Conhecimento dos estudantes do curso de enfermagem sobre os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer / Knowledge of the nursing course students about the risk factors for cancer development

Rafaela da Conceição de Lemos, Amanda Prazeres Costa, Jéssika Patricia de Medeiros Ferreira, Imabel Melo da Silva, Amanda Oliveira Nascimento, Maria Rozyslanne Carvalho Freitas, Nathalia Cristina Álvares Raimundo, Elisângela Marcionilo da Conceição, Joyce Kelly Soares da Silva, Benedita Gicelli Marcolino de Lima

Abstract


O câncer é o conjunto de mais de 100 doenças em que uma das características em comum é o crescimento desordenado de células, que se dividem com constância rápida. As células agrupam-se formado tumores, que invadem os tecidos e podem se alastrar por órgãos vizinhos e até órgãos distantes da origem do tumor, processo conhecido como metástase. O câncer é causado por mutações genéticas – alterações na estrutura genética da célula (DNA). As células sadias possuem instruções de como devem se replicar. Quando há qualquer erro nas instruções, ocorre a mutação, que pode desenvolver uma célula doente que, ao se proliferar, causará algum tipo de câncer. Qualquer parte do corpo está suscetível ao surgimento do câncer; entretanto, algumas partes e órgãos sofrem maior mutação que outros, e cada órgão poderá ser afetado por diferentes tipos de tumor que podem ser mais ou menos agressivos. Na oncologia existem prevenções, classificadas em níveis primário e secundário. A prevenção primária ocorre no período anterior à doença, onde medidas são incluídas para proteger e reduzir a exposição dos indivíduos aos fatores de risco da doença através da promoção da saúde. O presente estudo tem por objetivo mensurar o conhecimento dos alunos do curso de Enfermagem sobre os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer. Trata-se de uma pesquisa de natureza básica, com abordagem quantitativa e objetivo descritivo, em que serão analisados os dados coletados durante o período de pesquisa feita com a população alvo do estudo. Foram entrevistados universitários do curso de bacharelado em enfermagem do 1º ao 10º período, contabilizando um total de 370 alunos. A amostra da pesquisa foi de 148 estudantes (n= 148), com margem de erro de 5% e nível de confiança de 95%. As perguntas discorrem sobre os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer. O presente trabalho concluiu que, com base nos resultados do questionário aplicado, o conhecimento desses alunos é significativo. A média dos entrevistados que responderam as questões com “sim” foi de 89%, para 11% que responderam com “não”; concluindo que os futuros enfermeiros detêm de conhecimento sobre os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer.

Keywords


Neoplasias, Comportamento Sedentário, Comportamento de Redução do Risco, Fatores de Risco.

References


BRASIL. Ministério da Saúde. Saúde de A a Z. Câncer: sintomas, causas, tipos e tratamentos, 2013. Disponível: http://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/cancer Acesso em: 06 set. 2020.

CANTÃO, Benedito do Carmo Gomes et al. Perfil epidemiológico dos pacientes com câncer atendidos na Unidade de Alta Complexidade em Oncologia Dr. Vitor Moutinho no município de Tucuruí-PA. Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 3, p. 16410-16429, 2020.

CESTARI, Maria Elisa Wotzasek; ZAGO, Márcia Maria Fontão. Cancer prevention and health promotion: a challenge for the 21st Century. Revista brasileira de enfermagem, v. 58, n. 2, p. 218-221, 2005.

DE INTEGRAÇÃO ENSINO-SERVIÇO, Uma Prosposta. Ações De Enfermagem Para O Controle Do Câncer-Inca, n. 3, p. 33, 2008.

FERRAZ, Elian Trindade Reis; DE JESUS, Marilia Emanuela Ferreira; LEITE, Rebeca Nogueira Queiroz. Ações educativas: papel da (o) enfermeira (o) na prevenção do câncer do colo do útero. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 10, p. 21083-21093, 2019.

FERNANDES, Verônica Dias; MARCOMINI, Aparecido Antônio. Comparação do nível de percepção sobre as causas do câncer de pele entre alunos do ensino fundamental e médio em duas escolas públicas do município de Cianorte-Paraná. Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR, v. 10, n. 3, 2006.

GUERRA, Maximiliano Ribeiro et al. Risco de câncer no Brasil: tendências e estudos epidemiológicos mais recentes. Rev bras cancerol, v. 51, n. 3, p. 227-34, 2005.

INSTITUTO NACIONAL DO CANCER (INCA/MS) PRÓ-ONCO. Causas e prevenção, 2018. Disponível: https://www.inca.gov.br/causas-e-prevencao/o-que-causa-cancer. Acesso em: 06 set. 2020.

KERR, Jacqueline; ANDERSON, Cheryl; LIPPMAN, Scott M. Physical activity, sedentary behaviour, diet, and cancer: an update and emerging new evidence. The Lancet Oncology, v. 18, n. 8, p. e457-e471, 2017.

MEDEIROS, Adriane Pinto de; MENEZES, Maria de Fátima Batalha de;NAPOLEÃO, Anamaria Alves. Fatores de risco e medidas de prevenção do câncer de próstata: subsídios para a enfermagem. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 64, n. 2, p. 385-388, 2011.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n7-356

Refbacks

  • There are currently no refbacks.