Violência urbana e liberdade instrumental: Um estudo para a Região Metropolitana do Rio de Janeiro / Urban violence and instrumental freedom: A study for the Metropolitan Region of Rio de Janeiro

Fernanda Cavalcante Rangel, Victor Cosenza dos Santos Pereira

Abstract


Em face da violência a qual se defrontam os moradores das áreas urbanas da Região Metropolitana do Rio de Janeiro (RMRJ), o objetivo do artigo é analisar privação de liberdade na perspectiva de SEN (2010) a qual seus cidadãos são submetidos. O perfil da violência urbana será delineado com base nos homicídios por ocorrência disponíveis no DATASUS. Essa análise possibilita identificar quais os municípios com maiores privações de liberdade e mais vulneráveis à violência urbana. Técnicas de estatística multivariada – análise hierárquica de grupamentos – serão utilizadas para analisar a relação entre valorização do solo e violência. Os resultados obtidos apontam que a valorização do solo afeta de maneira negativa a violência urbana.


Keywords


Liberdade Instrumental, Homicídio, Localização.

References


BARCELLOS, C.; ZALUAR, A. Homicídios e disputas territoriais nas favelas do Rio de Janeiro. Revista de Saúde Pública, v. 48, p. 94-102, 2014.

BECKER, g. S. Crime and Punishment: An Economic Approach. Journal of Political Economy, v.76, p.169-217, 1968.

BERTI, B. Armed political organizations: From conflict to integration. JHU Press, 2013.

CERQUEIRA, D. R. C. et al.; MELLO, J. M. P.; SOARES, R. R. Causas e consequências do crime no Brasil. 2010. Tese (Doutorado)-Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Departamento de Economia, 2010 Disponível em: < http://www2.dbd.puc-rio.br/pergamum/biblioteca/php/mostrateses.php?open=1&arqtese=0610522_10_Indice.html >.

CERQUEIRA, D. Mortes violentas não esclarecidas e impunidade no Rio de Janeiro. Working Paper 026, Rede de Economia Aplicada. Março, 2012

COORDENAÇÃO GERAL DE INFORMAÇÕES E ANÁLISE EPIDEMIOLÓGICA – CGIAE. Sistema de Informações sobre Mortalidade – SIM, Consolidação da base de dados de 2011. Disponível em: < http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/sim/Consolida_Sim_2011.pdf > Acesso em: 16 jan. 2017.

DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA DO SUS. Informações de saúde. DATASUS. Disponível em: < http://www2.datasus.gov.br/DATASUS/index.php?area=02 >. Acesso em: 11 jan. 2017.

HARVEY, D. O Direito à Cidade. [S.l.: s.n., 2014]. 13 p. Disponível em: .

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo demográfico. Rio de Janeiro, 2010.

KELLY, M. Inequality and crime. Review of Economics and Statistics, v.82, n.4, p. 530-539, 2000.

LOTT, J. R. The bias against guns: why almost everything you've heard about gun control is wrong. Washington, DC: Regnery Publishing, 2003.

MARICATO, E. O Direito à Cidade Depende da Democratização do Uso e a Ocupação do Solo. [S.l.: s.n., 2014]. 4 p. Disponível em: < http://erminiamaricato.net/2014/04/08/o-direito-a-cidade-depende-da-democratizacao-do-uso-e-a-ocupacao-do-solo/>.

MENDONÇA, M.; LOUREIRO, P.; SACHSIDA, A et al.. Criminalidade e interação social. Rio de Janeiro: IPEA – Texto para Discussão nº 968, jul. 2003.

MICHAUD, Y. A Violência. Ática: São Paulo, 1989.

MYRDAL, G. Teoria Econômica e Regiões Subdesenvolvidas. Rio de Janeiro: Editora Sagas, 1968.

PNAD, IBGE. Pesquisa nacional por amostra de domicílios. Rio de Janeiro: IBGE, 2015.

PRETECEILLE, E.; VALLADARES, L. A desigualdade entre os pobres–favela, favelas. Desigualdade e pobreza no Brasil. Rio de Janeiro: IPEA, p. 459-85, 2000.

SCOTT, A. A world in emergence: notes toward a resynthesis of urban-economic geography for the 21st century. Urban Geography, v.32, nº 6, 1 Ago. 2011, p.845-870.

SEN, A. Desigualdade Reexaminada. Rio de Janeiro: Record, 2012.

SEN, A. Desenvolvimento como Liberdade. São Paulo: Companhia Das Letras, 2010.

SIDRA, IBGE Banco de dados agregados. On-line. Disponível em: , 2018.

STORPER, M.; VENABLES, A. J. O burburinho: a força econômica da cidade. In: DINIZ, C.C. & LEMOS, M. B. (org.). Economia e território. Belo Horizonte: UFMG, 2005.

UNITED NATIONS OFFICE ON DRUGS AND CRIME (UNODC). 2011 Global Study on homicide: trends, contexts, data. Viena, 2011. Disponível em: < http://www.unodc.org/documents/data-and-analysis/statistics/Homicide/Globa_ study_on_homicide_2011_web.pdf >.

WEISZFLOG, W. (Ed.). Michaelis: Moderno Dicionário da Língua Portuguesa. São Paulo: Melhoramentos, 1998. Disponível em: < http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/index.php >.

VON CLAUSEWITZ, C. Da Guerra. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

VON THÜNEN, J. H.; HALL, P. G. Isolated state: an English edition of Der isolierteStaat. Pergamon, 1966.

ZALUAR, A.; BARCELLOS, C. Mortes prematuras e conflito armado pelo domínio das favelas no Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 28, n. 81, 2013.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-696

Refbacks

  • There are currently no refbacks.