Composição centesimal de subprodutos de frutas in natura e após o processo de secagem / Centesimal composition of fruit by-products in natura and after the drying process

Jefferson Ferreira de Oliveira, Gláucia Cristina Moreira, Nádia Cristiane Steinmcher, Marinêz Paula Corso, Elciane Regina Zanatta

Abstract


O Brasil é um dos maiores produtores de frutas, entretanto sua produção vem acompanhada de uma grande quantidade de coprodutos provenientes do processo de industrialização. Esses coprodutos podem ser as cascas, bagaço, folhas e sementes. Um grande problema com a disposição destes subprodutos no processo agroindustrial é que se não descartados corretamente podem gerar um grande problema ambiental. Dentre os frutos que são produzidos no Brasil, ganham destaque o abacaxi, a banana e o abacate. O objetivo deste trabalho foi avaliar a composição centesimal dos subprodutos in natura e após o processo de secagem para uma possível aplicação em produtos alimentícios. Foram utilizados a casca de abacaxi, a casca de banana e o caroço de abacate, onde os mesmos foram analisados quanto à umidade, proteínas, lipídios, cinzas e carboidratos. Os resultados da composição centesimal foram submetidos à análise de variância (ANOVA). O conteúdo de cinzas das amostras in natura foi de 1,74 g 100g-1 para a casca de abacaxi, 2,79 g 100g-1 para o caroço de abacate e 3,50 g 100g-1 para a casca de banana. Já para proteínas o caroço de abacate apresentou teor superior aos demais (2,07 g 100g-1). Após os resíduos serem secos, o teor de cinzas variou de 4,13 g 100g-1 para o caroço de abacate, para 8,53 g 100g-1 para a casca de abacaxi seca. Os resíduos analisados apresentaram teores significativos de resíduo mineral, o que comprova que podem ser nutritivos, podendo ser introduzidos na alimentação humana como forma de suplementação.


Keywords


Composição Centesimal, Coprodutos, Fruta

References


AOAC. Association of Official Analytical Chemists (AOAC). Official Methods of Analysis of the AOAC. 18 th ed. Gaithersburg, M.D, USA, 2005.

ANUÁRIO BRASILEIRO DA FRUTICULTURA, 2016. Disponível em: . Acesso em 22 de outubro de 2016.

ARAÚJO, C. R. R. Composição química, potencial antioxidante e hipolipidêmico da farinha da casca de Myrciaria cauliflora (jabuticaba). 2011. 119 p. Dissertação de Mestrado – Programa de Pós-Graduação em Química, Universidade Federal dos vales do Jequitinhonha e Mucuri, Diamantina.

ARAÚJO, K. T. A.; SILVA, R. M.; SILVA, R. C. da; FIGUEIRÊDO, R. M. F.; QUEIROZ, A. J. de M. Caracterização físico-química de farinhas de frutas tropicais. Revista Brasileira de Agrotecnologia, v. 7, n. 2, p. 110-115, 2017.

BARREIRO, N.; CHAVES, M. A.; GARCIA, C. C. Cinética de secagem de cascas de abacaxi. Anais... In: Congresso Técnico Científico da Engenharia e da Agronomia, 2016.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agencia Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução de Diretoria Colegiada - RDC Nº 360, de 23 de Dezembro de 2003. Regulamento Técnico sobre Rotulagem Nutricional de Alimentos Embalados.

BORA, P. S.; NARAIN, N.; ROCHA, R. V.M.; PAULO, M. Q. Characterization of the oils from the pulp and seeds of avocado (cultivar: Fuerte) fruits. Grasas y Aceites, v. 52, n. 3-4, p. 171-174, 2001.

BORTOLATTO, J.; LORA, J. Avaliação da composição centesimal do abacaxi (Ananas comosus (L.) merril) liofilizado e in natura. Revista de Pesquisa e Extensão em Saúde, v. 4, n. 1, 2009.

CELESTINO, S. M.C. Princípios de secagem de alimentos. Planaltina: EMBRAPA CERRADOS, 2010. 49p. (EMBRAPA CERRADOS. Documentos 276).

CHAVES, M. A. et al. Elaboração de biscoito integral utilizando óleo e farinha da polpa de abacate. Boletim do Centro de Pesquisa de Processamento de Alimentos, v. 31, n. 2, 2013.

DO NASCIMENTO FILHO, W. B.; FRANCO, C. R.. Avaliação do potencial dos resíduos produzidos através do processamento agroindustrial no Brasil. Revista Virtual de Química, v. 7, n. 6, p. 1968-1987, 2015.

DOS SANTOS, A. R. R.; CIABOTTI, S.; ALVES, J.M. Avaliação da composição centesimal de cascas de abacaxi. In: III Seminário de Iniciação Científica e Inovação Tecnológica. Anais… 2010.

EMBRAPA- EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA. Disponível em: . Acesso em outubro de 2016.

ERKEL, A. et al. Utilização da farinha da casca de abacaxi em cookies: caracterização físico-química e aceitabilidade sensorial entre crianças. Revista Uniabeu, v. 8, n. 19, p. 272-288, 2015.

FAO-Food and Agriculture Organization of the United Nations. 2013. Disponível em: . Acesso em outubro de 2016.

FRANCO, G.V.E. Nutrição: texto básico e tabela de composição química de alimentos. 6 ed. Livraria Atheneu, 227 p, 1982.

GUIMARÃES, P. de B.; CAPOBIANGO, M. Determinação da Composição Centesimal de Farinha Obtida a Partir do Caroço de Abacate. In: III Congresso Nacional de Alimentos e Nutrição | VI Congresso Nacional de Alimentação e Nutrição Anais... Ouro Preto, MG. 2017.

GONDIM, J. A. M. et al. Composição centesimal e de minerais em cascas de frutas. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 25, n. 4, p. 825-827, 2005.

MELO, P.C.B.; BARROSO, A.P.S.; LIMA, A.M.; SILVA,L.M.; ALMEIDA, E.C.B. Caracterização física e físico-química de frutos do oiti (licania tomentosa) cultivado no vale do São Francisco. V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica (CONNEPI). Anais... Petrolina PE, 2010.

MENDES, B. de A.B. Obtenção, caracterização e aplicação de farinha das cascas de abacaxi e manga. Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 78 p. 2013.

NASCIMENTO, M.; SOUZA, V. D.; MARINHO, A.; ASCHERI, J.; MELEIRO, C. D. A. Composição centesimal e minerais de farinha do caroço de abacate (Persea gratissima, Gaertner f.). In: XXV

CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS, X CIGR SESSION, IV INTERNATIONAL TECHNICAL SYMPOSIUM, Anais... FAURGS, Gramado/RS, 2016.

PARK, K. J.; YADO, M. K. M.; BROD, F. P.R..Estudo de secagem de pêra bartlett (Pyrus sp.) em fatias. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 21, n. 3, p. 288-292, 2001.

RESENDE, Osvaldo; FERREIRA, Lênio Urzêda; ALMEIDA, Dieimisson Paulo. Modelagem matemática para descrição da cinética de secagem do feijão Adzuki (Vigna angularis). Revista Brasileira de Produtos Agroindustriais, v. 12, n. 2, p. 171-178, 2010.

SOUSA, K. A.; RESENDE, O.; CHAVES, T. H.; COSTA, L. M. Cinética de secagem do nabo forrageiro (Raphanus sativus L.). Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 4, p. 883-892, 2011.

ZAGO, M. F. C. et al. Aproveitamento de resíduo agroindustrial de jabuticaba no desenvolvimento de formulação de cookie para a alimentação escolar. 2014. 129 p. Dissertação (Mes trado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2014.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n6-005

Refbacks

  • There are currently no refbacks.