Estudo do processo de descaracterização do patrimônio edificado Itabaianense como resultado da carência de Educação Patrimonial / Study of the process of decharacterization of Itabaianense built heritage as a result of the lack of Heritage Education

José Paulo R. Conceição, Charles A. Pereira, Nycole A. Régis

Abstract


A cidade de Itabaiana, localizada no agreste do estado da Paraíba, é berço de riqueza cultural e histórica, enraizada desde os primórdios da consolidação paraibana. Tendo seu reconhecimento como vila por volta de 1804, Itabaiana foi palco de importantes marcos na história nacional. Em meados do século XX, a cidade passou por um processo de modernização e enriquecimento com a chegada do trem a vapor e da energia elétrica, sendo esta, a primeira cidade na paraíba a recebê-la. Tais processos de sua constituição, refletem o patrimônio arquitetônico e cultural que hoje a cidade detém. Terra natal do Mestre Sivuca, a cidade também é inspiração de artistas como, José Lins do Rego, Jessier Quirino, entre outros, e possui rica pluralidade de estilos arquitetônicos que transpassam desde a arquitetura popular até o estilo moderno emergente entre as décadas de 1930 e 1990. Tendo em vista a importância integrada à cidade, esta encontra-se em processo de tombamento pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba – IPHAEP, desde 2017, quando seu centro histórico foi cadastrado e iniciado o inventário das edificações.  Enfatizando a potencialidade patrimonial da cidade, e em contrapartida à atual situação de degradação e modificação que boa parte deste patrimônio sofreu, surgiu então a intenção de se analisar o modo como essas modificações ocorriam, os locais, os materiais e as intenções dos proprietários para com essas alterações, visando entender os motivos das reformas e as necessidades da população ao executá-las. O objetivo do presente trabalho, realizado a partir da iniciativa do grupo de pesquisa LABHIS (Laboratório de História da UFCG), é poder compreender o que a carência de educação patrimonial pode gerar nos bens, sendo estes afetados por meio de reformas indevidas executadas pelos usuários. Para tal intenção, buscou-se mapear algumas classificações destas reformas nas fachadas das edificações, bem como os materiais utilizados nestas, na área de análise escolhida, por meio de visitas in loco, registros fotográficos, e programas computacionais. Posteriormente, os resultados serão compartilhados com os habitantes por meio de oficinas, possibilitando construir assim um diálogo com a população e buscar de forma coletiva, sugestões de manuseio do patrimônio, procurando estabelecer um equilíbrio entre a preservação e as necessidades dos moradores, e promovendo assim uma educação patrimonial participativa. Para compreender-se contextos da história patrimonial e educação patrimonial, tem-se o embasamento biográfico de WEIMER (2012), DVORAK (1910), CHOAY (1992), entre outros teóricos patrimoniais.


Keywords


Itabaiana, Patrimônio, Descaracterização, Conscientização, Educação Patrimonial.

References


ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 15220-3: Desempenho térmico de edificações. 1 ed. 2005.

CHOAY, Françoise. A alegoria do patrimônio. [S. l.: s. n.], 1992.

DVORAK, Max. Catecismo da Preservação de Monumentos. [S. l.: s. n.], 1910.

MAIA, Sabianiano. Itabaiana sua história – suas memórias 1500 – 1976. 3ed. Itabaiana: Memória Viva, 2015.

OCTÁVIO, José. História da Paraíba. [S. l.: s. n.], 1997.

WEIMER, Gunter. Arquitetura Popular Brasileira. [S. l.: s. n.], 2012.

RECIFE. Breno Augusto Beltrão. Cprm - Serviço Geológico do Brasil. Projeto cadastro de fontes de abastecimento por água subterrânea do Estado da Paraíba: diagnóstico do Município de Itabaiana. 2005. Disponível em: http://rigeo.cprm.gov.br/xmlui/bitstream/handle/doc/16079/Rel_Itabaiana.pdf?sequence=1. Acesso em: 22 jul. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-058

Refbacks

  • There are currently no refbacks.