A felicidade clandestina de lispector em ivan ângelo: Leitura do texto literário como experiência intertextual e dialógica com alunos dos anos finais do ensino fundamental / Lispector's clandestine happiness in ivan angelo: Reading the literary text as an intertextual and dialogical experience with students in the final years of elementary school

Josivaldo Custódio da Silva, Aryane Vanusa Cavalcanti Alves, Mônica Patrícia da Silva Pires, Gleika Rodrigues Barbosa de Aguiar

Abstract


Este artigo, no qual incorrem as análises de uma prática de leitura com textos literários, sugere como um estudo pautado pelo dialogismo e pela intertextualidade pode contribuir, significativamente, para o letramento literário de alunos dos anos finais do Ensino Fundamental. A comparação é uma das operações ou habilidades de leitura mais solicitadas, no tocante a atividades que exploram compreensão e interpretação textuais: “Confrontar e relacionar são formas de comparar, sendo as três, igualmente, formas de análise de textos”. Relacionando Felicidade clandestina (1998) de Clarice Lispector com o texto Negócio de menino com menina (2002) de Ivan Ângelo e, apoiando-se, fundamentalmente, em elementos teóricos do Dialogismo (2011) e da Intertextualidade (2006), conseguiu-se uma exitosa experiência com alunos dos anos finais do Ensino Fundamental da rede Pública de Ensino. Através de uma sequência didática de letramento literário, promoveram-se atividades que enfatizassem conexões e analogias entre os contos em destaque, ora aproximando-os, ora distanciando-os, levando em conta alguns critérios como: tema, situação de produção, recepção, autoria, dentre outros. Estes critérios evidenciaram os efeitos de sentido alcançados pelos alunos.  Nosso trabalho é resultante de uma experiência compartilhada entre três colegas professoras e percorrida com alunos de oitavo ano, cujo material curricular proposto evidencia o gênero conto. A atividade tem como objetivo a ampliação da leitura de textos literários pela perspectiva da intertextualidade, numa concepção dialógica, destacando os leitores, os textos e os autores. Os resultados foram colhidos através da interação com os textos e da produção escrita dos alunos.


Keywords


Dialogismo, Intertextualidade, Letramento Literário, Clarice Lispector, Ivan Ângelo.

References


BAKTHIN, Mikhail. Estética da criação verbal. 6. Ed. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

________. Mikhail. Os gêneros do discurso. Paulo Bezerra (Organização, Tradução, Posfácio e Notas); Notas da edição russa: Seguei Botcharov. São Paulo: Editora 34, 2016.

BARBOSA, Maria Lúcia Ferreira de Figueiredo. Práticas de leitura no ensino fundamental. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.

COSSON, Rildo. Letramento Literário: Teoria e Prática. São Paulo: Contexto, 2018.

FIORIN, José Luiz. Introdução ao pensamento de Bakhtin. São Paulo: Contexto, 2016.

FARACO, Carlos Alberto. Linguagem e diálogo. As ideias linguísticas do círculo de Bakhtin. São Paulo: Parábola Editorial, 2017.

KLEIMAN, A. B. Introdução: O que é letramento? Modelos de letramento e as práticas de alfabetização na escola. In:_______(org.). Os significados do letramento. São Paulo: Mercado de Letras, 2004.

KOCH, Ingedore Villaça. O texto e a construção dos sentidos. 7. Ed. São Paulo: Contexto, 2003.

LAJOLO, Marisa. Do mundo da leitura para a leitura do mundo. 2. Ed. São Paulo: Ática, 2004.

PRESTES, Maria Luci de Mesquita. Leitura e (Re) escritura de textos: subsídios teóricos e práticos para o ensino. 4. Ed. rev. E corr. São Paulo: Rêspel, 2001.

SOARES. MAGDA. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2009.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n7-014

Refbacks

  • There are currently no refbacks.