Educação em saúde na prevenção de morbidade infantil: relato de experiência/ Health education in the prevention of children's morbidity: experience report

Oshana Paula Santos, Jéssica dos Santos Silva, Magna Gonçalves, Mirlândia Ascendino Oliveira, Josely Bruce dos Santos

Abstract


INTRODUÇÃO: Investir na saúde da criança de maneira preventiva por meio da educação em saúde revela-se uma possibilidade satisfatória tanto para a família quanto para o Estado, pois ocasiona redução de taxas de morbidade bem como custos com tratamentos. OBJETIVO: Relatar as estratégias de educação em saúde nas consultas ACD para prevenção da morbidade infantil. METODOLOGIA: Relato de experiência realizado em uma Unidade de Saúde da Família no período entre março e junho de 2019 por estudantes de graduação em enfermagem do nono semestre da disciplina estágio curricular obrigatório em rede básica. RESULTADOS E DISCUSSÃO: As principais morbidades encontradas estavam relacionadas ao desmame precoce, imunização incompleta, doenças parasitárias, infectocontagiosas, diarréia, obesidade e higiene precária. Para atingir o objetivo proposto pelo estudo, foi utilizado estratégias de educação em saúde por meio de palestras em salas de espera, simulações realísticas e rodas de conversa. As mães participantes tiveram suas dúvidas sanadas e puderam pôr em prática os conhecimentos adquiridos de modo que foi possível observar a redução dos problemas encontrados nas crianças nas consultas seguintes. CONCLUSÃO: Utilizar a educação em saúde nas consultas de ACD na Unidade Saúde da Família possibilitou o progresso de uma reflexão crítica sobre sua influência e importância sobre a comunidade, tendo em vista que a referida prática precisa ser implementada e para isso, os profissionais podem usar diversas metodologias que atinjam a população.


Keywords


Educação em saúde, Indicadores de morbidade, Cuidado da criança.

References


ALMEIDA, Cínara Botelho Moutinho.et, al.,Relato sobre a construção de um protocolo de enfermagem em puericultura na atenção primária. Rev. Enferm. UFPE.Vol. 10, n. 2, p. 683-691. Fev. 2016.ISSN: 1981 - 8963. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/11006/12373. Acesso em 22. Abr. 2019.

ALENCAR, Ana Paula. et. al., Principais causas do desmame precoce em uma estratégia de saúde da família. Saúde e meio ambiente: Revista Interdisciplinar. Vol. 6, n. 2, p. 65 – 76. 2017. Disponível em: http://www.periodicos.unc.br/index.php/sma/article/view/1456. Acesso em: 28. Out. 2019.

ARAÚJO, Rayanne Lima Dantas de. et, al., Gravidez na adolescência:conseqüências voltadas para a mulher. INTESA (Pombal-PB-Brasil). Vol. 9, n. 1, p. 15-22. Jan/Jun. 2015. ISSN: 2317 – 305x. Disponível em: https://www.gvaa.com.br/revista/index.php/INTESA/article/view/3189. Acesso em: 25. Out. 2019.

BARATIERI, Tatiane. et, al. Consulta de enfermagem em puericultura: um enfoque nos registro de atendimentos. Rev. Enferm. UFSM. Vol.4, n.1, p.204-216. Jan/Mar.2014. ISSN:2179-7692. Disponível em:http://pesquisa.bvs.br/brasil/resource/pt/bde-27285 Acesso em: 06. Abr. 2019.

BUGS, Bruna Maria, et, al.,Atividade educativa para mães de bebês prematuros como suporte para o cuidado. Rev. Enferm. Cent. O. Min. [online]. Vol. 8 e 2725. Mar.2018. ISSN: 2236-6091. Disponível em: http://www.seer.ufsj.edu.br/index.php/recom/article/view/2725. Acesso em: 15. Out.2019.

BRASIL. Doença mão-pé-boca. Biblioteca Virtual em Saúde. Núcleo de Telessaúde da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Ministério da Saúde. Fev. 2018. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/dicas-em-saude/2739-doenca-mao-pe-boca. Acesso em: 12. Out. 2019.

BRASIL. Epidemiológicas e Morbidade. Morbidade hospitalar do SUS (SIH/SUS). DATASUS. Disponível em: http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/tabcgi.exe?sih/cnv/nrBA.def. Acesso em: 03. Abr. 2019.

BRASIL. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança: orientações para implementação. Secretaria de Atenção da Saúde. Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. Ministério da Saúde; 2018. Disponível em:http://www.saude.pr.gov.br/arquivos/File/Politica_Nacional_de_Atencao_Integral_a_Saude_da_Crianca_PNAISC.pdf. Acesso em: 19. Abr.2019.

BRASIL. Secretaria de Políticas de Saúde. Departamento de Atenção Básica. Saúde da criança: crescimento e desenvolvimento infantil. Brasília: Ministério da Saúde; 2012. (Cadernos de Educação Básica; 33). Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_crianca_crescimento_desenvolvimento.pdf. Acesso em: 03. Abr.2019.

CAVALCANTE, Bruna Luana De Lima. LIMA, Uirassú Tupinambá Silva De.Relato de experiência de um estudante de enfermagem em um consultório especializado em tratamento de feridas. J Nurs Health. Vol. 2, n. 1, p. 94 -103.Jan/Jun. 2012. ISSN: 2236-1987 Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/enfermagem/article/view/3447/2832.Acesso em 01. Jun. 2019.

COTELO, María Del Carmen Suárez. et, al. Conhecimentos sobre aleitamento e a relação com a sua prevalência. Rev. Esc. Enferm [online]. Vol. 53, 2019. ISSN: 1980 – 220x. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S008062342019000100415&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 30. Out. 2019.

DUARTE, Juliana Lúcia. et, al.,Variabilidade climática e internações por doenças diarréicas infecciosas em um município da Amazônia Ocidental brasileira. Ciênc. Saúde Coletiva [online]. Vol. 24, n. 8. Ago. 2019. ISSN: 1413 - 8123. Disponível em: https://www.scielosp.org/article/csc/2019.v24n8/2959-2970/pt/. Acesso em: 11. Out. 2019.

FORUM. Cuba comemora taxa de mortalidade infantil mais baixa de sua história. Rev. Forum, 2018. Disponível em: https://www.revistaforum.com.br/cuba-comemora-taxa-de-mortalidade-infantil-mais-baixa-de-sua-historia/Acesso em 26. Mai. 2019

MENEGUESSI, Geila Marcia. et, al., Morbimortalidade por doenças diarréicas agudas em crianças menores de 10 anos no Distrito Federal, Brasil, 2003 a 2012. Epidemiol. Serv. Saúde [online]. Vol. 24, n. 3, p. 721-730. Out-Dez. 2015. ISSN: 1679 - 4974. Disponível em: https://www.scielosp.org/pdf/ress/2015.v24n4/721-730. Acesso em: 12. Out. 2019.

MIURA, Paula Orchiucci. TARDIVO, Leila Salomão de La Plata Cury. BARRIENTOS, Dona Mariela Salcedo. O desamparo vivenciado por mães adolescentes e adolescentes grávidas acolhidas institucionalmente. Ciênc. Saúde. Coletiva[online]. Vol. 23, n. 5, p. 1601 – 1610. 2016. ISSN: 1413 – 8123. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232018000501601&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 08. Ago. 2019.

MÓNICO, LS et al., A observação participou metodologicamente de investigação qualitativa. Investigação qualitativa em ciências sociais, Atas ciaiq,Vol. 3, n.11, p.111 – 222. Jan. 2012 Disponível em: https://proceedings.ciaiq.org/index.php/ciaiq2017/article/view/1447/1404. Acesso em: 22 abr. 2019

PRADO, Carolina Viviani Clapis. FABBRO, Marcia Regina Cangiani. FERREIRA, GrazianiIzidoro. Desmame precoce na perspectiva de puérperas: uma abordagem dialógica.Texto contexto. Enferm [online].Vol. 25, n. 2, Jun. 2016. ISSN: 0104 – 0707. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-07072016000200306&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 10. Out. 2019.

RODRIGUES, Bruna Daniella. Fortalecimento á consultas de puericultura na Estratégia de Saúde da Família - PSF Jardim Salvador - Petrópolis/RJ. TCC/PI (Especialização em Saúde da Familia). PROVAB. UNA-SUS. 2016. Disponível em: https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/7984 Acesso em 04 de Abr.2019.

SANTOS, Priscila Veras.et, al., Desmame precoce em crianças atendidas na estratégia saúde da família. Revista. Eletrônica. De Enfermagem. Vol. 20, 2018. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/43690. Acesso em: 29. Out. 2019.

SANTOS, Rita de Cássia Andrade Neiva. et, al., Realidades e perspectivas de mães adolescentes acerca da primeira gravidez. Rev. Bras. Enferm [online]. Vol. 71, n. 1, Jan/ Fev. 2018. ISSN: 1984 – 0446. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S003471672018000100065&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 26. Out. 2019.

SIGNOR, Eduarda. et, al., Educação permanente em saúde: desafios para a gestão em saúde pública. Rev. Enferm. UFSM [online]. Vol.5, n. 1, Jan/Mar.2015. ISSN: 2179 – 7692. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/reufsm/article/view/14766/pdf. Acesso em: 14. Out. 2019.

SILVA, Clarissa Bohrer da, et, al. Atividades de educação em saúde junto ao ensino infantil: relato de experiência. Rev. Enferm. UFPE [on line]. Vol. 11, n. 12, p. 5455 – 5463, Dez.2017. ISSN: 1981- 8963. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/174055. Acesso em: 28. Out.2019.

SILVA, Rivelaine Soares da. SANTOS, Daniel Batista Conceição dos. Pereira, thamires. A utilização da simulação realística como metodologia de ensino para o curso de graduação em enfermagem.ENFOPE/FOPIE [online]. Vol. 11, n. 1, Mai.2018. ISSN: 2179-0663. Disponível em:https://eventos.set.edu.br/index.php/enfope/article/view/8876/4107. Acesso em: 15. Out.2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-323

Refbacks

  • There are currently no refbacks.