Diferenças nas produções regionais do Brasil: um estudo para o período 2001 a 2014 / Differences in regional productions in Brazil: a study for the period 2001 to 2014

Maria Fernanda Gatto, Francisco Caldas Mafra

Abstract


Na literatura econômica há variadas tentativas de interpretar os fenômenos ligados ao crescimento. Desde há muito esforçam-se os teóricos da ciência econômica em desvendar os fatores relacionados ao crescimento e ao desenvolvimento, associando-os de formas diversas ao processo de acumulação de capital, disponibilidade de mão-de-obra e de recursos naturais. Tendo em conta tal discussão, este artigo busca identificar, através de literatura pertinente e dados da RAIS, diferenças nas produções regionais brasileiras, a fim de retratar alguns aspectos econômicos relevantes para análise econômica e regional. Neste sentido, os espaços econômicos se movem, crescem com ritmo maior ou menor, sendo influenciados, dentre outros aspectos, por quantidade e qualidade dos fatores, destacando-se aí mão-de-obra e tecnologia.


Keywords


Produções Regionais, Desenvolvimento Regional, Setores Econômicos

References


CANO, W. Desequilíbrios Regionais e Concentração Industrial no Brasil. 1930-1970. São Paulo: UNESP, 2007.

BARROS, A. Raízes Históricas das Idéias que Subsidiam as Políticas de Clustering. Revista de Economia Política, V. 22 N. 1(85), Jan-março, 2002.

BIELSCHOWSKY, R. (Organizador). Cinquenta Anos de Pensamento na CEPAL. Rio de Janeiro: Record, 2000.

DINIZ, C. C.; CROCCO, M. A. (Organizadores). Economia Regional e Urbana. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2006.

MEDEIROS, I. C. O Ciclo da Inclusão Digital: Social-Digital-Social. Brazilian Journal of Development, Curitiba, V. 7 N. 8, Aug, 2021.

NUNES, A. J. Uma Introdução à Economia Política. São Paulo: Quartier Latin, 2007.

PIMENTEL, E. A. Desigualdades Regionais no Brasil e sua Dinâmica durante a Década de 1990: Um Estudo Espacializado. Monografia de conclusão de curso, FEA/USP, 2004.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n9-119

Refbacks

  • There are currently no refbacks.