Odontoma complexo gigante em região posterior de mandíbula: relato de caso / The Giant complex odontoma in the posterior of the mandible: case report

Matheus Gonçalves Ferreira Leal, Eduardo Cezar Lima Silva de Miranda, Thaila Mariane Teixeira Lima, Thainá Araujo Pacheco Brito, Matheus Pinheiro Silva, Raphael Lobo Blanquet Ribeiro, Miguel Gustavo Andrade Setubal

Abstract


Segundo a Organização Mundial de Saúde, os odontomas são classificados como tumores odontogênicos benignos mistos pois sua origem advém de células epiteliais e mesenquimais exibido diferentes estruturas de tecido dentário (esmalte, dentina, polpa e cemento). O objetivo desse trabalho é relatar o caso clínico de um odontoma complexo na região posterior de mandíbula do lado esquerdo. Apesar da etiologia do odontoma ainda ser desconhecida, acredita-se que trauma local, infecção, pressão e mutação genética podem ser causadores do seu desenvolvimento. Os odontomas são os tumores odontogênicos mais comuns, são diagnosticados em média na 2ª década de vida e não possuem predileção por sexo. Estes são subdivididos em 2 tipos: composto e complexo. O primeiro é mais comum na maxila anterior e é formado por múltiplas estruturas semelhante a dentes. O segundo, apesar de acometer qualquer sítio, ocorre com mais frequência em região de molares em ambos os ossos gnáticos e consiste em uma massa aglomerada de esmalte e dentina. Os odontomas são lesões assintomáticas e são diagnosticadas por exames de rotina ou durante a investigação da não erupção de um dente. Radiograficamente eles se apresentam com radiopacidade bem definida, com densidade maior que a do tecido ósseo subjacente podendo ocasionalmente estar associado a um elemento dentário incluso ou retido. Portanto, devido a sua aparência radiográfica mista e seu crescimento expansivo, o diagnóstico precoce é essencial para que uma abordagem mais conservadora seja alcançada assim como seu diagnóstico diferencial entre outros tumores seja estabelecido para o correto tratamento.


Keywords


Anormalidades Dentárias, Tumores Odontogênicos, Neoplasias Mandibulares.

References


Neville BW, Damm DD, Allen CM BJ. Patologia oral & maxilofacial. 3. ed. Rio de Janeiro: Elservier; 2009.

Odontoma C. Odontoma complexo em seio maxilar - relato de caso. 2017;71(1):21–4.

Isola G, Cicciù M, Fiorillo L, Matarese G. Association between odontoma and impacted teeth. J Craniofac Surg. 2017;28(3):755–8.

Tolentino EDS. Nova classificação da OMS para tumores odontogênicos: o que mudou? Rev da Fac Odontol - UPF. 2018;23(1):119–23.

Rossini A, Visioli C, Oliveira C De, Marson FC, Takeshita WM. Giant complex odontoma in maxillary sinus. 2007;(January):123–6.

Ch L, GJ P. Complex and compound odontomas are clinic-pathological entities. Basic Appl Pathol. 2008;(1):30–3.

Ragalli CC, Ferreria JL, Blasco F. Large erupting complex odontoma. Int J Oral Maxillofac Surg. 2000;29(5):373–4.

Patil S, Rahman F, Tipu SR, Kaswan S. Odontomas : Review of Literature and Report of a Case. 2012;3(1):1–4.

Kikuiri T, Mishima H, Imura H, Suzuki S, Matsuzawa Y, Nakamura T, et al. Patients with SATB2-associated syndrome exhibiting multiple odontomas. Am J Med Genet Part A. 2018;176(12):2614–22.

Abreu D, Freitas-fernandes LB, Novaes D, Neto OC, Corr A, Kelly T. Management of over retention of permanent incisor impacted by compound odontoma : Clinical , radiological , and microscopic evaluation. 2018;2–6.

Jain A, Karuna Y, Baliga M, Suprabha B, Natarajan S. Surgical management of complex odontoma associated with agenesis of a molar. Contemp Clin Dent. 2018;9(6):388–90.

Blinder D, Peleg M, Talcher S. Surgical considerations in cases of large mandibular odontomas located in the mandibular angle. Int J Oral Maxillofac Surg. 1993;22(3):163–5.

Dentária M, Jaeger F, López R, Oliveira F, Aguiar I, Leal M. Odontoma composto - relato de caso clínico. Rev Port Estomatol Med Dentária e Cir Maxilofac [Internet]. 2012;53(4):252–7. Available from: http://dx.doi.org/10.1016/j.rpemd.2012.06.002

Miron RJ, Chai J, Zheng S, Feng M, Sculean A, Zhang Y. A novel method for evaluating and quantifying cell types in platelet rich fibrin and an introduction to horizontal centrifugation. J Biomed Mater Res - Part A. 2019;107(10):2257–71.

Botero N, Leon R, Cantillo O. Cirugía Oral y Maxilofacial La importancia del estudio histopatológico. 2012;5(4):175–80.

Uchihashi T, Sugauchi A, Kurioka K, Harada K, Seki S. Journal of Oral and Maxillofacial Surgery , Medicine , and Pathology Compound odontoma as secondary manifestation following impaction of supernumerary tooth in a single region : A case report. J Oral Maxillofac Surgery, Med Pathol [Internet]. 2019;31(4):254–7. Available from: https://doi.org/10.1016/j.ajoms.2019.02.006

Salgado H, Mesquita P. Compound odontoma-Case report. Rev Port Estomatol Med Dent e Cir Maxilofac [Internet]. 2013;54(3):161–5. Available from: http://dx.doi.org/10.1016/j.rpemd.2012.11.001

Núñez Castañeda L, Zamorano Young G, Moreno Seguel M, Landaeta Mendoza M, Fernández Toro M de los Á, Donoso Hofer F. Odontoma complejo erupcionado: reporte de un caso. Rev Clínica Periodoncia, Implantol y Rehabil Oral. 2016;9(1):8–12.

Moraes TM de M dos S, Neto I. Odontomas : Revisão de literatura. Rev Pró-UniverSUS. 2017;8(2):16–9.

Takeshita W, Carvalho Visioli A, de Oliveira e Silva C, Marson F. Giant complex odontoma in maxillary sinus. Ann Maxillofac Surg. 2015;5(1):123.

Barba LT, Campos DM, Rascón MMN, Barrera VAR, Rascón AN. Descriptive aspects of odontoma: literature review. Rev Odontológica Mex. 2016;20(4):e265–9.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.29596

Refbacks

  • There are currently no refbacks.