O uso da metodologia da aprendizagem baseada em equipes no desenvolvimento de competências em enfermagem / The use of team-based learning methodology in the development of nursing skills

Bárbara Souza Rocha, Brenda Lorrana de Almeida Gomes, Johnatan Martins Sousa, Maria Goretti Queiroz, Ida Helena Carvalho Francescantonio Menezes

Abstract


Objetivo: analisar a percepção de estudantes e de professores sobre o uso do TBL no desenvolvimento de competências no ensino em enfermagem. Método: pesquisa descritiva de abordagem qualitativa, desenvolvida com quatro professores e 12 acadêmicos de enfermagem de uma universidade pública da região central do Brasil. Realizou-se dois grupos focais em 2016,  e os dados foram submetidos à análise de conteúdo, modalidade temática. Resultados: emergiram as seguintes categorias: O uso do TBL; Por que usar TBL?; e Desafio no uso do TBL; que se subdividiram em oito subcategorias. Na percepção dos envolvidos, as etapas do TBL os motivaram a serem ativos na busca pelo conhecimento, desenvolveu competências e  proporcionou o trabalho em grupo. Considerações finais: o uso do TBL foi considerado uma metodologia capaz de oportunizar o rompimento com o modelo tradicional de ensino, favorecer o protagonismo mútuo dos envolvidos, desenvolver  competências e estimular o trabalho em equipe.


Keywords


Educação em enfermagem; Prática do docente de enfermagem; Educação baseada em competências; Aprendizagem; Estudantes de enfermagem.

References


Pinho ES, Nunes FC, Vale RRM, Sousa JM, Silva NS. Grupo operativo como estratégia do processo de ensino aprendizagem. GEPESVIDA [internet] 2019 [citado em 23 nov 2020];5(11): 14-29. Disponível em: http://www.icepsc.com.br/ojs/index.php/gepesvida/article/view/345/175

Palheta AMS, Cecagno D, Marques VA, Biana CB, Braga LR, Cecagno S. Formação do enfermeiro por meio de metodologias ativas de ensino e aprendizado: influências no exercício profissional. Interface (Botucatu, Online) [internet] 2020 [citado em 26 nov 2020];24: e190368 Disponível em: https://doi.org/10.1590/Interface.190368

Ayres RMSM, Cavalcanti MFR. Desenvolvimento de competências e metodologias ativas: a percepção dos estudantes de graduação em administração. Administração: Ensino e Pesquisa [internet] 2020 [citado em 26 nov 2020];21(1):52-91. Disponível em:https://search.proquest.com/openview/7f99abe931a18ace8825125a6d13dbba/1?pq-origsite=gscholar&cbl=2034243

Carvalho FV, Jardim ACS, Pereira M, Nogueira MJM. O Projeto ‘Currículos Inovadores Integrados por Projetos Interdisciplinares e Metodologias Ativas’ e a apresentação de um Instrumento/Escala de Autoavaliação de Competências Educacionais. Scientia Vitae [internet] 2020 [citado em 26 nov 2020];10(29):23-37. Disponível em: http://www.revistaifspsr.com/v10n292337.pdf

Dias IS. Competências em Educação: conceito e significado pedagógico. Rev Psicol Esc Educ [internet] 2010 [citado em 26 nov 2020];14(1): 73-78. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/pee/v14n1/v14n1a08

Vieira MA, Souto LES, Souza SM, Lima CA, Ohara CVS, Domenico EBL. Diretrizes Curriculares Nacionais para a área da enfermagem: o papel das competências na formação do enfermeiro. Revista Norte Mineira de Enfermagem (Renome) [internet] 2016 [citado em 26 nov 2020];5(1):105-121. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/renome/article/view/2558

Brasil. Resolução CNE/CES nº 3, de 7 de novembro de 2001. Institui Diretrizes curriculares nacionais do curso de graduação em enfermagem. Diário Oficial da União. De novembro de 2001. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CES03.pdf

Brasil. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional, de 20 de dezembro de 1996. Diário Oficial da União. De dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm

Krug RR, Vieira MSM, Maciel MVA, Erdmann TR, Vieira FCF, Koch MC, et al. O “Bê-Á-Bá” da Aprendizagem Baseada em Equipe. Rev. bras. educ. méd. [internet] 2016 [citado em 26 nov 2020];40(4): 602-620. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1981-52712015v40n4e00452015

Bollela VR, Senger MH, Tourinho F, Amaral EM. Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática. Medicina (Ribeirão Preto, Online) [internet] 2014 [citado em 26 nov 2020];47(3):293-300. Disponível em: https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v47i3p293-300

Reimschisel T, Herring AL, Huang J, Minor TJ. A systematic review of the published literature on team-based learning in health professions. Med Teach [internet] 2017 [citado em 26 nov 2020];39(12): 1227-1237. Disponível em: 10.1080/0142159X.2017.1340636

Teixeira AAR, Botelho CV, Roncari CF. Aprendizagem baseada em equipe em neurofisiologia: desempenho e percepção de estudantes de medicina. Rev Med (São Paulo) [internet] 2020 [citado em 26 nov 2020];99(3): 236-241. Disponível em: https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v99i3p236-241

Colares KTP, Oliveira W. Metodologias Ativas na formação profissional em saúde: uma revisão. Revista Sustinere [internet] 2018 [citado em 26 nov 2020];6(2): 1-21. Disponível em: https://doi.org/10.12957/sustinere.2018.36910

Dias MAM, Oliveira ANH, Souza JS, Rosa FT, Maia TSC, Belarmino LM. Domínio das metodologias ativas por docentes de curso de graduação em enfermagem. Research, Society and Developmen [internet] 2020 [citado em 26 nov 2020];9(8):e364985169. Disponível em: https://doi.org/10.33448/rsd-v9i8.5169

Polit DF, Beck CT, Viegas K, Lora PS, Leal SMC. Fundamentos de Pesquisa em Enfermagem. Trad. de Maria da Graça Figueiró da Silva Toledo. 9° ed. Porto Alegre, Artmed; 2019.

Tong A, Sainsbury P, Craig J. Consolidated criteria for reporting qualitative research (COREQ): a 32-item checklist for interviews and focus groups. Int. j. q. health care. [internet] 2007 [citado em 26 nov 2020];19(6): 349-357. Disponível em: https://doi.org/10.1093/intqhc/mzm042

Bardin L. Análise de Conteúdo. 70° ed. Lisboa: LDA; 2016.

Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Resolução n° 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Ministério da Saúde, Brasília, 2012. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/cns/2013/res0466_12_12_2012.html

Oliveira TE, Araújo IS, Veit EA. Aprendizagem Baseada em Equipes (Team - Based Leraning): um método ativo para o ensino de física. Caderno Brasileiro de Ensino de Física. [internet] 2016 [citado em 26 nov 2020];33(3):962-986. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/fisica/article/view/2175-7941.2016v33n3p962/33015

Hrynchak P, Batty H. The educational theory basis of team-based learning. Med. teach. [internet] 2012 [citado em 26 nov 2020];34(10): 796-801. Disponível em: https://doi.org/10.3109/0142159X.2012.687120

Macedo KDS, Acosta BS, Silva EB, Souza NS, Beck CLC, Silva KKD. Active learning methodologies: possible paths to innovation in health teaching. Esc. Anna Nery Rev. Enferm. [internet] 2018 [citado em 26 nov 2020];22(3):e20170435. Disponível: https://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0435

Oliveira BLCA, Lima SF, Rodrigues LS, Pereira Júnior GA. Team-Based Learning como Forma de Aprendizagem Colaborativa e Sala de Aula Invertida com Centralidade nos Estudantes no Processo Ensino-Aprendizagem. Rev. bras. educ. méd. [internet] 2018 [citado em 26 nov 2020];42(4): 86-95. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1981-52712015v42n4rb20180050

Guimarães RLS, Garanhani ML, Haddad MCL, Souza SNDH. Trabalho em equipe na formação do enfermeiro: perspectivas e desafios sob a ótica do pensamento complexo. Rev. ens. educ. cienc. human. [internet] 2018 [citado em 26 nov 2020];19(4):465-471. Disponível em: https://revista.pgsskroton.com/index.php/ensino/article/view/5165

Brito LS, Ribeiro LS, Ulisses LO, Ortiz MFA, Whitaker MCO. Experiência de discentes de enfermagem em metodologias ativas na atividade de ensino docente. Rev. baiana enferm. [internet] 2017 [citado em 26 nov 2020];31(3):e21715 Disponível em: https://cienciasmedicasbiologicas.ufba.br/index.php/enfermagem/article/view/21715/15029

Souza EFD, Silva AG, Silva AILF. Metodologias ativas na graduação em enfermagem: um enfoque na atenção ao idoso. Rev. bras. enferm. [internet] 2018 [citado em 26 nov 2020];71(suppl 2):976-980. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/reben/v71s2/pt_0034-7167-reben-71-s2-0920.pdf

Valci M, Marinho RAC. Intervenção pedagógica no processo ensino e aprendizagem. Brazilian Journal of Development, Curitiba, [internet] 2021 [citado em 26 mar 2021];7(1):8208-8218. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/23558/18927




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-192

Refbacks

  • There are currently no refbacks.