O jogo “Verdade ou Desafio?” Como Ferramenta Pedagógica no Ensino-Aprendizagem de Funções Inorgânicas / The Game "Truth or Dare?" As a Pedagogical Tool in the Teaching-Learning of Inorganic Functions

Tatiana Keslei Alvarenga de Araújo, Gustavo Pricinotto, Letícia Ledo Marciniuk, Estela dos Reis Crespan, Sara Silva Soares

Abstract


Atualmente o ensino de Química tem enfrentado diversas dificuldades, e este trabalho partilha de atitudes desenvolvidas no processo de formação inicial docente, com o propósito de desenvolver uma atividade lúdicas para o processo de ensino e aprendizagem de estudantes do Ensino Médio, na temática de funções inorgânicas. A partir do desenvolvimento de uma regência, pode-se notar que os estudantes compreenderam de forma divertida e interessante o conteúdo, tendo maior motivação para a aprendizagem dos temas. Ainda quanto a formação inicial, pode-se afirmar que a aprendizagem formativa também pode ser levada como ponto principal da atividade, pois contribuiu de forma congruente as potencialidades de ser professor.


Keywords


Jogo Lúdico, Ensino de Química, Funções Inorgânicas.

References


BRITO, L. P. S.; SOUZA, L. O.; MOURA, M. I. B.; OLIVEIRA NETO, J. O. O.; ARAUJO, M. L. F. O jogo lúdico como recurso didático-pedagógico nas aulas de ciências: refletindo sobre a utilização em escola publica estadual de Recife/PE. Congresso Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências. Disponível em: . Acessos em 31 out. 2018.

Chalmers, A. F.; O que é ciência afinal, Editora Brasiliense: São Paulo, 1999.

BRASIL. LDB. Lei Nº 9394, de 23 de dezembro de 1996. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, 1996.

BRASIL. PCNs. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília: MEC; Secretaria da Educação Média e Tec¬nológica, 2000.

CHASSOT, Á. I. A educação no ensino da química. Ijuí: Ed. Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, p. 30, 1990.

CUNHA, M. B. Jogos no Ensino de Química: Considerações Teóricas para sua Utilização em Sala de Aula. Revista Química Nova na Escola. Vol. 34, N° 2, p. 92-98, 2012.

LEÃO, D. M. M. Paradigmas contemporâneos de educação: escola tradicional e escola construtivista. Cadernos de Pesquisa, n. 107, p. 187-206, jul.1999.

Felício, C. M.; Soares, M. H. F. B. Da intencionalidade a responsabilidade lúdica: novos termos para reflexão sobre o uso de jogos no ensino de química. Revista Quím. nova esc. Vol. XX, N° YY, p. 1-9, 2018.

FERREIRA , E. A.; GODOI, T. R. A.; SILVA , L G. M.; SILVA, T. P 4 , ALBUQUERQUE, A. V. Aplicação de jogos lúdicos para o ensino de química : auxilio nas alas sobre tabela periódica. Disponível em: https://editorarealize.com.br/revistas/enect/trabalhos/Comunicacao_177.pdf acesso em 06/11/08 ás 14:00 horas.

FORTUNA, T, R. XAVIER, M. L. M. e DALLA ZEN, M. I. H. Sala de aula é lugar de brincar? Planejamento em destaque: análises menos convencionais. Porto Alegre: Mediação, 2000.

GARCEZ, E. D. C.; Soares, M. H. F. B. Um Estudo do Estado da Arte Sobre a Utilização do Lúdico em Ensino de Química. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências. p.183–214. 2017.

JESUS, T. R.; CUSTÓDIO, R. S.; COMARÚ, M. W. Passaqui: Contribuições de uma abordagem lúdica para formação inicial de professores de química. Revista Debates em Ensino de Química. v2, n2, set, 2016.

MATIAS, F. S.; NASCIMENTO, F. T.; SALES, L. M.; Pesq. Interdisciplinar, Cajazeiras, n. 2, suplementar, p. 452-464, set. de 2017.

ROQUE, N. F.; SILVA, J. L. P. B. A linguagem química e o ensino da química orgânica. Química Nova, v. 31, n. 4, p. 921-923, abril 2008.

SOARES, M. H. F. B.

Soares, M. H. F. B. Jogos e atividades lúdicas no ensino de química: teoria, métodos e aplicações. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENSINO DE QUÍMICA, 2008.

Soares, M. H. F. B. Jogos e Atividades Lúdicas no Ensino de Química: uma discussão teórica necessária para novos avanços. Revista Debates em Ensino de Química, 2(2), 5–13, 2016.

VASCONCELOS, C.; PRAIA, J. F.; ALMEIDA, L. S. Teorias de aprendizagem e o ensino/aprendizagem das ciências: da instrução à aprendizagem. Psicol. esc. educ., Campinas, v. 7, n. 1, p. 11-19, jun. 2003 .




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n4-056

Refbacks

  • There are currently no refbacks.