A interdisciplinaridade do ensino de geociências como ferramenta à atividade turística: o estudo de caso da Basílica de Nossa Senhora de Nazaré, Belém/PA / The interdisciplinary teaching of geosciences as a tool for tourist activity: the case study of the Basilica of Nossa Senhora de Nazaré, Belém/PA

Carlos Andrei Pedroso da Silva, Rubens Werner Matheus Brito Pinto, Ceneide Nepomuceno Pedroso, Rosemery da Silva Nascimento

Abstract


A Basílica de Nossa Senhora de Nazaré em Belém do Pará (Brasil), patrimônio tombado pelo Departamento do Patrimônio Histórico Artístico e Cultural do estado do Pará, atrai milhares de visitantes para suas instalações em Belém/PA. Apesar de muito explorada sob o ponto de vista religioso e histórico, são raras as informações sobre materiais geológicos empregados na construção e ornamentação da basílica. A grande circulação de turistas, acompanhados de guias turísticos, permite obter diversas informações sobre os acontecimentos históricos relacionados à construção do templo católico e sua relação com o desenvolvimento da cidade. Porém a observação dos geomateriais usados na Basílica por vezes é desapercebido, onde se perde a oportunidade de incentivar o conhecimento às ciências da Terra. O templo exibe uma ampla variedade de rochas e minerais, empregados na forma de pilares de granitos, originários da Itália e transportados em peça única, até pisos de meta-calcário com a forma de fósseis preservada. As peças são utilizadas como ornamentos ou como estruturas de sustentação da edificação, algumas vezes com o emprego das duas funções. A abordagem interdisciplinar sob a ótica geoturística da Basílica de Nossa Senhora de Nazaré permite avançar no conhecimento integrado da história deste patrimônio material e despertar a curiosidade dos turistas quanto a composição e estrutura de materiais geológicos empregados em outros pontos turísticos do país.


Keywords


Ensino de Geociências, Interdisciplinaridade, Turismo.

References


BASILICA SANTUÁRIO DE NAZARÉ, Assessoria de Comunicação. A HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DO SANTUÁRIO. Disponível em: . Acesso em: 01 out. 2019.

COMPIANI, Mauricio, CARNEIRO, Celso Dal Ré. 1993. OS PAPÉIS DIDÁTICOS DAS EXCURSÕES GEOLÓGICAS. Enseñanza de las Ciencias de la Tierra, v. 01, n. 02, p. 90-97.

D'ALBERTO, Ana Maria Ferreira, FERNANDES, Larissa Regis; MAIA, Fabiana Britto de Azevedo, 2006. A INTERDISCIPLINARIDADE COMO PRÁTICA ACADÊMICA ESSENCIAL À CONSTRUÇÃO DO SABER TURÍSTICO NO CURSO DE TURISMO DO IBES. Em: IV Seminário de Pesquisa em Turismo do MERCOSUL - Caxias do Sul.

FAZENDA, Ivani Catarina Arantes. DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO ENSINO FUNDAMENTAL: CONTRIBUIÇÕES DAS PESQUISAS SOBRE INTERDISCIPLINARIDADE NO BRASIL: O RECONHECIMENTO DE UM PERCURSO. Interdisciplinaridade, São Paulo, v.1, n. 1, p. 10-23, out. 2011.

GUASPARRI, Giovanni. OS MÁRMORES ANTIGOS. 2012. Disponível em: . Acesso em: 02 out. 2019.

G1 PARÁ, Redação. ESTUDO APONTA QUE SETOR DE TURISMO INJETOU R$700 MILHÕES NA ECONOMIA DO PARÁ. Disponível em: . Acesso em: 25 fev. 2021.

OLIVEIRA, Giovana Miranda Merêncio de; GOMES, Iolanda Clara do Carmo; PAIVA, Isabella dos Santos, OLIVEIRA, Maria Carolina Lira de; JESUS, Nivia Cristina Carvalho de; CARVALHO, Wivian Maria Rodrigues. TURISMO GEOLÓGICO: FERRAMENTA PARA DIVULGAÇÃO DO PATRIMÔNIO SOCIOCULTURAL EM BELÉM DO PARÁ. 2016. Disponível em: . Acesso em: 30 set. 2019.

POMBO, Olga; LEVY, Teresa; GUIMARÃES, Henrique Manuel. CONTRIBUIÇÃO PARA UM VOCÁBULO SOBRE A INTERDISCIPLINARIDADE. Em: A interdisciplinaridade: reflexão e experiência. Disponível em . Acesso em: 08 mar. 2021.

SILVA, Alessandra de Santana da, SILVA, Ludmila Nogueira da, SILVA, Marcos Vinicius de Oliveira da. 2020. INTERDISCIPLINARIDADE NOS MUSEUS DE CIÊNCIAS. Brazilian Journal of Development, vol. 6, n. 10. Curitiba, p. 81992-82000, oct. 2020.

SOUSA, Anderson Palmeira de, WALDE, Detlef Hans Gert, SILVA, Aguinaldo. 2019. GEOPARK BODOQUENA PANTANAL: DESENVOLVIMENTO E APLICAÇÃO DE MÉTODOS DIDÁTICOS PARA ENSINO DE GEOCIÊNCIAS NA FRONTEIRA BRASIL- BOLIVIA. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 11, p. 25141-25161, nov. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.30176

Refbacks

  • There are currently no refbacks.