Estudo sistemático da carga poluidora da água de processo do Restaurante Universitário da UFPA: I-Determinação do consumo per capita / Systematic study of the polluting load of process water at the Restaurant of UFPA: Determination of comsumption per capita

Erika Joana Nabiça Borges, Gerson Valdez Daniel, Salim Rodrigues da Silva, Yuri Bahia de Vasconcelos, Lia Martins Pereira, Neyson Martins Mendonça, Nélio Teixeira Machado, Hélio da Silva Almeida

Abstract


Neste trabalho, investigou-se de forma sistemática a vazão volumétrica da água de processo (consumo + lavagem) no Restaurante Universitário do Campus Básico da Universidade Federal do Pará (RU-UFPa), objetivando-se determinar o consumo médio per capita de água do RU-UFPa, informação fundamental na determinação da carga poluidora dos efluentes líquidos gerados no RU-UFPa. Inicialmente, determinou-se as coordenadas espaciais da área do entorno do RU-UFPa. As medidas de vazão da água de consumo/lavagem foram realizadas ao longo do horário de funcionamento do RU-UFPa, de 07:00 horas às 20:00 horas, com intervalos de tempo de 5.0 minutos, no período de novembro de 2013 (26, 28, e 29/11/2013) a março de 2014 (13 e 14/11/2014), utilizando-se um medidor ultrassônico de vazão. Os dados experimentais foram analisados estatisticamente, sendo descritos na forma de hidrogramas da vazão de água de consumo/lavagem, assim como Box-plot da vazão de água de consumo/lavagem. Os hidrogramas mostraram que mais de 90% das medições de vazão apresentaram valores entre 0,4 L/s e 1,0 L/s, ao mesmo tempo em que, o grupo de medições entre 0,6 L/s e 0,8 L/s mostrou a maior frequência na análise estatística, demostrando que a distribuição dos dados se concentrou próximo da média. A análise estatística dos dados comprovou a semelhança entre as medições do mês de novembro de 2013. As medidas da vazão de água de consumo/lavagem do dia 14 de março de 2014 mostrou-se semelhante a do dia 29 de novembro 2013, provavelmente devido o RU-UFPa haver servido o mesmo cardápio. O consumo per capita foi igual a 18,05 L/Refeição*dia. A análise estatística dos dados mostrou que a vazão da água de processo (consumo + lavagem) depende da sazonalidade (verão/inverno), aasim como do cardápio oferecido no RU-UFPa.


Keywords


RU-UFPa, Medidor de Vazão, Água de consumo/lavagem, Análise estatística, Consumo per capita.

References


Cristiane Ferreira Silva Domingues, Daiane Priscila Campregher Thomaz, Dayane Moreira Simões, Marcia Lopes Weber. Geração de resíduos sólidos orgânicos em um restaurante universitário de São Paulo/SP. Revista Meio Ambiente e Sustentabilidade Versão on-line ISSN2319-2856 Volume 10, número 5. Curitiba – PR. Jan/maio – 2016

Jaqueline Pirão Zotesso, Eneida Sala Cossich, Luciléia Granhen Tavares Colares, Célia Regina Granhen Tavares. Avaliação do desperdício de alimentos e sua relação com a geração de resíduos em um restaurante universitário. ENGEVISTA, V. 18, n. 2, 294-308, Dezembro 2016

Chaiane Martins Rodrigues, Patrícia Arruda Scheffer, Marta Regina Lopes Tocchetto, Juliana Silveira Colomé, Ana Lúcia de Freitas Saccol. GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM UM RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO. Disciplinarum Scientia. Série: Ciências da Saúde, Santa Maria, v. 20, n. 2, p. 561-579, 2019

Almeida, H. S. Produção de biocombustíveis via craqueamento térmico-catalítico de resíduos sólidos de caixas de gordura com carbonato de sódio e lama vermelha ativada termicamente. Tese (Doutorado em Engenharia de Recursos Naturais da Amazônia) – Universidade Federal do Pará. Belém/PA, 2015

Edilaine Regina Pereira, Rodrigo Sohji Nakano, Victor Oleiveira Silva Gonçalves, Felipe Jhorda ladeia Janz. Integração de sistema alagados construídos com uso de coagulantes orgânicosno tratamento de efluentes de restaurante universitário. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n. 5, 25843-25849, may 2020

Fernanda Martins Nonaka. Tratamento de Efluente de Restaurante Universitário Por Wetland Construído de Fluxo Vertical Com Leito Parcialmente Saturado. TCC, UTPR, Londrina, 2018

GUSTAVO DE SOTTIC. BIOGÁS DE DIGESTÃO ANAERÓBIA DOS RESÍDUOS ORGÂNICOS DE RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO COM EFLUENTE SANITÁRIO. Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação - Engenharia Ambiental, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campus Londrina, 2014, http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/bitstream/1/11973/2/LD_COEAM_2013_2_09.pdf

Moniele Pereira Borges, Luiz Henrique Rodrigues Souza, Sirlaine de Pinho, Lucinéia de Pinho. Impacto de uma campanha para redução de desperdício de alimentos em um restaurante universitário. Eng Sanit Ambient | v.24 n.4 | jul/ago 2019 | 843-848

User´s Manual Spire Metering Technology (2012).

VON SPERLING, M. Introdução à qualidade das águas e ao tratamento de esgotos. 3º. ed. Belo Horizonte: Universidade Federal de Minas Gerais, v. I -, 2005.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-195

Refbacks

  • There are currently no refbacks.