Dilemas éticos vivenciados pela equipe de enfermagem no cuidado perioperatório frente às iatrogenias/ Ethical dilemms experienced by the team nursing in perioperative care in front of iatrogenias

Quécia Lopes da Paixão, Malú Mahet C. M. Batista, Marluce A. Nunes Oliveira

Abstract


INTRODUÇÃO: As iatrogenias são erros cometidos pelo profissional de saúde que interferem no bem-estar do paciente A equipe de enfermagem do centro cirúrgico está propensa a vivenciar dilemas éticos frente às iatrogenias, e os dilemas éticos são situações em que existem mais de uma possibilidade de escolha, mas todas ferem princípios éticos. OBJETIVOS: Este estudo tem como objetivo geral conhecer os dilemas éticos vivenciados pela equipe de enfermagem no cuidado perioperatório frente às iatrogenias e como objetivos específicos identificar o agir da equipe de enfermagem na vivência de dilemas éticos frente às iatrogenias, descrever possibilidades e limites da equipe de enfermagem vivenciar no cuidado perioperatório dilemas éticos frente às iatrogenias e estabelecer estratégias de ações para prevenção de dilemas éticos frente iatrogenias no centro cirúrgico. METODOLOGIA: Pesquisa qualitativa. As informações foram coletadas em novembro e dezembro de 2017, por meio de entrevista semiestruturada, no centro cirúrgico de um hospital geral público, do município de Feira de Santana-BA. Foi utilizada análise de conteúdo de Bardin, como modo de revelar a síntese da estrutura das categorias empíricas. O projeto foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Estadual de Feira de Santana, CAAE: 2865214.9.0000.0053 e ocorreu em conformidade com as orientações éticas previstas na Resolução 466/12, do Conselho Nacional de Saúde. RESULTADOS E DISCUSSÃO: A partir da análise dos dados, foi possível identificar quatro categorias: Compreensão da equipe de enfermagem sobre iatrogenia; Causa e prevenção de dilemas éticos frente às iatrogenias; Fazer/agir da equipe de enfermagem frente aos dilemas éticos vivenciados no cuidado perioperatório e possibilidades/limites para equipe de enfermagem vivenciar dilemas éticos frente às iatrogenias no cuidado perioperatório. CONCLUSÃO: O estudo apontou que a equipe de enfermagem compreende iatrogenia como um erro que pode ser cometido pelos membros da equipe de saúde e durante a assistência, e, que para prevenir, faz-se necessário o incentivo do diálogo, a educação continuada para a equipe cirúrgica, promovendo aperfeiçoamento do conhecimento científico e de aspectos éticos legais da profissão e desenvolvimento da autonomia. No que concerne ao fazer e agir da equipe de enfermagem frente às iatrogenias percebe-se que os enfermeiros ainda encontram dificuldades para atuar frente às iatrogenias ocasionadas pelos médicos, por serem conhecidas de forma informal, dificultando assim a ação imediata. Como possibilidades para vivenciar os dilemas éticos frente às iatrogenias estão os conflitos nas relações com a equipe médica, a falta de preparo dos profissionais e a inexistência de plano de cuidado para a equipe de enfermagem.


Keywords


Ética, Equipe de Enfermagem, Cuidado perioperatório, Iatrogenia.

References


ADAMI, J. L. G; BRASILEIRO, M. E. A Importância da Humanização na Assistência deEnfermagem no Centro Cirúrgico: Uma Revisão de Literatura . Revista Científica

Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento . Edição 07. Ano 02, Vol. 01. P. 28-43,

Disponível em:https://www.nucleodoconhecimento.com.br/saude/enfermagem-no-centro-cirurgico. Acesso

em: 15 jan. 2018.

ALVES, A. K. C. et al. Desafios vivenciados por enfermeiros no ambiente hospitalar. REAS,Revista Eletrônica Acervo Saúde , v. 7, 2017. Disponível em: https://www.acervosaude.com.br/doc/REAS6.pdf. Acesso em: 15 jan. 2018.

ASSIS, D. S. et al. Conflitos éticos vivenciado pelo enfermeiro no centro cirúrgico frente atomada de decisão. Convibra - Gestão, Educação e Promoção da Saúde, 6 ed. 2017.

Disponível em: http://www.convibra.com.br/upload/paper/2017/156/2017_156_14189.pdf.

Acesso em: 10 de fev. 2019.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BRASIL. Ministério da Saúde. Resolução CNS 466/12. Conselho Nacional de Saúde. Comissão Nacional de Ética e Pesquisa com Seres Humanos. 2012. Disponível em:

http://conselho.saude.gov.br/resolucoes/2012/Reso466.pdf. Acesso em: 17 mar. 2017.

CAREGNATO, R. C. A; MARTINI, R. M. F; MUTTI, R. M. V. Questão ético-moral na

formação dos enfermeiros e Médicos: efeitos de sentidos nos discursos docentes. Texto

Contexto Enferm, v. 18, n.4, p.713-21. Florianópolis, 2009. Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/tce/v18n4/13.pdf. Acesso em: 15 mar. 2017.

COREGNATO, R.C.A; LAUTERT, L. O estresse da equipe multiprofissional na Sala de

Cirurgia. Rev. bras. enferm. Brasília, v. 58, n. 5, p. 545-550, out. 2005. Disponível em

. acesso em 29 de julho de 2018.

DUARTE, L. E. M. N; LAUTERT. Conflitos e dilemas de enfermeiros que trabalham em

centros cirúrgicos de hospitais macro-regionais. Rev Gaúcha Enferm, v. 27, n. 2, p.

-18. Porto Alegre (RS), 2006. Disponível em: http://hdl.handle.net/10183/28176. Acesso em: 14 mar. 2017.

FARIAS, G. M et al. Iatrogenias na assistência de enfermagem: características da produçãocientífica no período de 200-2009. Revista Científica Internacional Indexada . V. 13, n. 11,2010. Disponível em: www.interscienceplace.org/isp/index.php/isp. Acesso em: 15 jan. 2018.

FIGUEIREDO, N. M. A. Método e metodologia na pesquisa científica. 3 Ed. São Caetano do Sul: Yendis editora, 2008

FREITAS, G. F.; OGUISSO, T. Ocorrências éticas com profissionais de enfermagem: um estudo qualitativo.

Rev Esc Enferm USP. v.42, n.1, p. 34-40, 2008. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342008000100005. Acesso em: 14 mar. 2017.

KOERICH, M. S; MACHADO, R. R.; COSTA, E. Ética e bioética: para dar início à reflexão.Texto contexto - enferm. Florianópolis, v. 14, n. 1, p. 106-110, 2005. Disponível emhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072005000100014&lng=en

&nrm=iso. acesso em 07 ago. 2018.

MAIA, L. F. S.; BASTIAN, J. C. Iatrogenias: ações do enfermeiro na prevenção de

ocorrências iatrogênicas em unidade de terapia intensiva. Revista Recien. v. 3, n. 7, p.

-35, 2013. Disponível em:http://recien.com.br/index.php/Recien/article/view/49/95. Acesso em: 13 mar. 2018.

MARTINS, F. Z.; DALL’AGNOL, C. M. Centro cirúrgico: desafios e estratégias do enfermeiro nas atividades gerenciais. Rev. Gaúcha Enferm. , Porto Alegre , v. 37, n. 4, 2016 . Disponível em:http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-14472016000400415&lng=en&nrm=iso. Acessado em: 29 jul. 2018.

MARTINS, C. C. F et al. Relacionamento Interpessoal da equipe de Enfermagem X Estresse:limitações para a prática. Cogitare Enferm. V. 19, n. 2, p. 309-15, 2014. Disponível em: revistas.ufpr.br/cogitare/article/download/36985/22756. Acesso em: 15 jan. 2018.

MATTA, L. C. S.; et al. Tomada de decisão em (bio)ética clínica: abordagens contemporâneas. Rev. bioét. (Impr.). v. 24, n. 2, p. 304-14, 2016.http://revistabioetica.cfm.org.br/index.php/revista_bioetica/article/view/1146/1514. Acesso

em: 06 ago. 2018.

MATOS, L et al, A ação iatrogênica da equipe de enfermagem para a saúde do idoso. RevistaContexto & Saúde. Ijuí. V. 10, n.20, p. 541-544, 2011. Disponível em:

https://doi.org/10.21527/2176-7114.2011.20.541-544. Acesso em: 15 jan. 2018.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento : pesquisa qualitativa em saúde. 10. ed. São Paulo: Hucitec. p. 408, 2007.

OLIVEIRA,T. A. V. A et al. Vivências de dilemas éticos pela equipe cirúrgica frente às

iatrogenias. Rev enferm UFPE on line . Recife, V. 11, n. 7, p. 2795-802, 2017. Disponível em:10.5205/reuol.10939-97553-1-RV.1107201720. Acesso em: 15 jan. 2018.

OLIVEIRA, M. A. N; SANTA ROSA, D. O. S. Conflitos e dilemas éticos: vivências de

Enfermeiras no centro cirúrgico. Revista Baiana de Enfermagem , Salvador, v. 30, n. 1, p.344-355, 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.18471/rbe.v1i1.14237. Acesso em:

mar. 2017.

OLIVEIRA, T. A. V. A.; OLIVEIRA, M.A.N. Dilemas éticos vivenciados pela equipe

cirúrgica frente a iatrogenias no centro cirúrgico . Relatório de Pesquisa do Programa

de estágio voluntário de iniciação científica (PEVIC ) da Universidade Estadual de Feira

de Santana (UEFS), 2016.

PERRANDO, M. S. et al. O preparo pré-operatório na ótica do paciente cirúrgico. R. Enferm. UFSM , v. 1 , n.1 , p. 61-70, Rio Grade do Sul, 2011. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/217976922004. Acesso em: 14 mar. 2017.

RATES, C. M. P.; PESSALACIA, J. D. R.; MATA, L. R. F. Enfermagem brasileira frente àsquestões bioéticas: revisão integrativa. Enferm. Cent. O. Min . v. 4, n. 1, p. 1036-1047, 2014.Disponível em: http://seer.ufsj.edu.br/index.php/recom/article/view/567/578. Acesso em 06de ago. 2018.

ROCHA, D. R; IVO, O. P. Assistência de enfermagem no pré-operatório e sua influência nopós-operatório. Revista Enfermagem Contemporânea . V. 4, n. 2, p. 170-178, 2015.

Disponível em: http://dx.doi.org/10.17267/2317-3378rec.v4i2.631. Acesso em: 15 jan. 2018.

SILVA, A. L. N. V. et al. Infrações e ocorrências éticas cometidas pelos profissionais de

enfermagem: revisão integrativa . Rev enferm UFPE on line . v. 9, n. 1, p. 201-11, Recife, 2015. Disponível em: 10.5205/reuol.6817-60679-1-ED.0901201528. Acesso em 15 mar. 2017.

SIQUEIRA-BATISTA, R., et al. Modelos de tomada de decisão em bioética clínica:

apontamentos para a abordagem computacional. Rev. bioét. (Impr.) . v. 24, n. 2, p. 304-14,2016. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/bioet/v22n3/v22n3a09.pdf. Acesso em: 06

ago. 2018.

TRAJANO, M. F. C et al. Interpersonal relationships in the surgical unit from the perspective of nursing workers: an exploratory study. Online braz j nurs [internet] . v. 16, n. 1, p. 159-169, 2017. Disponível em: http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/article/view/5530.

Acesso em: 15 jan. 2018.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n2-372

Refbacks

  • There are currently no refbacks.