Perfil do docente universitário em educação física: uma discussão sobre os saberes de sua formação / Profile of university teachers in physical education: a discussion about the knowlegde of their formation

Milena Karine de Sousa Lourenco, Heraldo Simões Ferreira, Elainny Patrícia Lima Barros, Mabelle Maia Mota, Kessiane Fernandes Nascimento, Talisson Mota de Oliveira, Caio Cesar da Silva Araújo

Abstract


O debate acerca dos saberes docentes no âmbito das licenciaturas mostra-se cada vez mais pertinente, uma vez que, nestes espaços, ainda encontramos professores formadores com práticas pedagógicas ancoradas em uma visão linear; unilateral; vertical e fragmentada do saber ensinar. Esta inferência fomentou o desejo em traçar o perfil profissiográfico do professor universitário em Educação Física no que tange a interface com as trajetórias profissionais, formativas e expressão dos saberes docentes. Optou-se por uma pesquisa de campo com abordagem qualitativa envolvendo 13 professores do curso de licenciatura em Educação Física de uma universidade pública do Ceará. Através de um questionário foram obtidos dados referentes a idade e sexo, percurso formativo, experiência profissional anterior à docência universitária A interpretação dos dados foi subsidiada pelo método estatística descritiva simples, permitindo ampla visão dos resultados e identificação de três categorias de análise: 1. Sexo e idade, 2. Formação, 3. Atuação docente. Os dados revelaram que o perfil do docente universitário é formado em sua maioria por homens, com idades entre 36 e 55 anos, com formação situada no campo das ciências biológicas e atuação profissional anterior à docência universitária em ambiente não-escolar. Infere-se que houve maior investimento no campo disciplinar relacionado à área do bacharelado em detrimento do campo pedagógico de constituição do ser docente. Portanto, conclui-se que a trajetória profissional vinculada ao campo escolar prevaleceu no ensino pré-universitário, assim como uma reflexão sobre esta construção.

 


Keywords


1. Formação de Professores. 2. Saberes Docentes. 3. Educação Física

References


ALMEIDA. M. I. Formação do professor do Ensino Superior: desafios e políticas educacionais. São Paulo: Cortez, 2012.

ANDRÉ, M. E. D. A. O que é o estudo de caso qualitativo em educação?. Revista da FAEEBA - Educação e Contemporaneidade, Salvador, v.22, n. 40, p. 95 -103, jul/dez. 2013.

GARCIA, C. M. Pesquisa sobre a formação de professores: o conhecimento sobre aprender a ensinar. Revista Brasileira de Educação, v. 2, p.51-75, Set/out/nov/dez, 1998.

GARCIA, C. M. Formação de Professores: para uma mudança educativa. Porto: Porto, 2013.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4.ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GAUTHIER, C.. Por uma teoria da Pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. Ijuí: Unijuí, 1998.

IMBERNON, F. Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e incerteza. 9. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA (INEP). Censo da Educação Superior: notas estatísticas 2017. Disponível em: Acesso em: 5 dez 2018.

LACERDA, P. B. O. Docência Universitária: o professor de educação física no curso de educação física. 2007. 123f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.

MARCONI, M. A ; LAKATOS, E. M. Fundamentos de Metodologia Científica. 5.ed. São Paulo: Atlas, 2003.

MASETTO, M. T. Competência pedagógica do professor universitário. 3ª Ed. São Paulo: Editora Summus, 2015.

MINAYO, M. C. S. Técnicas de pesquisa: entrevista como técnica privilegiada de comunicação. In: O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2010. p. 261- 297.

MONTEIRO, A. M. Professores de história: entre saberes e práticas. [S.l.]: Mauad X, 2007.

NÓBREGA-THERRIEN; THERRIEN, J. O estado da questão: aportes teóricos-metodológicos e relatos de sua produção em trabalhos científicos. In: FARIAS I. M. S. de; NUNES, J. B. C.; NÓBREGA-THERRIEN, S. M. (Orgs.). Pesquisa científica para iniciantes: caminhando no labirinto. Fundamentos da pesquisa. Fortaleza: EdUECE, 2011.

NÓVOA, A. Formação de Professores e a profissão docente. IN NÓVOA, A. (Org.) Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1992.

PIMENTA, S. G. Saberes Pedagógicos e Atividade Docente. 8. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

RANGEL-BETTI, I. C .; BETTI, M. Novas Perspectivas na Formação Profissional em Educação Física. Motriz, v. 2, n. 1, jun. 1996.

SOARES, S. R.; CUNHA, M. I. Formação do professor: a docência universitária em busca de legitimidade. Salvador: EDUFBA, 2010.

SOUZA NETO, S. A formação do profissional de Educação Física no Brasil: uma história sob a perspectiva da Legislação Federal do Século XX. In: Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Campinas, 2004.

TARDIF, M. Saberes Docentes e Formação Profissional. 6. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.

THERRIEN, J. Os saberes da racionalidade pedagógica na sociedade contemporânea. Revista Educativa, Goiânia, v.9, n 1, p. 67-81. 2006.

VIEIRA, H. P ; THERRIEN, J. Docência Universitária e práxis pedagógica no PIBID: um olhar a partir de Paulo Freire. In: FARIAS, I. M. S; JARDILINO, J. R. L; SILVESTRE, M. A. Aprender a ser professor: aportes de pesquisa sobre o PIBID. Jundiaí: Paco Editorial, 2015.

ZABALZA, M. A.. O ensino universitário: seu cenário e seus protagonistas. Porto Alegre: Artmed, 2004.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.29544

Refbacks

  • There are currently no refbacks.