram estatisticamente entre si, mostrando-se promissor no plantio de mudas.


Keywords


Ocre Itabira, Preto São Gabriel, Substrato, Tomate Santa Clara.

References


ANDRADE, L.R.M.; MARTINS, E.S.; MENDES, I.C. Avaliação de uma rocha ígnea como corretivo de acidez e disponibilização de nutrientes para as plantas. Planaltina: EMBRAPA, (Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, 57), 19 p., 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. ABNT NBR 6502:1995. Rochas e Solos, Rio de Janeiro, 1995.

AZEVEDO, I. M. G. de; ALENCAR, R. M. de; BARBOSA, A. P.; ALMEIDA, N. O. de. Estudo do crescimento e qualidade de mudas de marupá (Simarouba amara Aubl.) em viveiro. Acta Amazônica, v. 40, n. 1, p. 157-164, 2010.

BERTOSSI, A. P. A.; NEVES, M. A.; CARDOSO, M. de S. N.; PRADO, A. C. de A.; DAMASCENO C. A.; POLIDORO, J. C.. Influência da utilização do resíduo fino de beneficiamento de rochas ornamentais silicáticas na qualidade do solo e da água. Geociências (São Paulo), v. 31, n. 2, p. 185-195, 2012.

BRASIL, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária. Instrução Normativa nº 05 de 05 de março de 2016. Estabelece as regras sobre definições, classificação, especificações e garantias, tolerâncias, registro, embalagem, rotulagem e propaganda dos remineralizadores destinados a agricultura. Diário Oficial da União; Poder Executivo, Brasília, Seção 1, p.10 13. 2016.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária. Manual de métodos analíticos oficiais para fertilizantes e corretivos. MAPA, 240 p. ISBN 978-85-7991-109-5, 2017.

BRITO, R. S. D.; BATISTA, J. F.; MOREIRA, J. G. do V.; MORAES, K. N. O.; SILVA, S. O. da. Rochagem na agricultuta: importância e vantagens para adubação suplementar. South American Journal of Basic Education, Technical and Technological , v. 6, n. 1, 1 ago. 2019.

CERQUEIRA, F. B.; FREITAS, G. A.; MACIEL, C. J.; CARNEIRO, J. S. S.; LEITE R. C. Produção de mudas de tomate cv. Santa cruz em diferentes substratos. Journal of Bioenergy and Food Science, Macapá, v.2, n. 2, p. 39-45, 2015.

CEZAR, E.; NANNI,M. R.; CHICATI, M. L.; SOUZA JUNIOR, I. G. de; COSTA, A. C. S. da. Avaliação e quantificação das frações silte, areia e argila por meio de suas respectivas reflectâncias. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 36, n. 4, p. 1157-1166, 2012.

COSTA, A. S. V.; HORN, A. H.; DONAGEMMA, G. K.; DA SILVA, M. B.. Uso do resíduo de granito oriundo da serraria e polimento como corretivo e fertilizante de solos agrícolas. Revista Geonomos, v. 18, n. 1, 2010.

COSTA, L. A. de M.; COSTA, M. S. S. de M; PEREIRA, D. C. Composto orgânico e pó de rocha como constituinte de substratos para produção de mudas de tomateiro. Global Science and Technology, Rio Verde, v. 07, n. 01, p.16-25, jan.-abr. 2014.

DA ROS, C. O.; REX, F. E.; RIBEIRO, I. R.; KAFER, P. S.; RODRIGUES, A. C.; DA SILVA, R. F.; SOMAVILLA, L. Uso de Substrato Compostado na Produção de Mudas de Eucalyptus dunnii e Cordia trichotoma. Floresta e Ambiente, v. 22, n. 4, p. 549-558, 2015.

DA SILVA, L. P.; DE OLIVEIRA, A. C.; ALVES, N. F.; DA SILVA, V. L.; DA SILVA, T. I. Uso de substratos alternativos na produção de mudas de pimenta e pimentão. In: Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215.v. 15, n 3, p. 104-115, 2019.

DICKSON, A.; LEAF, A. L.; HOSNER, J. F. Quality appraisal of white spruce and white pine seedling stock in nurseries. Forest Chronicle., v. 36: p.10-13, 1960.

DOS SANTOS, A. C. M.; CARNEIRO, J. S. da S.; FERREIRA JÚNIOR, J. M.; DA SILVA, M. C. A.; DA SILVA, R. R.. Produção de mudas de tomateiro cv. Drica sob substratos alternativos. Agropecuária Científica no Semiárido, v. 11, n. 4, p. 1-12, 2015.

EHLERS, T.; ARRUDA, G. O. S. F. de. Utilização do pó de basalto em substratos para mudas de Eucalyptus grandis. Floresta e Ambiente, v. 21, n. 1, p. 37-44, 2014.

FERREIRA, D. F. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia (UFLA), v. 35, n.6, p. 1039-1042, 2011.

GIULIANI, J. C. RIETH, S.; SOARES, W.; LOUROSA, G.; DE SOUZA, P. V. D. Substratos e recipientes para a produção de porta-enxertos de citros irrigados por subcapilaridade. Ciência Rural, v. 44, n. 3, p. 446-452, 2014.

GUARÇONI M, A.; FANTON, C. J. Resíduo de beneficiamento do granito como fertilizante alternativo na cultura do café. Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 1, p. 16-26, 2011.

KRAUSE, M. R.; MONACO, P. A. V. L.; HADDADE, I. R.; MENEGHELLI, L. A. M.; SOUZA, T. D. Aproveitamento de resíduos agrícolas na composição de substratos para produção de mudas de tomateiro. Horticultura Brasileira, v. 35, n. 2, p. 305-310, apr. 2017.

LEAL, M. A. de A.; GUERRA, J. G. M.; PEIXOTO, R. T. G.; ALMEIDA, D. L. de. Utilização de composto orgânicos como substratos na produção de mudas de hortaliças. In: Embrapa Solos-Artigo em anais de congresso (ALICE). Horticultura Brasileira, v. 25, n. 3, p. 392-395., jul./set. 2007

MACHADO NETO, A. da S.; PONCIANO, N. J.; SOUZA, P. M. de; GRAVINA, G. de A., DAHER, R. F. Costs, viability and risks of organic tomato production in a protected environment. Revista Ciência Agronômica, v. 49, n. 4, p. 584-591, 2018.

MAKISHIMA, N.; MELO, W. F. O rei das hortaliças. Cultivar HF, Pelotas, n. 29, p. 28-32, 2004.

MARTINELLI, S. S.; CAVALLI, S. B.. Alimentação saudável e sustentável: uma revisão narrativa sobre desafios e perspectivas. Ciência & Saúde Coletiva, v. 24, p. 4251-4262, 2019.

MELAMED, R.; GASPAR, J. C.; MIEKELEY, N. Pó-de-rocha como fertilizante alternativo para sistemas de produção sustentáveis em solos tropicais. Fertilizantes: agroindústria e sustentabilidade. Rio de Janeiro, CETEM/MCT, p. 385-395, 2009.

MINAMI, K. Produção de mudas de alta qualidade em horticultura. São Paulo: T.A. QUEIROZ, 1995. p. 27-37.

NESPOLI, A. COCHEV, J. S.; JÚNIOR, S. S.; NEVES, S. M. A. da S. Produção de hortaliças pela agricultura familiar de Alta Floresta, Amazônia Matogrossense. CAMPO-TERRITÓRIO: revista de geografia agrária, v. 10, n. 21. 2015.

NEVES, J. M. G.; SILVA, H. P. da; DUARTE, R. F. Uso de substratos alternativos para produção de mudas de moringas. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, v. 5, n. 1, p. 173-177, 2010.

NEVES, M. A. SANTOS, M. A. A.; TAGUCHI, S. P.; RANGEL, C. V. G. T.; RAYMUNDO, V. Interações ambientais e resistência física de um depósito de resíduos finos da indústria de rochas ornamentais. Engenharia Sanitaria e Ambiental, v. 24, n. 4, p. 785-797, 2019.

PIN, G. A.; ROSSI, M. T.; ALMEIDA, R. F. de; SOUZA, S. H. de; SILVA, L. G. F.; ALCÂNTARA, L. R. da R. Desenvolvimento de mudas de café conilon utilizando lama abrasiva como fonte de adubação. Cadernos de Agroecologia, v. 15, n. 1, 2020.

RONQUIM, C. C. Conceitos de fertilidade do solo e manejo adequado para as regiões tropicais. Embrapa Territorial-Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E), 2010.

SAMPAIO, R. A. RAMOS, S. J.; GUILHERME, D. O.; COSTA, C. A. da; FERNANDES, L. A. Produção de mudas de tomateiro em substratos contendo fibra de coco e pó de rocha. Horticultura Brasileira, v. 26, p. 499-503, 2008.

SILVA, R.R.; RODRIGUES, L.U.; FREITAS, G.A.; MELO, A.V.; NASCIMENTO, I.R.; D’ANDRÉA,

A.F. Influência de casca de arroz carbonizada em diferentes substratos na qualidade de mudas de tomateiro.

Revista Brasileira de Ciências Agrárias, Recife, v.7, p.803-809, 2012.

SILVA JÚNIOR, J. V. da; BECKMANN-CAVALCANTE, M. Z.; BRITO, L. P. da S.; AVELINO, R. C.; CAVALCANTE, I. H. L. Aproveitamento de materiais alternativos na produção de mudas de tomateiro sob adubação foliar. Revista Ciência Agronômica, v. 45, n. 3, p. 528-536, 2014.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-350

Refbacks

  • There are currently no refbacks.