Aplicação do estudo de tempos e movimentos para melhorias na eficiência da produção: um estudo de caso em uma empresa de hidráulica de carro e autopeças / The study of times and movement’s application for improvements in production efficiency: a case study in a hydraulic car and auto parts company

Tatiana Mendes Siqueira, Ariane Vitória de Sousa, Andréa Cristina Marques de Araújo

Abstract


Caminhando junto com a Engenharia de Produção, a Engenharia de Métodos utiliza como uma de suas ferramentas o estudo de tempos e movimentos, na qual é indispensável quando, por exemplo, se busca a melhoria da eficiência ou padronização das etapas produtivas dentro dos processos se tornando de suma importância para o melhor aproveitamento de funções e a minimização de tempo em cada processo. Portanto, o objetivo principal deste artigo é analisar e fazer o uso desse estudo a fim de buscar um melhor aperfeiçoamento do processo de abertura de bombas hidráulicas, com o intuito de minimizar o consumo desnecessário de materiais e tempo, que consequentemente afeta o capital da empresa. Contendo uma abordagem quantitativa, inicialmente foi feita uma entrevista junto à uma coleta de dados dos funcionários, em seguida foi feito uma análise dos processos com a maior variabilidade de tempo para a execução, quando identificado a etapa do processo, foi feita a verificação do tempo normal e do tempo padrão dessa atividade. Após o devido cálculo, cinco cronometragens foram encontradas, para então ser feito o cálculo do tempo médio dentro da abertura das bombas.


Keywords


Estudo de Tempos, Eficiência, Abertura de Bombas Hidráulicas.

References


ARAUJO, Andrea Cristina Marques de; GOUVEIA, Luis Borges. Pressupostos sobre a pesquisa científica e teste piloto. Revista Administradores.com [meio digital], 2019. Disponivel em:https://administradores.com.br/artigos/pressupostos-sobre-a-pesquisa-cientifica-e-teste-piloto. Data de acesso: 11 abtil. 2021.

BARNES, Ralph Mosser. Estudo de movimentos e de tempos: projeto e medida do trabalho. 6 ed. São Paulo: Edgar Blücher, 1977.

CASTRO, Rodrigo Batista de. Eficácia, Eficiência e Efetividade na Administração Pública. In: EnANPAD - Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós- Graduação em Administração, 2006, Salvador. Anais. Salvador: ANPAD, 2006. Disponível em: . Acesso em: 12 abr. 2021.

CHIAVENATO, Idalberto. Gerenciando Pessoas: o passo decisivo para a Administração Participativa. 3. ed. São Paulo: Makron Books, 1994.

FELIPPE, Adélia Denísia. Análise descritiva do estudo de tempos e métodos: uma aplicação no setor de embaladeira de uma indústria têxtil. In: Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia, 2012. Disponível em: . Acesso em: 12 abr. 2021.

PEINADO, Jurandir; GRAEML, Alexandre Reis. Administração da produção: operações industriais e de serviços. Curitiba: UnicenP, 2007.

PINHEIRO, Aron Weber da Silva et al. Estudo de tempos e movimentos para determinação da capacidade produtiva de uma empresa de processamento de frangos. In: ENEGEP - Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2012, Bento Gonçalves. Anais. Bento Gonçalves: Abepro, 2012. Disponível em: . Acesso em: 04 abr. 2021.

SILVEIRA, Luciene de Barros Rodrigues; SALUSTIANO, Eleine de Oliveira. A importância da ergonomia nos estudos de tempos e movimentos. P&D em Engenharia de Produção, Itajubá, v. 10, n. 1, p. 71-80, 2012. Disponível em: . Acesso em: 04 abr. 2021.

PENA, Carlos Rosano. Um modelo de avaliação da eficiência da administração pública através do método análise envoltória de dados (DEA). Rev. adm. contemp., Curitiba, v. 12, n. 1, p. 83-106, Mar. 2008. Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2021.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-007

Refbacks

  • There are currently no refbacks.