Internações hospitalares e mortalidade em pacientes com lúpus eritematoso sistêmico no Brasil / Hospital admissions and mortality in patients with systemic lupus erythematosus in Brazil

Gustavo Tedde Filho, Mariana Silva Nunes, João Carlos Geber Júnior, Willian Darwin Júnior, Viviane Uliane Peterle, Ana Paula Monteiro Gomides

Abstract


Introdução: O lúpus eritematoso sistêmico (LES) é uma doença autoimune, onde ocorre surgimento de autoanticorpos os quais levam a lesões de diversos órgãos e tecidos. As manifestações podem ser de intensidade variável, porém muitas vezes necessitam de internação hospitalar devido a quadros complicados que podem surgir com o decorrer da doença. Na última década houve um significativo aumento das taxas de diagnóstico de LES, porém há poucos dados disponíveis a respeito de número de internações mortalidade uma vez que o LES ainda é uma doença subdiagnosticada. Por isso o objetivo geral do artigo é avaliar o número de internações hospitalares e número de óbitos desta população no período de 2009 a 2018.

Metodologia: Estudo transversal, descritivo, quantitativo, de natureza documental, com base de dados proveniente do departamento de informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS).

Resultados: No período estudado, foi observado um total de 12.852 internações, sendo 88% do sexo feminino. A etnia com maior prevalência nas internações foi a parda (40% dos casos). Houve um predomínio de casos em São Paulo (SP), com cerca de 3443 casos, seguido por Minas Gerais (MG) com 1547 casos e Distrito Federal (DF) em terceiro lugar com 1296 casos. SP teve o maior número de óbitos (56 óbitos), seguido pelo Rio de Janeiro (22 óbitos) e em terceiro lugar o Pará (20 óbitos). Em relação à mortalidade por etnia, nota-se que, os negros ocupam a primeira posição (a cada 100 negros diagnosticados com LES 2,25 evoluem para óbito). E houve um padrão crescente no número de internações de 2009 (522 casos) para 2018 (2312 casos).

Conclusão: LES é uma doença grave e subdiagnosticada no Brasil, sendo uma importante causa de internações no País. Medidas de diagnóstico e tratamento precoces devem ser fortemente estimuladas.


Keywords


Lúpus Eritematoso Sistêmico, internações hospitalares, óbitos.

References


AOAC. Association of Official Analytical Chemists (AOAC). Official Methods of Analysis of the AOAC. 18 th ed. Gaithersburg, M.D, USA, 2005.

ANUÁRIO BRASILEIRO DA FRUTICULTURA, 2016. Disponível em: . Acesso em 22 de outubro de 2016.

ARAÚJO, C. R. R. Composição química, potencial antioxidante e hipolipidêmico da farinha da casca de Myrciaria cauliflora (jabuticaba). 2011. 119 p. Dissertação de Mestrado – Programa de Pós-Graduação em Química, Universidade Federal dos vales do Jequitinhonha e Mucuri, Diamantina.

ARAÚJO, K. T. A.; SILVA, R. M.; SILVA, R. C. da; FIGUEIRÊDO, R. M. F.; QUEIROZ, A. J. de M. Caracterização físico-química de farinhas de frutas tropicais. Revista Brasileira de Agrotecnologia, v. 7, n. 2, p. 110-115, 2017.

BARREIRO, N.; CHAVES, M. A.; GARCIA, C. C. Cinética de secagem de cascas de abacaxi. Anais... In: Congresso Técnico Científico da Engenharia e da Agronomia, 2016.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agencia Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução de Diretoria Colegiada - RDC Nº 360, de 23 de Dezembro de 2003. Regulamento Técnico sobre Rotulagem Nutricional de Alimentos Embalados.

BORA, P. S.; NARAIN, N.; ROCHA, R. V.M.; PAULO, M. Q. Characterization of the oils from the pulp and seeds of avocado (cultivar: Fuerte) fruits. Grasas y Aceites, v. 52, n. 3-4, p. 171-174, 2001.

BORTOLATTO, J.; LORA, J. Avaliação da composição centesimal do abacaxi (Ananas comosus (L.) merril) liofilizado e in natura. Revista de Pesquisa e Extensão em Saúde, v. 4, n. 1, 2009.

CELESTINO, S. M.C. Princípios de secagem de alimentos. Planaltina: EMBRAPA CERRADOS, 2010. 49p. (EMBRAPA CERRADOS. Documentos 276).

CHAVES, M. A. et al. Elaboração de biscoito integral utilizando óleo e farinha da polpa de abacate. Boletim do Centro de Pesquisa de Processamento de Alimentos, v. 31, n. 2, 2013.

DO NASCIMENTO FILHO, W. B.; FRANCO, C. R.. Avaliação do potencial dos resíduos produzidos através do processamento agroindustrial no Brasil. Revista Virtual de Química, v. 7, n. 6, p. 1968-1987, 2015.

DOS SANTOS, A. R. R.; CIABOTTI, S.; ALVES, J.M. Avaliação da composição centesimal de cascas de abacaxi. In: III Seminário de Iniciação Científica e Inovação Tecnológica. Anais… 2010.

EMBRAPA- EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Disponível em: . Acesso em outubro de 2016.

ERKEL, A. et al. Utilização da farinha da casca de abacaxi em cookies: caracterização físico-química e aceitabilidade sensorial entre crianças. Revista Uniabeu, v. 8, n. 19, p. 272-288, 2015.

FAO-Food and Agriculture Organization of the United Nations. 2013. Disponível em: . Acesso em outubro de 2016.

FRANCO, G.V.E. Nutrição: texto básico e tabela de composição química de alimentos. 6 ed. Livraria Atheneu, 227 p, 1982.

GUIMARÃES, P. de B.; CAPOBIANGO, M. Determinação da Composição Centesimal de Farinha Obtida a Partir do Caroço de Abacate. In: III Congresso Nacional de Alimentos e Nutrição | VI Congresso Nacional de Alimentação e Nutrição Anais... Ouro Preto, MG. 2017.

GONDIM, J. A. M. et al. Composição centesimal e de minerais em cascas de frutas. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 25, n. 4, p. 825-827, 2005.

MELO, P.C.B.; BARROSO, A.P.S.; LIMA, A.M.; SILVA,L.M.; ALMEIDA, E.C.B. Caracterização física e físico-química de frutos do oiti (licania tomentosa) cultivado no vale do São Francisco. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI). Anais... Petrolina PE, 2010.

MENDES, B. de A.B. Obtenção, caracterização e aplicação de farinha das cascas de abacaxi e manga. Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 78 p. 2013.

NASCIMENTO, M.; SOUZA, V. D.; MARINHO, A.; ASCHERI, J.; MELEIRO, C. D. A. Composição centesimal e minerais de farinha do caroço de abacate (Persea gratissima, Gaertner f.). In: XXV

CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, X CIGR SESSION, IV INTERNATIONAL TECHNICAL SYMPOSIUM, Anais... FAURGS, Gramado/RS, 2016.

PARK, K. J.; YADO, M. K. M.; BROD, F. P.R..Estudo de secagem de pêra bartlett (Pyrus sp.) em fatias. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 21, n. 3, p. 288-292, 2001.

RESENDE, Osvaldo; FERREIRA, Lênio Urzêda; ALMEIDA, Dieimisson Paulo. Modelagem matemática para descrição da cinética de secagem do feijão Adzuki (Vigna angularis). Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, v. 12, n. 2, p. 171-178, 2010.

SOUSA, K. A.; RESENDE, O.; CHAVES, T. H.; COSTA, L. M. Cinética de secagem do nabo forrageiro (Raphanus sativus L.). Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 4, p. 883-892, 2011.

ZAGO, M. F. C. et al. Aproveitamento de resíduo agroindustrial de jabuticaba no desenvolvimento de formulação de cookie para a alimentação escolar. 2014. 129 p. Dissertação (Mes trado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2014.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-011

Refbacks

  • There are currently no refbacks.