Protocolo de enfermagem no cuidado aos enlutados pelo suicídio: gestão em saúde / Nursing protocol in the care of those bereaved by suicide: health management

Kamylla Guedes De Sena, Ivania Vera, Roselma Lucchese, Moisés Fernandes Lemos

Abstract


O crescimento dos eventos de suicídio são alarmante em todo o mundo, pois o suicídio não representa apenas um acontecimento trágico, mas também um importante problema de saúde pública. Esse estudo objetivou descrever a situação da gestão em saúde de pessoas enlutadas pelo suicídio e propor um protocolo de enfermagem para o atendimento dos enlutados pelo suicídio na atenção básica. Trata-se de um de estudo de caso de um município de médio porte, localizado na região central do Brasil. Os dados foram coletados por meio de entrevista face-a-face com o gestor de saúde responsável pela área de saúde mental do município, para a criação de protocolo de saúde voltado para atuação da enfermagem na atenção básica. A prevenção do suicídio na atenção básica demostra-se fragilizada no município estudado. O protocolo de enfermagem propôs uma estratégia de melhoria na gestão em saúde, possibilitando a sistematização das ações, a uniformização de condutas de cuidados e promover um cuidado integralizado.


Keywords


Gestão em Saúde, Suicídio, Luto

References


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PSIQUIATRIA (ABP). Suicídio: informando para prevenir. Comissão de Estudos e Prevenção de Suicídio. Brasília: CFM/ABP, 2014.

BRASIL. Agenda de ações estratégicas para vigilância e prevenção do suicídio e promoção da saúde no Brasil: 2017 a 2020. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas, 2017.

BRASIL. Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde do Brasil (CNES). Ministério da Saúde, 2019. Disponível em: < http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/tabcgi.exe?cnes/cnv/atencgo.def>. Acesso em: 2 de dezembro de 2019.

BRASIL. Guia de elaboração de protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas: delimitação do escopo. Ministério da Saúde, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias em Saúde. 2. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2019.

BRASIL. Política Nacional de Atenção Básica (PNAB). Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2012a.

BRASIL. Portaria nº 1.271 de 06 de junho de 2014. Define a Lista Nacional de Notificação Compulsória de doenças, agravos e eventos de saúde pública nos serviços de saúde públicos e privados em todo o território nacional, nos termos do anexo, e dá outras providências, 2014. Disponível em: . Acesso 10 de abril 2019.

BRASIL. Portaria nº 1.876 de 14 de agosto de 2006. Institui Diretrizes Nacionais para Prevenção do Suicídio, a ser implantadas em todas as unidades federadas, respeitadas as competências das três esferas de gestão, 2006.

BRASIL. Sistema de Informações Hospitalares do SUS. Ministério da Saúde, 2012. Disponível em: . Acesso em: 2 de dezembro de 2019.

BRASIL. Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). Ministério da Saúde, 2011. Disponível em: . Acesso em: 2 de dezembro de 2019b.

CERQUEIRA, D.R.C.; CARVALHO, A.X.Y.; LOBÃO, W.J.A.; RODRIGUES, R.I. Análise dos custos e consequências da violência no Brasil. Brasília: IPEA 2007.

FUKUMITSU, K. O. et al. Posvenção: uma nova perspectiva para o suicídio. Revista Brasileira de Psicologia, v. 2, n. 2, p. 48-49, 2015.

GALVÃO, G. de O. Manual fluxogramas: processos relacionados ao ecossistema de estímulo à inovação. Revisão linguística Maria Clara Lucena de Lemos. Natal: IFRN, 2017.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2007.

GIL, C. R. R.; LUIZ, I. C.; GIL, M. C. R. Gestão pública em saúde: o processo de trabalho na gestão do SUS. Universidade Federal do Maranhão. UNA-SUS/UFMA, 2016.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). População estimada: IBGE. Diretoria de Pesquisas, Coordenação de População e Indicadores Sociais, Estimativas da população residente com data de referência 1º de julho de 2019.

MATEUS, M. D. Políticas de saúde mental: baseado no curso Políticas públicas de saúde mental, do CAPS Professor Luiz da Rocha Cerqueira. In: Políticas de saúde mental: baseado no curso Políticas públicas de saúde mental, do CAPS Professor Luiz da Rocha Cerqueira. 2013.

MIRANDA, T.G.D. Autópsia psicológica: compreendendo casos de suicídio e o impacto da perda. Dissertação de Mestrado. Programa de pós-graduação em psicologia clínica e cultura di Instituto de Psicologia. Universidade de Brasília, 2014.

MOROSINI, M.V.; FONSECA, A.F. Os agentes comunitários na Atenção Primária à Saúde no Brasil: inventário de conquistas e desafios. Saúde em debate, v. 42, p. 261-274, 2018.

OLIVEIRA, M. I.; BEZERRA FILHO, J. G.; GONÇALVES, R. F. Tentativas de suicídio atendidas em unidades públicas de saúde de Fortaleza-Ceará, Brasil. Revista de Salud Pública, v. 16, p. 683-696, 2014.

SCHLÖSSER, A.; ROSA, G. F. C.; MORE, C. L. O. O. Revisão: Comportamento suicida ao longo do ciclo vital. Temas em Psicologia, v. 22, n.133, p. 133-145, 2014.

SILVA, N. K. N. da; CARVALHO, C. M. S. de; MAGALHÃES, J. M.; CARVALHO JUNIOR, J. A. M. de; SILVA, B. V. S. da; MOREIRA, W. C. Ações do enfermeiro na atenção básica para prevenção do suicídio. SMAD Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool e Drogas, v. 13, n. 2, p. 71-77, 2017.

SILVEIRA, R. E. da; SANTOS, A. S.; FERREIRA, L.A. Impacto da Morbi-mortalidade e gastos com suicídio no Brasil de 1998 a 2007. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, v. 4, n. 4, p. 3033-3042, 2012.

TAVARES, M. S. A. Suicídio: o luto dos sobreviventes. In: Conselho Federal de Psicologia Conselho Federal de Psicologia, O suicídio e os desafios para a psicologia (pp. 45- 58). Brasília: CFP, 2013.

WAISELFISZ, J. J. Prévia do mapa da violência 2014. Os jovens do Brasil, São Paulo: Ministério da Justiça, 2014. Disponível em: http://www.mapadaviolencia.org.br/pdf2014/Previa_mapaviolencia2014.pdf. Acesso 10 de abril de 2019.

WORDEN, J. W. Grief counseling and grief therapy: A handbook for the mental health practitioner. Springer Publishing Company, 2018.

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). World Suicide Prevention Day, 2013. Disponível em: http://www. who.int/mental_health/suicide-prevention/attempts_surveillance_systems/en/. Acesso 10 de abril de 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-210

Refbacks

  • There are currently no refbacks.