A crise política, econômica e social na venezuela no olhar de estudantes do ensino médio / Venezuela's political, economic and social crisis under the eye of high school students

Geraldo Becker, Ana Claudia Urban

Abstract


Este artigo apresenta algumas reflexões referentes ao desempenho mental da constituição de sentido dedicada à experiência do tempo como fundamento da consciência histórica humana. O objetivo foi entender que sentidos históricos 37 estudantes que cursam a 2ª Série do Ensino Médio de um colégio da região Leste da cidade de Curitiba-PR apresentavam em suas narrativas sobre a crise política, econômica e social atual na Venezuela e qual a relação com a vida prática destes. A pesquisa foi de cunho qualitativo e a metodologia foi desenvolvida por meio de um instrumento composto de 2 (duas) partes: a primeira, continha 9 (nove) fontes que apresentavam temáticas sobre alguns momentos da história atual da Venezuela e a segunda, uma questão elaborada no intuito de levar os estudantes a utilizarem seus acervos do saber histórico para escolherem qual/ais fonte/s apresentada/s seria/m utilizada/s para a elaboração de narrativas. Para tanto esta pesquisa foi desenvolvida dentro do quadro teórico e metodológico da Educação Histórica e da teoria da consciência histórica de Jörn Rüsen, relativa às quatro operações mentais da constituição de sentido experiência ou percepção, interpretação, orientação e motivação. Algumas considerações importantes podem ser apontadas a partir desta pesquisa: a primeira diz respeito aos conhecimentos históricos que os estudantes possuíam sobre esta temática, a segunda, sobre os motivos que levaram os estudantes a escolherem as fontes apresentadas para a construção de suas narrativas e a terceira, está relacionada aos sentidos atribuídos a partir da escolha das fontes e a relação com a vida prática.


Keywords


Constituição de sentido, Narrativas, Educação Histórica, Consciência histórica.

References


ANGELO, T. Sanções dos EUA contra a Venezuela causaram perda de 3 milhões de empregos em 5 anos: segundo relatório, embargos aplicados entre 2013 e 2017 geraram prejuízo estimado em cerca de 350 bilhões de dólares. 2019. Disponível em: . Acesso em: 14 jun. 2019.

BBC NEWS. Crise na Venezuela: Por que sanções econômicas de Trump desagradam investidores de Wall Street – Desde o passado, a Venezuela tem deixado de pagar títulos das dívidas do país, cuja maioria dos portadores são investidores e fundos do coração do capitalismo, nos Estados Unidos. 2018. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2019.

BBC NEWS BRASIL. Crise na Venezuela: quem é Juan Guaidó, presidente autoproclamado quer tirar Nicolás Maduro do poder? 2019. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

CARTACAPITAL.). Juan Guaidó é banido de cargos públicos na Venezuela por 15 anos. 2019. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

G1 MUNDO. Trump diz que militares russos devem deixar a Venezuela: presidente dos EUA se encontrou com Fabiana Rosales, mulher do líder da oposição e autodeclarado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó. 2019. Disponível em: . Acesso em: 11 jun. 2019.

G1 MUNDO. Ajuda humanitária enviada pela China chegou à Venezuela, diz regime de Nicolás Maduro: avião com 65 toneladas de medicamentos e produtos médicos chegou ao principal aeroporto do país. Oposição liderada por Juan Guaidó vê chegada com ceticismo. 2019. Disponível em: . Acesso em: 13 jun. 2019.

GERMINARI, G. D. A história da cidade, consciência histórica e identidade de jovens escolarizados. 187 f. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Federal do Paraná. Curitiba, 2010.

GIL, T. Crise na Venezuela: quais são os interesses da China no país latino-americano? 2019. Disponível em: . Acesso em: 12 jun. 2019.

LISSARDY, G. Crise na Venezuela: como a estratégia de Trump no país se assemelha à antiga política dos EUA para Cuba. 2019. Disponível em: . Acesso em 12 jun. 2019.

MARTINS, E. C. R. Aprendizagem histórica: desafio e projeto. In: RÜSEN, J. Aprendizagem histórica: fundamentos e paradigmas. Tradução de: HORST, P; PEREIRA, C. C.; MARTINESCHEN, D.; PAULINO, S. Curitiba: W.A. Editores. 2012. p. 09-12.

RODRIGUES, F. Presença de militares russos na Venezuela faz parte de acordo de cooperação: segundo fonte ouvida pelo Brasil de Fato, o acordo existe há meses e possui uma agenda contínua. 2019. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

RÜSEN, J. ¿Qué es la cultura histórica?: Reflexiones sobre una nueva manera de abordar la historia. Traducción de: SANCHES, COSTA, F. S. e SCHMUMACHER, I. S. 1994. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

RÜSEN, J. Razão histórica: teoria da história: fundamentos da ciência histórica. Tradução de: MARTINS, E. R. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2010.

RÜSEN, J. Narrativa histórica: fundamentos, tipos, razão. In: SCHMIDT, M. A., Barca, I.; MARTINS, E. R. (Org.). Jörn Rüsen e o ensino de história. Curitiba: Editora UFPR. 2011. p. 93-108.

RÜSEN, J. Aprendizagem histórica: fundamentos e paradigmas. Tradução: HORST, P; PEREIRA, C. C.; MARTINESCHEN, D.; PAULINO, S. Curitiba: W.A. Editores, 2012.

RÜSEN, J. Teoria da história: uma teoria da história como ciência. Tradução de: MARTINS, E. C. R. Curitiba: Editora UFPR, 2015.

SCHMIDT, M. A. Jörn Rüsen e sua contribuição para a didática da história. Intelligere - Revista de Historia Intelectual, 3 (2), 60-76, out. 2017.Disponível em: . Acesso em: 11 jun. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.30327

Refbacks

  • There are currently no refbacks.