Estudos de estabilidade de biohidrogel de galactomanana aditivado com emulsão de óleo de castanha-do-Pará / Stability studies of galactomannan biohydrogel additive with Brazil nut oil emulsion

Carlos Eduardo Pereira de Freitas, Antônia Fádia Valentim de Amorim, Sônia Maria Costa Siqueira, Andressa Yanne Soares Alves, Antônio Macario Junior, Yorrana Victor de Lima, Daniela Colaça da Silva, Albert Nascimento Braga

Abstract


Os biohidrogeis apresentam algumas vantagens que os tornam muito interessantes para aplicações cosméticas, por exemplo: atoxicidade, capacidade de intumescer em água e fluídos biológicos, consistência elastomérica e alta permeabilidade. os biohidrogeis naturais oferecem vantagens em relação a agentes sintéticos, incluindo aumento da hidrofilicidade e aumento da porosidade. O presente trabalho teve como objetivo o desenvolvimento e estudos de estabilidade de um biohidrogel de galactomanana, um polissacarídeo que atua como reserva estando presente nas leguminosas, e em misturas binárias com outros materiais formam géis que são utilizados nas mais diversas aplicações. O biohidrogel de galactomanana foi aditivado com óleo de castanha-do-Pará devido ao seu alto potencial hidratante. O biohidrogel da galactomanana obtido apresentou, aspecto gelatinoso de cor branca e pH 5. O biohidrogel aditivado foi submetido aos testes para averiguar as suas características sensoriais e físico-químicas. O estudo de estabilidade se manteve dentro do padrão proposto pela agência reguladora, onde todas as amostras se mantiveram estáveis ao longo dos testes. assim demonstrando que os componentes químicos não sofreram alterações.


Keywords


Biohidrogel, Galactomanana, Emulsão.

References


AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. Guia de estabilidade de produtos cosméticos. Brasília: ANVISA, 2004.

DECLAIR, Vania. Tratamento de úlceras crônicas de difícil cicatrização com ácido linoleico. Jornal Brasileiro de Medicina. p. 36-41, 2002.

FEARNSIDE, Philip. Desmatamento na Amazônia brasileira: história, índices e consequências. Megadiversidade, v. 1, n. 1, p. 113-123, 2005.

FERRARI, Márcio. Desenvolvimento e avaliação da eficácia fotoprotetora de emulsões múltiplas contendo metoxicinamato de etilexila e Óleo de andiroba (Carapa guyanensis). 2002. 142p. Tese de Doutorado em Ciências Farmacêuticas - Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002. Disponível em: . Acesso em: 10 dez. 2020.

FRANZOL, Angélica; REZENDE, Mirabel Cerqueira. Estabilidade de emulsões: um estudo de caso envolvendo emulsionantes aniônico, catiônico e não-iônico. Polímeros, v. 25, n. SPE, p. 1-9, 2015.

HALL, George. Methods of testing protein functionality. Springer Science & Business Media, 1996.

HORN, Marilia Marta. Obtenção e caracterização de hidrogéis de quitosana, xantana e colágeno aniônico. 2008. 73 f. Dissertação (Mestrado em Ciências), Universidade de São Paulo, São Carlos, 2008. Disponível em: Acesso em: 21 nov. 2020.

KNOLTON, Elizabeth Duv. Microscopic and Macroscopic Study of Dense Emulsion Rheology. 2006.151 f. Tese (PhD in Chemical Engineering) – Department of Chemical Engineering, University of California, Santa Barbara, 2006.

MELO, Maísa Oliveira; CAMPOS, Patrícia Maia. Função de Barreira da Pele e pH Cutâneo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto – USP, Ribeirão Preto SP, Brasil. 2016. Disponível em: . Acesso em: 12 dez. 2020.

MENDONÇA, Estela. Innovation Business Media. Setor de HPPC cresce 3,9% e atinge R$ 116,8 bilhões em 2019. Disponivel em: . Acesso em16 de dezembro de 2020.

MENDONÇA, Estela. Innovation Business Media. Setor de HPPC cresce 3,9% e atinge R$ 116,8 bilhões em 2019. Disponivel em: . Acesso em16 de dezembro de 2020.

MOURA, Marcia R.; RUBIRA, Adley; MUNIZ, Edvani. Hidrogéis semi-IPN baseados em rede de alginato-Ca2+ com PNIPAAm entrelaçado: propriedades hidrofílicas, morfológicas e mecânicas. Polímeros: Ciência e Tecnologia, v. 18, n. 2, p. 132-137, 2008.

PEREIRA, Tatiana Aparecida. Obtenção e caracterização de nanoemulsão O/A a base de óleo de framboesa, maracujá e pêssego: avaliação e propriedades cosméticas da formulação. 2011. Dissertação (Mestrado em Medicamentos e Cosméticos) - Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: . Acesso em: 22 nov. 2020

SANTOS, Orlando; MORAIS, Jacqueline; ANDRADE, Fernanda; AGUIAR, Tatiana; FILHO, Pedro Rocha. Development of Vegetable Oil Emulsions with Lamellar Liquid-Crystalline Structures, Journal of dispersion science and technology, v. 32, n. 3, p. 433-438, 2011.

SOUSA, Rhayson Almeida de ; ALMEIDA, Rafael Mendonça ; SILVA, Cléber Cândido; MACÊDO, Ana Angélica Mathias. Propriedades Elétricas Dos Filmes De Polissacarídeos. The Journal of Engineering and Exact Sciences, v. 3, n. 8, p. 1243-1249, 2017.

SOUZA, Marcos Vinícius Dias. Introdução à Farmacologia e à Cosmetologia. W. educacional. Unidade I. Brasília, 2011. Disponível em: . Acesso em: 15 jan. 2021

SRUR, Armando Ubirajara Oliveira Sabaa. Processamento da Castanha-doBrasil (Bertholletia excelsa H.B.K).1976. 60 f. Dissertação (mestrado), Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia de Alimentos e Agricola, Campinas, SP. 1976 Disponível em: . Acesso em: 21 ago. 2020.

VIEIRA, Ícaro Gusmão Pinto; MENDES, Francisca Noélia Pereira; GALLÃO, Maria Isabel; BRITO, Eddy Sousa. Estudo NMR de galactomananos de sementes de algaroba ( Prosopis juliflora (Sw) DC). Food Chemistry, v. 101, p. 70-7, 2007.

ZANON, Andréa, Baldasso. ASPECTOS TEÓRICOS E PRÁTICOS SOBRE AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE DE EMULSÕES MANIPULADAS EM FARMÁCIA. 2010. 52 f. Monografia (Especialização), Curso de Farmácia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Sul, 2010. Disponível em: . Acesso em: 18 jan. 2021.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n5-578

Refbacks

  • There are currently no refbacks.