Associação entre qualidade do sono e Dor Facial em adolescentes: um estudo preliminar/ Association between sleep quality and Facial Pain in adolescents: a preliminary study

Emerllyn Shayane Martins de Araújo, Mariana Araújo Coutinho da Silveira, Ademir Félix Arantes Júnior, Sérgio Soares da Silva, Mônica Vilela Heimer

Abstract


Objetivo: O presente estudo tem como objetivo investigar a associação entre qualidade do sono e dor facial em adolescentes. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal realizado com estudantes, com idade de 15 a 19 anos, do Ensino Médio de uma escola da rede pública do município do Recife (PE). Por meio da aplicação de formulário digital, empregou-se os seguintes questionários: Sociodemográfico; Índice de Qualidade de Sono de Pittsburgh (PSQI); Critérios Diagnósticos de Pesquisa em Disfunção Temporomandibular (DTM) Eixo II RDC/DTM (questões 03, 05, 11 e 12). Resultados: Dentre os 126 participantes da pesquisa, revelou-se, através da Escala de Pittsburg, que 79,4% apresentam má qualidade de sono e encontrou-se associação entre esta variável e a presença de dor facial (p = 0,001). A prevalência de má qualidade de sono foi maior entre os participantes que haviam referido dor na face (97,3%) do que entre aqueles que não referiram (71,9%). Conclusão: Observou-se alta prevalência de má qualidade de sono entre os pesquisados e baixa predominância de dor orofacial. Mas, dentre os que referiram sintomatologia dolorosa na face, observou-se associação estatisticamente significativa com a baixa qualidade de sono, destacando o impacto negativo da dor na qualidade de vida dos indivíduos com a referida sintomatologia.

Keywords


Adolescente, Dor facial, Distúrbios do sono, Distúrbios da Articulação Temporomandibular.

References


BARBOSA, J. S. Índice de qualidade de sono Pittsburg: instruções para pontuação. 2011. Disponível em: https://julianadentista.files.wordpress.com/2011/07/escore-do-questionc3a1rio-de-

pittsburg.pdf. Acesso em: 15 abr. 2020.

BARDINI, R.; PEREIRA, T. F.; SAKAE, T. M.; REMOR, K. V. T. Prevalência de sonolência excessiva diurna e fatores associados em adolescentes universitários do sul catarinense. Arquivos Catarinenses de Medicina, Florianópolis, v. 46, n. 1, p. 107-124, jan./mar. 2017.

BARROS, M. B. D. A.; LIMA, M. G.; MALTA, D. C.; SZWARCWALD, C. L.; AZEVEDO, R. C. S. D.; ROMERO, D.; SOUZA JÚNIOR, P. R. B.; AZEVEDO, L. O.; MACHADO, I. E.; DAMACENA, G. N.; GOMES, C. S.; WERNECK, A. O.; SILVA, D. R. P.; PINA, M. F.; GRACIE, R. Relato de tristeza/depressão, nervosismo/ansiedade e problemas de sono na população adulta brasileira durante a pandemia de COVID-19. Epidemiologia e Serviços de Saúde, Brasília, v. 29, n. 4, p. e2020427, 2020. DOI: 10.1590/S1679-49742020000400018.

BENOLIEL, R.; ZINI, A.; ZAKUTO, A.; SLUTZKY, H.; HAVIV, Y.; SHARAV, Y.; ALMOZNINO, G. Subjective Sleep Quality in Temporomandibular Disorder Patients and Association with Disease Characteristics and Oral Health–Related Quality of Life. Journal of Oral & Facial Pain and Headache, Fall, v. 31, n. 4, p. 313-322, 03 out. 2017. DOI: 10.11607/ofph.1824.

BERTOLAZI, A. N. Tradução, adaptação cultural e validação de dois instrumentos de avaliação do sono: escala de sonolência de Epworth e índice de qualidade de sono de Pittsburgh. 2008. 93 f. Dissertação (Mestrado em Medicina: Ciências Médicas) – Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/14041/000653543.pdf?sequence=1&isAllowed=y.

BLANCO-AGUILERA, A.; BLANCO-HUNGRÍA A.; BIEDMA-VELÁZQUEZ, L.; SERRANO-DEL-ROSAL, R.; GONZÁLEZ-LÓPEZ, L.; BLANCO-AGUILERA, E.; SEGURA-SAINT-GERONS, R. Application of an oral health-related quality of life questionnaire in primary care patients with orofacial pain and temporomandibular disorders. Medicina oral, patologia oral y cirugia bucal, [S.L.], v. 19, n. 2, p. e127-135, 01 mar. 2014 DOI: https://doi.org/10.4317/medoral.19061.

BULFINCH, T. O livro de ouro da mitologia (a idade da fábula): histórias de deuses e heróis. 26. ed. Tradução: David Jardim Júnior. Rio de Janeiro: Ediouro Publicações, 2002. 419 p. Título original: The age of fable. ISBN 85-00-00671-4. Disponível em: https://filosofianreapucarana.pbworks.com/f/O+LIVRO+DE+OURO+DA+MITOLOGIA.pdf. Acesso em: 25 jan. 2021.

DE LA VEJA, R.; RACINE, M.; SÁNCHEZ-RODRÍGUEZ, E.; TOMÉ-PIRES, C.; CASTARLENAS, E.; JENSEN, M.P.; MIRÓ, J. Pain extent, pain intensity, and sleep quality in adolescents and young adults. Pain Medicine, Oxford, v. 17, n. 11, p. 1971-1977, nov. 2016. DOI: https://doi.org/10.1093/pm/pnw118.

DRABOVICZ, P. V. S. M.; SALLES, V. DRABOVICZ, P. E. M.; FONTES, M. J. F. Assessment of sleep quality in adolescents with temporomandibular disorders. Jornal de Pediatria, Rio de Janeiro, v. 88, n. 2, p. 169-172, 13 mar. 2012. DOI: http://dx.doi.org/10.2223/JPED.2180.

DWORKIN, S. F.; LERESCHE, L. Research diagnostic criteria for temporomandibular disorders: review, criteria, examinations and specifications, critique. Journal of Craniomandibular Disorders: Facial & Oral Pain, Fall, v. 6, n. 4, p. 301-355, 1992.

GERALDES, N. P. N. Epidemiologia da dor crónica pediátrica em Portugal – revisão sistemática da literatura. 2019. 44 f. Dissertação (Mestrado Integrado em Medicina) – Faculdade de Ciências da Saúde, Universidade da Beira Interior, Covilhã, 2019. Disponível em: http://hdl.handle.net/10400.6/8777.

GOMES, G. C.; PASSOS, M. H. P. D.; SILVA, H. A.; OLIVEIRA, V. M. A. D.; NOVAES, W. A.; PITANGUI, A. C. R.; ARAÚJO, R. C. D. Qualidade de sono e sua associação com sintomas psicológicos em atletas adolescentes. Revista Paulista de Pediatria, São Paulo, v. 35, n. 3, p. 316-321, set. 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/1984-0462/;2017;35;3;00009.

GROENEWALD, C. B.; ESSNER, B. S.; WRIGHT, D.; FESINMEYER, M. D.; PALERMO, T. M. The economic costs of chronic pain among a cohort of treatment-seeking adolescents in the United States. The journal of pain, [Internet], v. 15, n. 9, p. 925-933, jun. 2014. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jpain.2014.06.002.

GUIMARÃES, L.; SCHIRMER, M.; COSTA, Z. Implicações da privação do sono na qualidade de vida dos indivíduos. Revista Perspectiva: Ciência e Saúde, Osório, v. 3, n. 1, p. 147-154, 2018.

HIRSHKOWITZ, M.; WHITON, K.; ALBERT, S. M.; ALESSI, C.; BRUNI, O.; DONCARLOS, L.; HAZEN, N.; HERMAN, J.; HILLARD, P. J. A.; KATZ, E. S.; KHEIRANDISH-GOZAL, L.; NEUBAUER, D. N.; O’DONNELL, A. E.; OHAYON, M.; PEEVER, J.; RAWDING, R.; SACHDEVA, R. C.; SETTERS, B.; VITIELLO, M. V.; WARE, J. C.; National Sleep Foundation’s updated sleep duration recommendations: final report. Sleep Health, [s.l.], v. 1, n. 4, p. 233-243, dez. 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1016/j.sleh.2015.10.004.

IBGE. IBGE Cidades. 2010. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pe/recife/panorama. Acesso em: 01 nov. 2019.

KOSMINSKY, M.; LUCENA, L. B. S.; SIQUEIRA, J. T. T.; PEREIRA JÚNIOR, F. J.; GÓES, P. S. A. Adaptação cultural do questionário “Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders: Axis II” para o português.

Jornal Brasileiro de Clínica Odontológica Integrada, [Curitiba], v. 8, n. 43, p.51-61, jan./fev. 2004.

LEI, J.; FU, J.; YAP, A. U. J.; FU, K. Temporomandibular disorders symptoms in Asian adolescents and their association with sleep quality and psychological distress. Cranio®, [s.l.], v. 34, n. 4, p. 242-249, 28 abr. 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.1179/2151090315y.0000000021.

LESSA, R. T.; FONSECA, L. A. N. S.; SILVA, V. L.; MESQUITA, F. B. M.; COSTA, A. J. R.; SOUZA, D. J. M.; CESAR, M. R.; FERREIRA, T. B.; ABAD, L. H. S.; MENDES, N. B. E. S. A privação do sono e suas implicações na saúde humana: uma revisão sistemática da literatura. Revista Eletrônica Acervo Saúde, [s.l.], n. 56, e3846, 13 ago. 2020. DOI: https://doi.org/10.25248/reas.e3846.2020. Disponível em: https://acervomais.com.br/index.php/saude/article/view/3846/2406. Acesso em: 25 jan. 2021.

LUCENA, L. B. S.; KOSMINSKY, M.; COSTA, L. J.; GÓES, P. S. A. Validation of the Portuguese version of the RDC/TMD Axis II questionnaire. Brazilian Oral Research, São Paulo, v. 20, n. 4, p. 312-317, dec. 2006. DOI: https://doi.org/10.1590/S1806-83242006000400006.

MAYDANA, A. V.; TESCH, R. S.; DENARDIN, O. V. P.; URSI, W. J. S.; DWORKIN, S. F. Possíveis fatores etiológicos para desordens temporomandibulares de origem articular com implicações para diagnóstico e tratamento. Dental Press Journal of Orthodontics, Maringá, v. 15, n. 3, p. 78-86, jun. 2010. DOI: https://doi.org/10.1590/S2176-94512010000300010.

MEDEIROS, M. A. O.; LIMA, M. A. Avaliação da qualidade do sono e nível de sonolência em estudantes do curso de estética uma instituição de ensino superior privado. e-RAC, v. 9, n. 1, 2019.

NEVES, G. S. M. L.; MACEDO, P.; GOMES, M. M. Transtornos do sono: atualização (1/2). Revista Brasileira de Neurologia, Rio de Janeiro, v. 53, n. 3, p. 19-30, jul./ago./set. 2017. Disponível em: https://docs.bvsalud.org/biblioref/2017/12/876873/rbn-533-3-transtornos-do-sono-1-2.pdf. Acesso em: 14 abr. 2020.

PALMIERI, M. L. Os tratados sobre o sono e os sonhos, De Somno et Vigilia e De insomniis, de Aristóteles. 2015. 92 f. Dissertação (Mestrado em Letras) – Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2015. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/31032/3/Os%20tratados%20sobre%20o%20sono%20e%20os%20sonhos%20de%20Arist%C3%B3teles.pdf. Acesso em: 25 jan. 2021.

PASSOS, M. H. P.; SILVA, H. A.; PITANGUI, A. C. R.; OLIVEIRA, V. M. A.; LIMA, A. S.; ARAÚJO, R. C. Reliability and validity of the Brazilian version of the Pittsburgh Sleep Quality Index in adolescents. Jornal de Pediatria, Rio de Janeiro, v. 93, n. 2, p. 200-206, mar./abr. 2017. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jped.2016.06.006.

PASSOS, T. T. M.; GONÇALVES, H. R.; PEIXOTO, R. M.; PORTO, F. R.; PEREIRA, T. H.; FERRAZ JUNIOR, A. M. L. Avaliação da qualidade de vida de pacientes com disfunção temporomandibular, HU Revista, [S. l.], v. 46, p. 1-8, 2020. DOI: https://doi.org/10.34019/1982-8047.2020.v46.30778.

PEREIRA, M. G. Epidemiologia: teoria e prática. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1995.

RESENDE, C. M. B. M.; ALVES, A. C. M.; COELHO, L. T.; ALCHIERI, J. C.; RONCALLI, A. G.; BARBOSA, G. A. S. Quality of life and general health in patients with temporomandibular disorders. Brazilian Oral Research, São Paulo, v. 27, n. 2, p. 116-121, mar./apr. 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S1806-83242013005000006.

SILVA, M. F.; VEDOVELLO, S. A. S.; VEDOVELLO FILHO, M.; VENEZIAN, G. C.; VALDRIGHI, H. C.; DEGAN, V. V. Temporomandibular disorders and quality of life among 12-year-old schoolchildren. Cranio®, [s.l.], v. 35, n. 6, p. 392-396, 31 out. 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.1080/08869634.2016.1248590.

VAN DEUN, L.; DE WITTE, M.; GOESSENS, T.; HALEWYCK, S.; KETELAER, MC.; MATIC, M.; MOENS, M.; VAES, P.; VAN LINT, M.; VERSIJPT, J. Facial Pain: A Comprehensive Review and Proposal for a Pragmatic Diagnostic Approach. European Neurology, [s.I.], v. 83, n. 1, p. 5-16, 27 mar. 2020. DOI: https://doi.org/10.1159/000505727.

ZANUTO, E. A. C.; LIMA, M. C. S.; ARAÚJO, R. G.; SILVA, E. P.; ANZOLIN, C. C.; ARAUJO, M. Y. C.; CODOGNO, J. S.; CHRISTOFARO, D. G. D.; FERNANDES, R. A. Distúrbios do sono em adultos de uma cidade do Estado de São Paulo. Revista Brasileira de Epidemiologia, São Paulo, v. 18, n. 1, p. 42-53, jan./mar. 2015. DOI: 10.1590/1980-5497201500010004. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1415-790X2015000100042&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 13 abr. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-140

Refbacks

  • There are currently no refbacks.