Semanas de autocuidado: Grupo de idosos desenvolvido na Unidade Básica de Saúde CAIC em Betim-MG/ Self-care weeks: A strategy for elderly people in CAIC primary health center in Betim-MG

Aline Domingues Barreto, Carolina Pantuzzo Leão Alves, Isabela de Souza Freitas Martins, Luisa Carolina Sena Cota, Mariana Mortimer Magalhães, Sophie Barreto Van Gysegem, Laura Toledo de Vasconcelos

Abstract


As Semanas de Autocuidado consistem em um projeto desenvolvido no segundo semestre de 2019 na Unidade Básica de Saúde (UBS) CAIC, localizada em Betim (MG), durante a disciplina de Práticas da Comunidade IV, a qual é promovida no 4º período do curso de Medicina da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. A disciplina em questão objetiva o reconhecimento dos principais problemas de saúde da população idosa de modo que os alunos possam instituir propostas de intervenção voltadas a essas questões. Frente ao baixo estímulo da UBS com a promoção de atividades voltadas a essa população, o grupo de estudantes propôs, sob supervisionamento de uma professora orientadora, o desenvolvimento de rodas de conversa. Estas teriam como objetivo a discussão da saúde integral e a abordagem de temáticas de grande relevância à manutenção da qualidade de vida do grupo etário em destaque. A metodologia consistiu na definição de datas e de temas a serem discutidos a cada encontro, tendo como base a Avaliação Geriátrica Ampla (AGA). Como estratégia para adesão da população ao projeto, foram afixados cartazes informativos bem como foi feita a sua divulgação durante as visitas domiciliares pelos Agentes Comunitários de Saúde da UBS. Tendo em vista o envelhecimento populacional e a maior demanda da Atenção Básica (AB) por parte dos idosos, as rodas seriam espaços oportunistas para colocação de dúvidas e conhecimentos fundamentais à saúde do grupo em questão. Foram realizados quatro encontros, os quais abordaram conversas sobre alimentação e atividade física para idosos, como se evitar quedas e acidentes, cuidados com o corpo (autocuidado e sexualidade) e a importância da organização de medicamentos e atualização do cartão vacinal. Cada roda de conversa contou com momentos distintos, que incluíram a apresentação de informações importantes à população, manifestação de dúvidas e realização de dinâmicas práticas, a fim de ser alcançado a melhor discussão e o melhor aprendizado. Participaram dos encontros um total de dezesseis idosos. Apesar da baixa adesão quantitativa, o projeto teve resultado bastante positivo, em que foi alcançado envolvimento e interesse significativo com relação às temáticas por parte dos participantes, o que proporcionou inclusive maior empoderamento por parte dos idosos dentro da AB e grandiosa troca de experiências entre as estudantes e a comunidade.


Keywords


Assistência a Idosos, Saúde de Grupos Específicos, Serviços de Saúde para Idosos, Atenção Primária à Saúde.

References


ALVES, R. P.; ALVES-SOUZA, R. A.; SOUSA, J. V. O processo de transição epidemiológica no Brasil: uma revisão de literatura. Revista Científica da Faculdade de Educação e Meio Ambiente, São Paulo, v.6, n.1, p. 99-108, 1 jul. 2015. Disponível em: http://www.faema.edu.br/revistas/index.php/Revista-FAEMA/article/view/322 Acesso em: 19 fev. 2020.

BRAGA, A. V. P. et al. Perfil nutricional e incidências patológicas dos idosos atendidos na clínica Escola de Nutrição de Juazeiro do Norte - CE. Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento, São Paulo, v.13, n.79, p.440-445, maio/jun. 2019. Disponível em: http://www.rbone.com.br/index.php/rbone/article/view/985 Acesso em: 21 fev. 2020.

FREITAS, E. V.; COSTA, E. F. A.; GALERA, S. C. Avaliação Geriátrica Ampla. In: FREITAS, E. V.; PY, L. Tratado de geriatria e gerontologia. 4. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2018. cap.15, p.152-167.

GORZONI, M. L; PASSARELLI, M. C. G. Farmacologia e terapêutica. In: FREITAS, E. V.; PY, L. Tratado de geriatria e gerontologia. 4. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2018. cap.92, p.1015-1023.

INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER. Detecção precoce do câncer de mama. Rio de Janeiro. 2018. Disponível em: https://www.inca.gov.br/en/node/1208 Acesso em: 11 fev. 2020.

INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER. Conceito e magnitude do câncer de mama. Rio de Janeiro. 2020. Disponível em: https://www.inca.gov.br/controle-do-cancer-de-mama/conceito-e-magnitude#ref1 Acesso em: 11 fev. 2020.

LOPES, P. C. et al. Estilo de vida e intervenções não farmacológicas no tratamento e na prevenção das síndromes geriátricas: uma revisão integrativa. Revista Kairós Gerontologia, São Paulo, v.20, n.2, p.375-398, 2017. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-885210 Acesso em: 21 fev. 2020.

MARINHO, F.; PASSOS, V. M. A.; FRANÇA, E. B. Novo século, novos desafios: mudança no perfil da carga de doença no Brasil de 1990 a 2010. Revista Epidemiologia e Serviços de Saúde, Brasília, v.25, n.4, p.713-724, out./dez. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S223796222016000400713&script=sci_abstract&tlng=pt Acesso em: 11 fev. 2020.

MIZUTA, A. H. et al. Percepções acerca da importância das vacinas e da recusa vacinal numa escola de Medicina. Revista Paulista de Pediatria, São Paulo, v.37, n.1, p.34-40, jan./mar. 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-05822018005009103&script=sci_abstract&tlng=pt Acesso em: 21 fev. 2020.

ROZENDO, A. S.; ALVES, J. M. Sexualidade na terceira idade: tabus e realidade. Revista Kairós Gerontologia, São Paulo, v.18, n.3, p. 95-107, 2015. Disponível em: http://revistas.pucsp.br/index.php/kairos/article/viewFile/26210/18869 Acesso em: 11 fev. 2020.

UCHÔA, Y. S. et al. Sexuality through the eyes of the elderly. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, [s.l.], v.19, n.6, p.939-949, dez. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232016000600939 Acesso em: 11 fev. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n2-415

Refbacks

  • There are currently no refbacks.