Relação entre a fase da adolescência com desenvolvimento e comportamento humano no contexto do ensino médio no Município de Capanema – PA/ Relationship between the stage of adolescence with development and human behavior in the context of high school in the Municipality of Capanema – PA

Luan Daniel Silva Ferreira, Raimundo Rafael de Sousa Soares, Alden Rodrigues Damasceno, Francisco Donnadone Reis Araújo, Luan Cleyton Ramos da Silva, Dayana de Carla dos Santos da Silva, Diocléa Almeida Seabra silva

Abstract


O ser humano passa por diversas fases de desenvolvimento intelectual, como também físico, e a adolescência é caracterizada como o clímax desse processo de desenvolvimento de um indivíduo. Certas teorias pressupõem que a evolução da mente acompanha o crescimento corporal assim como a aquisição de habilidade motores e intelectuais nos seres humanos, sendo visível a relação intrínseca entre desenvolvimento do corpo humano e a quantidade de informação adquirida por um indivíduo ao decorrer da passagem por essas fases. O presente estudo teve o objetivo de caracterizar a forma de aplicação e a relação com o desenvolvimento e comportamento humano no ensino médio, observando principalmente as práticas utilizadas na sala de aula, e se as mesmas estão correlacionadas com o perfil do desenvolvimento e comportamento humano. A pesquisa é de caráter quantitativo exploratório, realizada em uma escola estadual do município de Capanema – PA, foram acompanhadas duas turmas, sendo uma do 1º ano e outra do 3º ano do ensino médio. Os resultados demonstraram uma diferença de comportamento abrupta ao comparar as turmas, estando relacionados inerentemente a faixa etária, refletindo em aumento da maturidade escolar. Conforme se procede as séries tem maior aproveitamento em sala, tanto individual como coletivo. A Interrelação professor/aluno se demonstrou proporcional ao desenvolvimento dos alunos, aumentando a mesma com a elevação das séries.


Keywords


Evolução da mente, habilidade, informação.

References


ASPESI, C.; DESSEN, M. A.; CHAGAS, J. A ciência do desenvolvimento humano: uma perspectiva interdisciplinar. In: DESSEN, M. A.; COSTA-JUNIOR, A. L. A ciência do desenvolvimento humano: tendências atuais e perspectivas futuras. Porto Alegre: Artmed Editora S.A. no prelo.

BRONFENBRENNER, U. Ecological systems theory. Em R. VASTA, Six theories of child development. London: Jessica Kingsley. p. 187-249, 1992.

BUSSAB, V. S. R. Experiência precoce e desenvolvimento integrado: aspecto da ontogênese sob perspectiva etológica. Relatório CNPq. 1990.

CHIAVENATO, I. Recursos humanos: o capital humano das organizações. 9.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

COLE, S.; COLE, M. O desenvolvimento da criança e do adolescente. Porto Alegre: Artmed, 2003.

CONDON, W. S.; SANDER, L. W. Neonate moviment is synchronized with adult speech: interacional participation and language acquisition. Science. 183, 99-101. 1974.

DAMIANI, M. F.; ROCHEFORT R.S.; DE CASTRO, R.F.; DARIZ, M.R.; PINHEIRO, S.S. Sobre pesquisas do tipo intervenção. In: Cadernos de Educação. N.45. Pelotas (RS): Faculdade de Educação UFPel, p.57-67, 2014.

DESSEN, M. A.; COSTA-JUNIOR, A. L. A ciência do desenvolvimento humano: tendências atuais e perspectivas futuras. Porto Alegre: Artmed, 2005. DUK, Cynthia. Educar na diversidade: material de formação docente. Brasília: MEC/Secretaria da Educação Especial, 2005.

FUJISAWA, D. S. Utilização de jogos e brincadeiras como recurso no atendimento fisioterapêutico de crianças: implicações na formação do fisioterapeuta. 2000. 147f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de Pesquisa Social. 6ª Ed. São Paulo (SP): Atlas, 2008.

GOTLIEB, G. Developmental psychobiological theory. In: R. B. CAIRNS, G. H. ELDER & E. J.

CASTELO, M. F. A didática na reforma do ensino. Rio de Janeiro: Francisco Alves. 2ª ed., 1985.

GOTLIEB, G. Probabilistic epigenesis of development. In: VALSINER; J.; K. CONNOLLY, Handbook of developmental psychology. London: Sage Publications. p. 3-17, 2003.

LAWRENCE, J. A.; DODDS, A. E. Conceptual transposition, parallelism, and interdisciplinary communication. In: TUDGE, J.; SHANAHAN, M. J.; VALSINER, J. Comparisons in human development: Understanding time and context. New York: Cambridge University Press. p. 293-303, 1997.

MACÊDO, M. V. L. Neuropsicopedagogia: Aprendizagem no contexto escolar com crianças com microcefalia em Caxias/MA. Brazilian Journal of Development. Curitiba. v.5, n. 12, p. 28467-28478, 2019.

MAGNUSSON, D.; CAIRNS, R. B. Developmental science: Toward a unified framework. In: CAIRNS, R. B.; ELDER; G. H.; COSTELLO, E. J. Developmental science. New York: Cambridge University Press. p. 7-30, 1996.

MANZINI, E. J. Considerações sobre a elaboração de roteiro para entrevista semi-estruturada. In: MARQUEZINE, M. C.; ALMEIDA, M. A.; OMOTE; S. Colóquios sobre pesquisa em Educação Especial. Londrina:eduel. p.11-25, 2003.

MORAES, J. Q. O humanismo e o homo sapiens. Crítica Marxista, 21, 28-51, 2005.

SHANAHAN, M. J.; VALSINER, J.; GOTTLIEB, G. Developmental concepts across disciplines. In: TUDGE, J.; SHANAHAN. M. J.; VALSINER, J. Comparisons in human development: Understanding time and context. New York: Cambridge University Press. p. 34-69, 1997.

SPRINTHAL, W.; ANDREWS, C. Psicologia do adolescente: uma abordagem desenvolvimentista. 4. Ed. Lisboa: Fundação Calouste Gul benkian. 2008.

TASSONI, E. C. M. Afetividade e aprendizagem: a relação professor-aluno. Anais da XXIII Reunião Anual da ANPED. Caxambu, 2000.

TRIVIÑOS, A. N. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas, 1987.

VAN GEERT, P. Dynamic systems approaches and modeling of developmental processes. In: VALSINER, J.; CONNOLLY, K. Handbook of developmental psychology. London: Sage Publications. p. 640-672, 2003.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-142

Refbacks

  • There are currently no refbacks.