Avaliação de serviços e equipamentos públicos em munícipios limítrofes à bacia de campos / Evaluation of public services and equipment in municipalities bordering the campos basin

Vitor de Moraes Peixoto, Gisele Braga Bastos, Larissa Martins Marques, Géssica da Silva dos Santos

Abstract


Este artigo é resultado de pesquisa financiada pelo Projeto de Educação Ambiental (PEA) Pescarte que é uma medida de mitigação exigida pelo Licenciamento Ambiental Federal, conduzido pelo IBAMA. No presente artigo apresentamos pequenos destaques de uma análise exploratória de dados produzidos junto à comunidade tradicional de pesca artesanal, por meio do CENSO do Projeto de Educação Ambiental PEA-Pescarte, coletado entre os anos de 2015 e 2016, em sete cidades limítrofes à Bacia de Campos: São João da Barra, Macaé, Campos dos Goytacazes, Cabo Frio, Arraial do Cabo, São Francisco do Itabapoana e Quisamã. Responderam ao censo 10.082 indivíduos em 246 localidades. O foco da análise aqui apresentada tem o intuito de verificar: como os pescadores artesanais, sujeitos da ação de educação ambiental em sete cidades que compõe o PEA-PESCARTE, avaliam os serviços públicos ofertados em suas localidades? A hipótese é de que o nível de instrução influencia a tendência a criticar ou não, os serviços públicos.


Keywords


Censo, Pesca artesanal, Avaliação Serviços Públicos.

References


BONIFÁCIO, R.; SCHLEGEL, R. Panorama e determinantes da satisfação com os serviços públicos no Brasil. Revista do Serviço Público, v. 63, n. 4, p. 413–434, 2012.

COSTA, F. L.; CASTANHAR, J. C. Avaliação de programas públicos: desafios conceituais e metodológicos. Revista de Administração Pública, v. 37, n. 5, p. 969-992, 2003

FIGUEIREDO, M. F.; FIGUEIREDO, A. M. C. Avaliação política e avaliação de políticas: um quadro de referência teórica. Análise e Conjuntura, v. 1, n. 3, p. 107–127, 1986.

KETTL, Donald F. A revolução global: reforma da administração do setor público. In: BRESSER-PEREIRA, Luiz Carlos; SPINK, Peter. Reforma do Estado e administração pública gerencial. Rio de Janeiro: FGV, 1998.

MINISTÉRIO DA FAZENDA. Boletins de avaliação de políticas públicas. p. 254, 2018.

PAULA, A.P.P. Administração pública brasileira entre o gerencialismo e a gestão social. Rio de Janeiro : FGV, 2004.

______. Por uma nova gestão pública. Rio de Janeiro : FGV 2005(a).

______. Administração pública brasileira entre o gerencialismo e a gestão social. Revista de Administração Empresas, Rio de Janeiro, v. 45. n. 1, Jan./Mar. 2005(b).

SARRA, Sheila Regina; MÜLFARTH, Roberta Consentino Kronka. Importância da percepção dos usuários na avaliação de conforto térmico e qualidade do ar. Brazilian Journal of Development, v. 7, n. 2, p. 12529-12548, 2021.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n3-239

Refbacks

  • There are currently no refbacks.