Experiências vivenciadas no estágio supervisionado, com estudantes do 1º ano do 1º ciclo da Escola Estadual Cecília Meireles em Alta Floresta- MT / Experiences in the supervised internship with students of the 1st year of the 1st cycle of the Cecília Meireles State School in Alta Floresta- MT

Yslen Ascanio Francisco, Kananda Batista de Jesus Santos, Andreia Cristina Pontarolo Lidoino

Abstract


O artigo apresentado, destaca a prática ocorrida referente ao estágio supervisionado que teve como objetivo proporcionar a vivência da prática docente realizada na Escola Estadual Cecília Meireles, localizada na avenida Amazonas, bairro Cidade Bela, com a turma do 1° ano do 1º ciclo “B” vespertino. O referido estágio teve como objetivo proporcionar vivências da prática docente realizada na Escola Estadual Cecília Meireles, localizada na avenida Amazonas, bairro Cidade Bela, no município de Alta floresta, estado de Mato Grosso.  Com uma turma de 1° ano do 1º ciclo “B” vespertino. O contexto vivenciado no estágio inspirou a produção desse artigo que tem como objetivo descrever as fragilidades e potencialidades vivenciadas nas vinte horas de estágio supervisionado efetivado na instituição supracitada. Para a escrita desse artigo a metodologia utilizada foi a qualitativa, com base na coleta de dados obtidas nas observações e regência. Cabe ressalta que a vivência neste espaço contribuiu para a formação pessoal e profissional. De acordo com as observações foi possível perceber que a profissão docente é um desafio e sem dúvidas transcende o domínio de conteúdo. Com base nesse contexto é fundamental que o professor tenha um olhar humano, afetuoso e sensível em prol do processo de ensino e aprendizagem dos estudantes, promovendo assim a autonomia deles.


Keywords


Estágio Supervisionado. Alfabetização. Regência.

References


BORSSOI, Berenice Lurdes. O estágio na formação docente: da teoria à prática, ação reflexão. Simpósio Nacional de Educação, v. 20, 2008.

BRASIL. Secretaria de Educação Básica. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa. Currículo no ciclo de alfabetização: perspectivas para uma educação do campo. Brasília, DF: MEC/SEB, 2012.

DEMO, Pedro. Avaliação qualitativa. 6ª Edição, Campina, SP: Autores Associados, 1999.

FERREIRA, José dos Santos; MEDEIROS, Magna Misleiza Rodrigues; SILVA, Francisco Glauber de Brito; ALVES, Leonardo Alcântara. Elaboração de sequências didáticas: uma experiência de minicurso com alunos de licenciaturas. Brazilian Journal of Development, v. 5, n. 8, p. 13175-13187, 2019. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/2909/2882. Acesso em: 26 abr. 2020.

GALLO, Silvio. As múltiplas dimensões do aprender. In: Congresso de Educação Básica - COEB: aprendizagem e currículo. Anais do... Florianópolis: COEB, 2012. Disponível em: http://www.pmf.sc.gov.br/arquivos/arquivos/pdf/13_02_2012_10.54.50.a0ac3b8a140676ef8ae0dbf32e662762.pdf. Acesso em: 29 set. 2020.

LARROSA, Jorge. Tecnologias do Eu e Educação. In: SILVA, Tomaz Tadeu da (org.). O sujeito da educação: estudos foucaultianos. 5 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2002.

MATO GROSSO. Documento de Referência Curricular para Mato Grosso, Concepções para a Educação Básica. 2018.

PIMENTA, S. G. e LIMA M. S. L Estágio e Docência. 7. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

SOARES, Magda. Letramento e alfabetização: as muitas facetas. Revista Brasileira de Educação, 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo. Acesso, 08-de junho de 2020.

VASCONCELLOS, Celso dos Santos. Planejamento: projeto Ensino-Aprendizagem e Projeto Político-Pedagógico. São Paulo: Libertad, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.30110

Refbacks

  • There are currently no refbacks.