Avaliação da habilidade manual de crianças com paralisia cerebral/Evaluation of manual ability of children with cerebral palsy

Julyana Almeida Maia, Beatriz Pereira Araujo, Fabiana Maria Holanda Chaves, Bruna Maria Rocha Matos, Beatriz Pereira Lima, Barbara Helen Lima Farias, Pedro Erbet Belém Morais Filho, Paulo Giordano Baima Colares

Abstract


Objetivo: Avaliar uma habilidade manual de crianças com Paralisia Cerebral (PC) através da aplicação de instrumento MACS. Métodos: Foi realizado um estudo do tipo transversal com abordagem quantitativa e descritiva, no setor de Fisioterapia do Núcleo de Atenção Médica Integrada da Universidade de Fortaleza entre outubro e novembro de 2020. A população do estudo foi composta por 29 crianças com diagnóstico de PC, com idade de 3 a 8 anos, independente do sexo, confidenciais concordassem com a participação da pesquisa. Os desfechos estudados foram a avaliação da habilidade manual das crianças com paralisia cerebral utilizando o Sistema de Classificação da Habilidade Manual (MACS). Resultados: Existe maior proporção do sexo masculino com 62,1% (n = 18) e idade média de 5,3 ± 1,3 anos. As crianças foram avaliadas por meio de duas variáveis, brincando e comendo. Foi visto que existe um percentual melhor na criança variável, então, a maioria das crianças normais entre os níveis I e III. Conclusão: O MACS descobriu-se um instrumento viável para avaliar a habilidade manual de crianças com Paralisia Cerebral (PC).


Keywords


Paralisia Cerebral, Desenvolvimento Infantil, Funcionalidade.

References


Riquelme I, et al. Differences in somatosensory processing due to dominant hemispheric motor impairment in cerebral palsy. Rev. BMC neuroscience 2014 [Acesso em 2020 mar 19; 15 (1): 10.

Barbosa RMP, Linhares TG, Kunzler B, Farias NC. Métodos de avaliação na criança com paralisia cerebral. Rev. Brasileira Multidisciplinar 2016 [Acesso em 2020 set 18; 19 (1): 164-172.

Zanini G, Cemin NF, Peralles SN. Paralisia cerebral: causas e prevalências. Rev. Fisioterapia Mov. 2009 [Acesso em 2020 mar 19; 22 (3): 375-381.

Pinto GS, Blascovi ASM. Disuse osteoporosis: risk for children and young people with cerebral palsy. Rev. Arquivos Brasileiros de Paralisia Cerebral 2012 [Acesso em 2020 mar 20; 6 (14): 5-11.

Martinez JP, Souza AB, Blascovi ASM. Desempenho funcional de jovens com paralisia cerebral: programa de orientação aos cuidadores. Rev. ConScientiae Saúde 2013 [Acesso em 2020 mar 19; 12 (1): 114-121.

Brasil. Diretrizes de atenção à pessoa com paralisia cerebral / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – Brasília: Ministério da Saúde, 2014.

Rosenbaum P, Nigel P, Alan L, Murray G, Martin B, Diane D, Bernard D. A report: the definition and classification of cerebral pals. Rev. Dev Med Child Neurol Suppl 2007 [Acesso em 2020 ago 26; 109: 8–14.

Mancini MC. Desenvolvimento da criança em risco neuropsicomotor: desenvolvimento da criança em risco neuropsicomotor. Fortaleza: Expressão Gráfica 2012 [Acesso em 2020 set 12; p. 128-169.

Silva DBR, Funayama CAR, Pfeifer LI. Sistema Manual de Classificação de Habilidades (MACS): confiabilidade entre terapeutas e pais no Brasil. Rev. Braz. J. Phys. Ther 2015 [Acesso em 2020 jul 11; 19 (1): 26-33.

Eliasson AC, et al. Manual Ability Classification System Sistema de Classificação da Habilidade Manual para crianças com paralisia cerebral 4-18 anos. Rev. Developmental Medicine and Child Neurology 2006 [Acesso em 2020 mai 16; 48 (2): 549-554.

Cury VCR, Brandão MB. Reabilitação em paralisia cerebral. Rio de Janeiro: Medbook; 2011.

Chagas PSC, Defilipo EC, Lemos RA, Mancini MC, Frônio JS, Carvalho RM. Classificação da função motora e do desempenho funcional de crianças com paralisia cerebral. Rev. Bras. Fisioter. 2008 [Acesso em 2020 set 18; 12 (5): 409-416.

Sari FL, Marcon SS. Participação da Família no Trabalho Fisioterapêutico em Crianças com Paralisia Cerebral. Rev. Bras. Crescimento Desenvolvimento Hum. 2008 [Acesso em 2020 jul 11; 18 (3): 229-239.

Burgess A. Stability of the Manual Ability Classification System in young children with cerebral palsy. Dev Med Child Neurol, 2019 Jul; 61 (7): 798-804.

Palisano R, Rosenbaum P, Walter S, Russell D, Wood E, Galuppi B. Development and reliability of a system to classify gross motor function in children with cerebral palsy. Rev. Med Child Neurol 1997 [Acesso em 2020 ago 12; 39 (4): 214-23.

Bax M, et al. Proposed definition and classification of cerebral palsy. Rev. Developmental Medicine and Child Neurology 2005 [Acesso em 2020 mai 29; 47 (8): p. 571 – 576.

Caraviello EZ, Cassefo V, Chamlian TR. Estudo epidemiológico dos pacientes com paralisia cerebral atendidos no Lar Escola São Francisco. Rev. Med Reabil 2006 [Acesso em 2020 jul 11; 25 (3): 63-67.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n2-020

Refbacks

  • There are currently no refbacks.