Aprendizagens sobre a docência com bebês: experiências de formação docente a partir de um curso de especialização em docência na educação infantil / Learning about teaching with babies: experiences of teaching training from a specialization course in teaching in children's education

Celi da Costa Silva Bahia

Abstract


O artigo objetiva analisar a experiência formativa no Curso de Especialização em Docência na Educação Infantil, ocorrido na Universidade Federal do Pará, e a relação dessa formação com a docência na creche. Autores como Nóvoa (2008), Filho & Filho (2011), Lüdke & Boing (2012), e Tristão (2005, 2004) fundamentam as reflexões presentes. A pesquisa tem uma abordagem qualitativa e como metodologia realizou-se a roda de conversa com professoras egressas do curso. A organização e análise das informações baseiam-se em técnicas da Análise de conteúdo (BARDIN, 2002). Os resultados apontam que os fundamentos teóricos-metodológicos que permearam a formação nesse curso possibilitaram às professoras o exercício da reflexão de suas práticas pedagógicas e a (re) construção dos saberes sobre o trabalho docente na creche, bem como permitiu qualificar o fazer do docente universitário que atua na formação inicial de professores. Os dados revelam quão necessário é o diálogo entre  universidade e instituição de educação infantil para a construção de saberes necessários à docência com bebês.

 


Keywords


Bebê, Creche, Educação Infantil, Formação de Professor.

References


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 3. ed. Lisboa: Edições 70, 2002. 280 p.

BORGES, Maria do Socorro de Resende. O profissional da educação infantil: sua formação específica, perspectiva, avanços e conquistas. Brazilian Journal of Development. Curitiba. V.5, n.07, p. 9510-9523 jul. 2019.

FILHO, Altino José Martins; FILHO, Lourival José Martins. Da formação de professores à atuação docente na Educação Infantil: reflexões à luz da teoria histórico-social. Revista Percurso. Florianópolis, v. 12, n. 01, p. 118 - 138, jan. / jun. 2011. Disponível em: . Acesso em: 29 mar. 2016.

LÜDKE, Menga; BOING, Luiz Alberto. Do trabalho à formação de professores. Revista Cadernos de Pesquisa, v.42, n. 146, p. 428-451, maio/ago. 2012.

NÓVOA, Antônio. Nada substitui o bom professor. Palestra proferida em São Paulo, a convite do Sinpro-SP, em 2008. Disponível em: . Acesso em: 16 mai 2016.

MÉLLO, R. P. et al. Construcionismo, práticas discursivas e possibilidades de pesquisa. Psicologia e Sociedade, v.19, n.3, p. 26-32, 2007.

GATTI, B.A e BARRETO, E.S. de Sá. Professores do Brasil: impasses e desafios. UNESCO. Brasília, Set/2009.

OLIVEIRA-FORMOSINHO, J; FORMOSINHO, J. A formação em contexto: a perspectiva da Associação Criança. In: OLIVEIRA-FORMOSINHO, J; KISHIMOTO T. (Orgs.). Formação em contexto: uma estratégia de integração. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002. p. 1-40.

SECANECHIA, L.P.Q. Uma interpretação à luz da ideologia discursiva sobre bebês e a creche captada em cursos de Pedagogia da cidade de São Paulo. Dissertação de Mestrado, Faculdade de Psicologia. PUC, São Paulo, 2011.

TRISTÃO, Fernanda Carolina Dias. A sutil complexidade das práticas pedagógicas com bebês. In: FILHO, Altino José Martins (Org.). Infância plural: crianças do nosso tempo. Porto Alegre: Mediação, 2005.

TRISTÃO, Fernanda Carolina Dias. Ser Professora de Bebês: um estudo de caso em uma creche conveniada. Florianópolis, 2004. Dissertação (Mestrado em educação) – Centro de Ciências da Educação, Universidade Federal de Santa Catarina.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ. Instituto de Ciências da Educação (ICED). Projeto Básico do Curso de Especialização em Docência na Educação Infantil, 2011.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n3-062

Refbacks

  • There are currently no refbacks.