Uso da borra de café em Compósitos Poliméricos: tração e flamabilidade / Use of coffee borer in Polymer Composites: traction and flammability

Victor Hugo Mafra Monfredo Ferreira, Eryck Eduardo Simplício dos Santos, Wassim Raja El Banna, Denilson da Silva Costa, Deibson Silva da Costa

Abstract


Foram confeccionados compósitos de resina polimérica utilizando resíduo orgânico de borra de café com proporções de resíduo variando entre 0 %, 10 % e 20 % em massa com granulometria de 65 mesh. Os constituintes foram homogeneizados com resina polimérica isoftálica juntamente com acelerador de cobalto (1,5 % v/v) e catalisador (1 % v/v), a fabricação seguiu o processo manual em molde de silicone. Realizaram-se ensaios mecânicos de tração conforme a norma ASTM D 638, além de ensaios de retardância a chama segundo a norma ASTM D 635. Para todos os compósitos, o resíduo atuou como carga na matriz, demonstrando uma diminuição na sua tensão de resistência mecânica a tração em relação a matriz plena. Enquanto para o ensaio de resistência a chama, os resíduos atuaram como retardantes de chama nos compósitos com fração mássica mais elevadas de resíduo (20 %).

 


Keywords


Materiais Compósitos, Borra de Café, Ensaio Mecânico, Resistência à Chamas.

References


ASTM D 635 “Rate of Burning and/or Extent and Time of Burning of Plastics in a Horizontal Position” Annual Book of ASTM Standards, American Society for Testing and Materials, 2010.

ASTM D 638-14, Standard Test Method for Tensile Properties of Plastics, ASTM International, West Conshohocken, PA, 2014

CALLISTER JR., W. D.: Ciência e Engenharia de Materiais: uma Introdução, 9ª edição, LTC, Rio de Janeiro, 2016.

CHINA, A.L; CARMO, D. M; COSTA, D.; BRAGA, F. C. F; OLIVEIRA, M. F. L; OLIVEIRA, M. G; "Uso da Borra de Café como Carga de Reforço em Matriz de Polímero Biodegradável", p. 4439-4442. In: São Paulo: Blucher, 2018.

Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). Resolução n°. 498 - "Requisitos aplicáveis aos materiais de revestimento interno do habitáculo de veículos automotores nacionais e importados." Diário Oficial da União, pagina 02 da Resolução 498/2014, 29 de setembro de 2014.

COSTA. D. S. Caracterização de materiais compósitos de matriz poliéster e fibras de bambu, sisal e vidro e híbridos bambu/sisal, bambu/vido e sisal/vidro. Dissertação de Mestrado, 2012.

COSTA, D. S. Estudo da influência de resíduos gerados pela indústria de mineração nas propriedades de compósitos de matriz poliéster reforçados com fibras naturais. Tese de Doutorado, 2016. Universidade Federal do Pará - UFPA.

Gabriel Oliveira; Lucas Rezende; Willian Rayol; Bruno Mendes et al. RESÍDUOS DE FERRO E ALUMÍNIO EM COMPÓSITOS POLIMÉRICOS. In: XXXIX CONGRESSO BRASILEIRO DE SISTEMAS PARTICULADOS ENEMP 2019, 2019, Belém. Anais eletrônicos... Campinas, Galoá, 2019.

MORAES, M. H. M; et al. AVALIAÇÃO MECÂNICA E RESISTÊNCIA À CHAMA DE RESÍDUOS DE CINZAS VOLANTES E MÁRMORE-GRANITO EM COMPÓSITOS POLIMÉRICOS, p. 591-601. In: 74º Congresso Anual da ABM, São Paulo, 2019.

NETO, M. C. M. Otimização e caracterização de um compósito de matriz polimérica com carga de palha de aço [tese de doutorado]. Natal: Universidade federal do Rio Grande do Norte; 2016.

OLIVEIRA, N. Caracterização de um compósito polimérico biodegradável utilizando Poli (ε-caprolactona) e borra de café. Polímeros, v. 27, n. SPE, p. 99-109, 2017.

SANTOS, E. E. S; FERREIRA. V. H; DANIEL, B. T. F; MENDES, B. H. A; COSTA, D. S. “Influência da Granulometria da Lama Vermelha nas Propriedades Mecânicas e de Flamabilidade dos Compósitos”, In: 74° Congresso internacional da ABM, 2019, São Paulo. 74° Congresso internacional da ABM, 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv.v7i5.29379

Refbacks

  • There are currently no refbacks.