Enfermagem gerontológica na promoção da qualidade de vida de idosos: revisão narrativa de literatura / Gerontological nursing in promoting the quality of life of elderly: narrative literature review

Bárbara Belmonte Bedin, Claudete Moreschi, Patrícia Bitencourt Toscani Greco, Carla da Silveira Dornelles, Marta Inês Almeida de Jesus

Abstract


Objetivo: identificar a produção científica existente sobre as ações de enfermagem gerontológica na promoção de qualidade de vida da pessoa idosa. Método: Trata-se de um estudo de Revisão Narrativa de Literatura, desenvolvida de agosto a novembro de 2020 nas bases de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, Banco de Dados em Enfermagem e Medical Literature Analysis and Retrieval System Online. Utilizando como descritores de assunto: “ENFERMAGEM” and “QUALIDADE DE VIDA” and “IDOSO”. A amostra foi composta por dez artigos. Resultados e discussão: Emergiu a seguinte categoria temática “Intervenções da enfermagem gerontológica na promoção de qualidade de vida da pessoa idosa”. Esta categoria discorre por meio de três subcategorias, sendo elas: “Perfil sociodemografico de idosos”; “Implicações de doenças crônicas na qualidade de vida de idosos”; e “Estratégias de promoção de qualidade de vida de idosos”. Conclusão: Conhecer o perfil sociodemografico e as implicações das doenças crônicas em uma pessoa idosa representam subsídios que podem contribuir no delineamento de estratégias de promoção de qualidade de vida para essa população.  Assim, dentre as ações elencadas nas produções científicas, cita-se o rastreamento periódico de doenças crônicas entre os idosos, investigação da condição de saúde por meio do processo de enfermagem, promoção da atividade física, terapias complementares aliadas ao tratamento, assistência pautada na dimensão espiritual e religiosa dos idosos, consulta de enfermagem, visitas domiciliares, atividades grupais, desenvolvimento de ações junto aos idosos e familiares, elaboração de estratégias em saúde objetivando a autoestima da população idosa.


Keywords


Enfermagem. Qualidade de vida. Idoso.

References


BECKER, R.M.; HEIDEMANN, I.T.S.B. Promoção da saúde no cuidado às pessoas com doença crônica não transmissível: revisão integrativa. Texto & Contexto-Enfermagem, v. 29, p.1-18, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1980-265x-tce-2018-0250

DAWALIBI, N.W. et al. Envelhecimento e qualidade de vida: análise da produção científica da SciELO. Estudos de Psicologia (Campinas), v. 30, n. 3, p. 393-403, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-166X2013000300009

FERREIRA, M.L.L. et al. Qualidade de vida relacionada à saúde de idosos em tratamento quimioterápico. Revista Brasileira de Geriatria e gerontologia, v. 18, n. 1, p. 165-177, 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/1809-9823.2015.14008

JESUS, I.T. et al. Fragilidade e qualidade de vida de idosos em contexto de vulnerabilidade social. Texto & Contexto-Enfermagem, v. 27, n. 4, p. 1-9, 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/0104-07072018004300016

LENARDT, M.H. et al. Fragilidade e qualidade de vida de idosos usuários da atenção básica de saúde. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 69, n. 3, p. 478-483, 2016. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167.2016690309i

LIMA, A.F. et al. A percepção do idoso com diabetes acerca de sua doença e o cuidado de enfermagem. Ciências, Cuidado e Saúde, v. 15, n. 3, p. 522-529, 2016. DOI: https://doi.org/10.4025/cienccuidsaude.v15i3.30884

LOBO, A.J.S.; SANTOS, L.; GOMES, S. Nível de dependência e qualidade de vida da população idosa. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 67, n. 6, p. 913-919, 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167.2014670608

MEIRA, S.S. et al. Autoestima e fatores associados às condições sociais em idosos. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, v. 9, n. 3, p. 738-744, 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.9789/2175-5361.2017.v9i3.738-744

MENEZES, J.N.R. et al. A visão do idoso sobre o seu processo de envelhecimento. Revista Contexto & Saúde, v. 18, n. 35, p. 8-12, 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.21527/2176-7114.2018.35.8-12

MENIN, S.P. ORSO, Z.A. Benefícios no tratamento do câncer atrelado ao uso das Práticas Integrativas e Complementares. Revista Perspectiva: Ciência e Saúde, v. 5, n. 1, 2020. http://sys.facos.edu.br/ojs/index.php/perspectiva/article/view/411/385

MINAYO, M. C. S. O Desafio do Conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 14. ed. São Paulo: Hucitec, Abrasco, 2014.

OLIVEIRA, M.A.; RIBEIRO, H.F.; COSTA, N.P. Qualidade de vida de idosos amazônicos que participam de um grupo de convivência. Enferm. foco (Brasília), v. 10, n. 5, p. 26-31, 2019. http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/2529/581

PAIVA, M.M. et al. Impacto da hipertensão arterial na qualidade de vida de idosos residentes na zona rural. Rev. enferm. atenção saúde, v.5, n.1 p. 12-22, 2016. http://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/enfer/article/view/1397/pdf

PILGER, et al., Bem estar espiritual e qualidade de vida de idosos em tratamento hemodialítico. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 70, n.4, p. 721-729, 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2017-0006

RABELO, L.M. et al. Papel do enfermeiro na prevenção da hipertensão arterial sistêmica em idosos. Revista Brasileira de Pesquisa em Ciências da Saúde, v. 6, n. 12, p. 22-28, 2020. http://revistas.icesp.br/index.php/RBPeCS/article/view/722/756

SÁ, G.G.M. et al. Tecnologias desenvolvidas para a educação em saúde de idosos na comunidade: revisão integrativa da literatura. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 27, 2019. DOI: https://doi.org/10.1590/1518-8345.3171.3186

SANTOS, G.S.; CUNHA, I.C.K.O. Avaliação da qualidade de vida de mulheres idosas na comunidade. Revista de Enfermagem do Centro-Oeste Mineiro, v. 4, n. 2, p.1135-1145, 2014. http://www.seer.ufsj.edu.br/index.php/recom/article/view/593/749

SEREDYNSKYJ, F.L. et al. Percepção do autocuidado de idosos em tratamento paliativo. Revista Eletrônica de Enfermagem, v. 16, n. 2, p. 286-96, 2014. DOI: : http://dx.doi.org/10.5216/ree.v16i2.22795

SILVA, A.R. et al. Doenças crônicas não transmissíveis e fatores sociodemográficos associados a sintomas de depressão em idosos. Jornal Brasileiro de Psiquiatria, v. 66, n. 1, p. 45-51, 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/0047-2085000000149

SILVA, J.A.; HANSEL, C.G.; DA SILVA, J. Qualidade de vida na perspectiva de idosos com câncer: implicações para enfermagem na atenção básica. Rev enferm UERJ, v. 24, n. 3, p. e9321, 2016. DOI: https://doi.org/10.12957/reuerj.2016.9621

SILVA, S.P. et al. Qualidade de vida e nível de atividade física de idosos normotensos e hipertensos cadastrados na estratégia de saúde da família. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde, v. 21, n. 3, p. 220-227, 2016. DOI: https://doi.org/10.12820/rbafs.v.21n3p220-227

SOARES, A.S.F.; AMORIM, M.I.S.P.L. Qualidade de vida e espiritualidade em pessoas idosas institucionalizadas. Revista portuguesa de enfermagem de saúde mental, p. 45-51, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1981-22562018021.180011

TAVARES, D.M.S. et al. Características socioeconômicas e qualidade de vida de idosos urbanos e rurais com doenças cardíacas. Revista Gaúcha de Enfermagem, v. 36, n. 3, p. 21-27, 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/1983-1447.2015.03.45470

TAVARES, Darlene Mara dos Santos et al. Qualidade de vida e adesão ao tratamento farmacológico entre idosos hipertensos. Revista Brasileira de Enfermagem, v. 69, n. 1, p. 134-141, 2016. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167.2016690118i

TONETI, B.F. et al. Qualidade de vida relacionada à saúde de idosos com câncer em tratamento adjuvante. Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste, v. 15, n. 6, p. 1030-1038, 2014. http://www.periodicos.ufc.br/rene/article/view/3307#:~:text=Os%20resultados%20mostraram%20que%20a,e%20v%C3%B4mitos%2C%20dispneia%20e%20ins%C3%B4nia.

VIEIRA, C.P.B. et al. Prevalência referida, fatores de risco e controle da hipertensão arterial em idosos. Ciênc. cuid. saúde, v.15, n.3, p. 413-420, 2016. DOI: https://doi.org/10.4025/cienccuidsaude.v15i3.28792




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n3-746

Refbacks

  • There are currently no refbacks.