O papel do enfermeiro na instituição de longa permanência para idosos frente a Pandemia COVID-19/ The role of nurses in the long stay institution for the elderly in front of the Pandemic COVID-19

Gabriela Eiras Ortoni, Isabela Cristina de Faria Franco, Juliane Gonçalves Vieira, Victor Augusto de Castro, Tatiana Lima da Silva, Pedro Paulo Sindou Doederlein, Christina Souto Cavalcante Costa, Tallys Tavares da Silva, Tainara Sardeiro de Santana, Guilherme Barbosa de Souza

Abstract


Introdução: Nesta fase inicial do surto, o COVID-19 de longe excedeu o número combinado de casos e mortes do que Síndrome Respiratória no Médio Oriente – Coronavírus e Síndrome Respiratória Aguda Grave. Objetivo: Analisar relato de experiência na instituição de longa permanência frente a pandemia Covid-19. Detalhamento do Relato de Experiência: Trata-se de um relato de experiência, vivenciado no período de 14/03/2020 a 20/04/2020. O estudo foi realizado em uma instituição privada de cuidados integral com pessoas idosas, que necessitam de cuidados básicos e complexos nas atividades da vida diária do indivíduo. A unidade fica localizada na região sul de Goiânia, onde moram 18 idosos com idade entre 63 a 94 anos. Foi notória a relevância da temática também para os colegas gestores de outras unidades, pois apresentaram conotações positivas acerca das informações assimiladas durante todo este momento. Observou-se que a equipe se considera melhor preparados para enfrentar situações de promoção e prevenção. Considerações Finais: Após rever temas relacionados à gerontologia e administração, o enfermeiro que atua na coordenação de equipes de trabalho, onde sabemos que sua função é fazer a gestão do cuidado e, para alcançar a excelência, deve exercer o planejamento, delegação, execução e avaliação dos resultados alcançados.


Keywords


Cuidador Familiar, Vulnerabilidade Social, Idoso.

References


BRASIL. ANVISA. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Nota técnica GVIMS/GGTES/ANVISA Nº 05/2020 de 21 de março de 2020. Orientações para a prevenção e o controle de infecções pelo novo coronavírus (SaRS-COV-2) em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI). Disponível em: <>.

_______. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico Nº 01 Secretaria de Vigilância em Saúde SVS/MS-COE - Jan. 2020.

_______. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis. Protocolo de tratamento de Influenza: 2017. Brasília, 2018.

Chan JF et al. A familial cluster of pneumonia associated with the 2019 novel coronavirus indicating personto-person transmission: a study of a family cluster. Lancet 2020.

Huang C et al. Clinical features of patients infected with 2019 novel coronavirus in Wuhan, China. Lancet 2020.

Kenneth McIntosh, MD. Novel Coronavirus (2019-nCov). UpToDate Jan 2020.

Kupferschmidt K. Study claiming new coronavirus can be transmitted by people without symptoms was flawed. Science. February 3, 2020.

Li Q et al. EarlyTransmission Dynamics in Wuhan, China, of Novel Coronavirus-Infected Pneumonia. NEngl J Med. 2020. 3. WHO. Q&A oncoronavirus, 2020.

Park M, Thwaites RS, Openshaw PJM et al. COVID-19: Lessonsfrom SARS and MERS. Eur J Immunol [Epubon 18 April 2020]. DOI:10.1002/eji.202070035.

Wang C et al. A novel coronavirus outbreak of global health concern. Lancet 2020.

World Health Organisation. Coronavirus disease 2019 (COVID-19), Situation report 47. Available: https://www.who.int/docs/defaultsource/coronaviruse/situation-reports/20200307- sitrep-47-covid-19.pdf. Accessed on 18 April 2020.

Wuhan Municipal Health Commission. Report of clustering pneumonia ofunknownetiology in Wuhan City. Availableat: http://wjw.wuhan.gov.cn/ front/web/showDetail/2019123108989. Accessedon 18 April 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n7-061

Refbacks

  • There are currently no refbacks.