Educação Profissional e Tecnológica como alternativa de acesso ao mercado de trabalho / Professional and Technological Education as an alternative to access the labor Market

Fátima Aparecida Rego, Iris Renata de Carvalho Rosas, Rosália Maria Netto Prados

Abstract


O sistema educacional é marcado pelo ambiente em que se insere, podendo influenciá-lo ou dele sofrer influência. No contexto de desemprego vivenciado no Brasil, nos últimos anos, a Educação Profissional e Tecnológica (EPT) surge como possível facilitadora da inserção, manutenção ou recolocação no mercado de trabalho. Deste modo, a presente pesquisa pretende analisar as expectativas de ocupação dos estudantes dos cursos de Educação Profissional e Tecnológica (EPT) frente ao mercado de trabalho e confirmar a importância dessa modalidade educacional no atual cenário brasileiro e frente exigências tecnológicas. Por meio de realizada pesquisa exploratória, foram analisados dados levantados junto a alunos de uma instituição que oferece o ensino profissional de nível técnico, modalidade da EPT, bem como dados oficiais sobre a EPT no Brasil.


Keywords


Educação Profissional e Tecnológica; Empregabilidade Mercado de trabalho.

References


CORDÃO, Francisco Aparecido; MORAES, Francisco. Educação profissional no Brasil: síntese histórica e perspectivas. São Paulo: Ed. Senac São Paulo, 2020. 236 p.

DELORS, Jacques. Educação: um tesouro a descobrir. Relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre Educação para o século XXI. Ed.8. São Paulo: Cortez; Brasília, DF: MEC: UNESCO, 1999. 381 p.

HECKMAN, James J.; LALONDE, Robert J.; SMITH, Jeffrey A. The Economics and Econometrics of Active Labor Market Programs. 1999. Disponível em https://www.researchgate.net/profile/Jeffrey_Smith13/publication/222476313_The_Economics_and_Econometrics_of_Active_Labor_Market_Programs/links/0fcfd50871ecf9c070000000/The-Economics-and-Econometrics-of-Active-Labor-Market-Programs.pdf Acesso em 02-07-2019

IBGE. Educação e Qualificação Profissional de 2014. Disponível em https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv100061.pdf. Acesso em 01-05-2019.

IBGE. PNAD Contínua: taxa de desocupação é de 14,4% e taxa de subutilização é de 30,6% no trimestre encerrado em agosto de 2020. In: Agência de Notícias, 2020. Disponível em < https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/29322-pnad-continua-taxa-de-desocupacao-e-de-14-4-e-taxa-de-subutilizacao-e-de-30-6-no-trimestre-encerrado-em-agosto-de-2020#:~:text=A%20popula%C3%A7%C3%A3o%20subutilizada%20(33%2C3,o%20mesmo%20trimestre%20de%202019.> Acesso em 22/01/2020.

KUENZER, Acácia Zeneida. Educação e trabalho no Brasil: o estudo da questão. Brasília: INEP, 1991. Disponível em < http://www.livrosgratis.com.br/ler-livro-online-27043/educacao-e-trabalho-no-brasil--o-estado-da-questao> Acesso em 05/07/2019.

MANFREDI, Silvia. Maria. Educação profissional no Brasil. São Paulo: Cortez, 2002. 322 p.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Cursos da Educação Profissional Técnica de Nível Médio. 2020. Disponível em . Acesso em 22/01/2021.

PETEROSSI, Helena Gemignani; MENINO, Sergio Eugênio. A formação do formador. São Paulo: Centro Paula Souza, 2017. Coleção Fundamentos e Práticas em Educação Profissional e Tecnológica. V. 10.

SACRISTÁN, J.Gimeno. Educar e conviver na cultura global. Porto: Edições Asa. 2003. 270 p.

SANTOS, Jurandir. Educação Desafios da Atualidade. São Paulo: Compacta Gráfica e Editora. 2012. 381 p.

TANO, Cleide Francisco de Souza; SANTOS, Adriana Cristina Omena dos; FRANÇA, Robson Luiz de; LUCENA, Carlos Alberto. Políticas de formação e inserção profissional no contexto democrático brasileiro dos anos 2000. Brazilian Journal of Development, vol. 7, nº 01, p. 211-225, jan. 2021.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n2-198

Refbacks

  • There are currently no refbacks.