Capital Humano Imigrante: Estudo da diversidade cultural e a influência organizacional na agroindústria de Xaxim-SC / Immigrant Human Capital: Study of cultural diversity and the organizational influence in the agribusiness of Xaxim-SC

Jerri Kallebe da Silva

Abstract


O presente artigo apresenta os resultados da pesquisa de campo, realizada em 2017, tendo como objetivo retratar a inserção de imigrantes haitianos e senegaleses na agroindústria do município de Xaxim em Santa Catarina. Metodologicamente a pesquisa se caracterizou como qualitativa e quantitativa. Utilizando o método indutivo e fenomenológico, com nível de pesquisa exploratório e tendo um delineamento bibliográfico e documental, o que possibilitou criar um panorama amplo na sondagem da real situação das diásporas no ambiente de trabalho. A amostra populacional abrange os colaboradores e líderes nativos e colaboradores imigrantes, sendo o público imigrante constituído por haitianos e senegaleses. A pesquisa aponta resultados referentes às principais dificuldades dos imigrantes no ambiente de trabalho, sendo constatadas a dificuldade de comunicação, descriminação e racismo como principal barreiras à inserção dos imigrantes no ambiente de trabalho. O destaque desta pesquisa está na análise da inserção dos imigrantes no contexto da agroindústria, sendo um tema com pouco material publicado e poucas pesquisas que expõem o contexto da agroindústria e as relações com a diáspora. Apresentando em sua conclusão as principais dificuldades da inserção do imigrante no ambiente de trabalho da agroindústria, destacando o preconceito e as diferenças culturais como pontos críticos destas interações.


Keywords


Diáspora, Haitianos, Senegaleses, Diversidade cultural, Agroindústria.

References


CLAVAL, Paul. A geografia cultural no Brasil. In: DELOIZY, Francine Barthe. SERPA, Angelo. Visão do Brasil: Estudos culturais em Geografia. Salvador: Editora EDUFBA e Edições L´Harmattan, 2012.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6ª Ed. São Paulo: Atlas, 2009.

JÚNIOR, Manuel Diégues. Etnias e culturas no Brasil. São Paulo: Círculo do livro, 1963.

JUNIOR, Elizeu de Oliveira Chaves. Um olhar sobre o Haiti: refúgio e migração como parte da história. Brasília: LGE editora, 2008.

LAKATOS, Eva Maria. MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. São Paulo. Editora Atlas.Edição 2003.

PINTO, Joseane M. Schuck. Os deslocamentos forçados de Haitianos e suas implicações: Desafio global na sociedade de risco.Rio de Janeiro: Editora Lumes Juris, 2018.

RODRIGO, Alvarez. Haiti, depois do inferno: Memórias de um repórter no maior terremoto do século. São Paulo: Editora Globo, 2010.

TEDESCO, João Carlos. A imigração senegalesa: Dimensão histórica, econômica e socioambientais. In: GERHARDT, Marcos. NODARI, Eunice Sueli. MORETTO, Samira Peruchi. História ambiental e migrações: Diálogos. São Leopoldo: Oikos. Editora UFSC, 2017.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.30256

Refbacks

  • There are currently no refbacks.