Avaliação da ambiência pré e pós-ordenha em vacas holandesas de alta produção / Evaluation of pre and post-milking ambience in high-production netherland cows

Ingrid Letícia de Almeida Moraes, Käthery Brennecke, Cynthia Pieri Zeferino, Cassia Maria Barroso Orlandi, Paulo Henrique Moura Dian, Luiz Arthur Maltha Pereira, Anderson Braun dos Santos, Ismael dos Santos Junior

Abstract


As condições de conforto térmico influenciam na produção do animal e, em particular, na qualidade do leite. O objetivo deste estudo foi avaliar as condições ambientais com base nos índices térmicos (Índice de Temperatura e Umidade: ITU e Índice de Desconforto Humano: ID), além do indicador fisiológico (frequência respiratória) em um rebanho comercial leiteiro, durante as atividades de pré e pós ordenha. Foram observados dez animais da raça Holandesa, em um período de 25 dias, na segunda ordenha do dia. Os dados foram analisados por meio da comparação de médias. A frequência respiratória foi de 32,6 e 39,7 movimentos por minuto na pré e pós ordenha, respectivamente, a temperatura média do ar foi de 25,8ºC na pré ordenha e 26,4ºC na pós ordenha e a umidade relativa do ar de 71 e 72% na pré e pós ordenha, respectivamente. O ITU esteve dentro da faixa de alerta aos animais e o ID em estresse devido ao calor. Conclui-se que os animais se encontram em condição crítica, bem como o humano que atua neste ambiente. Torna-se necessário o incremento de ações no manejo e nas instalações para maior conforto ambiental.


Keywords


bovino de leite, conforto térmico, frequência respiratória

References


ABREU, A.S. Indicadores do estresse térmico em bovinos. Seminário..... Programa de Pós Graduação em Ciências Veterinárias. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2011. Acesso em 05/03/2021. Disponível em https://www.ufrgs.br/lacvet/site/wp-content/uploads/2020/11/estresse_termico.pdf.

BAÊTA, F.C.; SOUZA, C. Ambiência em edificações rurais: conforto animal. Viçosa: UFV, 1997. 246p.

BAÊTA, F.C.; SOUZA, C.F. Ambiência em edificações rurais: conforto térmico. 2.ed., Viçosa: UFV, 2010. 269p.

BREUER, K.; HEMSWORTH, P.H.; BARNETT, J.L.; MATTHEWS, L.R; COLEMAN, G.J. Behavioural response to humans and the productivity of comercial dairy cows. Applied Animal Behaviour Science, v.66, p.273-288, 2000.

CAMPOS, A.T.; KLOSOWSKI, E.; GASPARINO, E.; CAMPOS, A.T. Estudo do potencial de redução da temperatura do ar por meio do sistema de resfriamento adiabático evaporativo na região de Maringá, Estado do Paraná. Acta Scientiarum - Agronomy, v.24, n.5, p.1575-1581, 2002.

COLUMBIANO, V.S. Identificação de QLT nos cromossomos 10, 11 e 12 associados ao estresse por calor em bovinos. 60p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento Animal). Universidade Federal de Viçosa. Minas Gerais, 2007.

FURQUAY, J.W. Heat stress as if affects animal production. Livestock Environment, v.2, p.1133-1137, 1997.

HAHN, G.L.; PARKHURRST, A.M.; GAUGHAN, J.B. Cattle respiration rate as a function of ambient temperature. Transactions of American Society of Agricultural Engineering, v.40, p.97-121, 1997.

HEAD, H.H. The strategic use of the physiological potential of the dairy cow. In: Simpósio Leite nos Trópicos: novas estratégias de produção. Anais... Botucatu: UNESP, 1989. p.38-89.

HEMSWORTH, P.H.; COLEMAN, G.J. Human-livestock interactions: the stockperson and the productivity and welfare of intensively farmed animals. London: CAB International, 1998. 140p.

HUBER, B.T. Maestrichtian planktonic foraminifer biostratigraphy of the maud rise (Weddell Sea Antarctica): ODP Leg 113 Holes 689B and 690C. Proceedings of the Ocean Drilling Program, Scientific Reports. 113: 489-514. 1990

JOHNSON, H.D. Physiological responses and productivity of cattle. In: YOUSEFF, M.K. (Ed.). Stress physiology in livestock, Boca Raton: CRC Press, v.2, 1985.

MACHADO, P.F.; BARANCELLI, G.; PEREIRA, A.R. CCS: Leite com mais qualidade e melhor rendimento industrial. Indústria de Laticínios, n.13, p.65-68. 1998.

MARTELO, L.S. Interação animal-ambiente: efeito do ambiente climático sobre as respostas fisiológicas e produtivas de vacas Holandesas em free-stall. Pirassununga....Tese, Qualidade e Produtividade Animal. Departamento de Zootecnia, Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos, Universidade de São Paulo, 2006, 111p.

NÄÄS, I.A. Princípios de Conforto Térmico na Produção Animal. 1 ed. São Paulo: Icone Editora Ltda., 183p. 1989.

NÄÄS, I.A.; JÚNIOR, I.A. Influência de ventilação e aspersão em sistemas de sombreamento artificial para vacas em lactação em condições de calor. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.5, n.1, p.139-142, 2001.

OLIVEIRA JUNIOR, A. J.; SOUZA, S. R. L.; BARROS, Z. X.; SARTORI, M. M. P.; FRANCO, L. V. Índice de desconforto e índice de temperatura efetiva: uma implementação para smartphones e tablets. Revista Energia Agrícola, Botucatu, v. 30, n. 2. P: 155-163, 2015.

PEREIRA, C.C.J. Fundamentos de Bioclimatologia Aplicados à Produção Animal. Belo Horizonte: FEPMVZ, 2005.

PIRES, M.F.A.; CAMPOS A.T. Relação dos dados climáticos com o desempenho animal. In: Resende H., Campos A.T. Dados climáticos e sua utilização na atividade leiteira. Juiz de Fora: Embrapa, p.103-114. 2003.

PORCIONATO, M.A.F.; NEGRÃO, J.A.; PAIVA, F.A.; DELGADO, T.F.G. Respostas produtivas e comportamentais durante a ordenha de vacas Holandesas em início de lactação. Acta Scientiarum - Animal Sciences, v.31, n.4, p.447-451, 2009.

ROSA, M.S.; COSTA, M.J.R.P.; SANT`ANNA, A.C.; MADUREIRA, A.P. Boas práticas de manejo - ordenha. Jaboticabal: FUNEP. 43p. 2009. Disponível em: http://www.fortdodge.com.br/pdf/manual_de_ordenha.pdf.

SHEARER, J.K.; BRAY, D.R. Efeito do calor e estresse ambiental sobre a saúde da glândula mamaria. In: Simpósio Internacional sobre Produção Intensiva de Leite. São Paulo. Anais..., São Paulo: FMVZ/USP, p.45-52. 1995.

SILANIKOVE, N. Effects of heat stress on the welfare of extensively managed domestic ruminants. Livestock Production Science, v.67, n.1-2, p.1-18, 2000.

SILVA, R.G. Introdução à Bioclimatologia Animal. São Paulo: Nobel, 2000. 286p.

SILVA T.P.D.; OLIVEIRA R.G.; JÚNIOR S.C.S.; SANTOS K.R. Efeito da exposição à radiação solar sobre parâmetros fisiológicos e estimativa do declínio na produção de leite de vacas mestiças (Holandês X Gir) no sul do estado do Piauí. Comunicata Scientiae, n.3, v.4, p.299-305, 2012.

SOUZA, S.R.L.; NÄÄS, I.A.; MARCHETO, F.G.; SALGADO, D.D. Análise das condições ambientais em sistemas de alojamento 'freestall' para bovinos de leite. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental. Campina Grande, v.8, n.2-3, p.299-303, 2004.

THOM, E.C. Cooling degrees - days air conditioning, heating, and ventilating. Transactions of the ASAE, v.55, n.7, p.65-72, 1958.

THOM, E.C. The discomfort index. Weatherwise, Washington, v.12, p.57-59, 1959.

TITTO, E.A.L. Clima: Influência na produção de leite. In: Simpósio Brasileiro de Ambiência na Produção de Leite. Anais... Piracicaba: Fundação de Estudo Agrário Luiz de Queiroz, 1998. v.1, p.10-23.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-143

Refbacks

  • There are currently no refbacks.