Compreensão da enfermagem diante do mecanismo da cannabis em pacientes oncológicos / Understanding nursing before the mechanism of cannabis in oncological patients

Roberta Urtiga Malta, Rosa Caroline Mata Verçosa, Douglas Ferreira Rocha Barbosa, Thalita da Silva Pereira, Natália Maria Pimentel Santana, Margarete Batista da Silva, Elma Gonçalves dos Santos

Abstract


Trata-se de um estudo qualitativo e de uma revisão bibliográfica dentre leituras foram utilizados – artigos. Consequentemente, apontar o manejo de enfermagem na sintomatologia do Câncer, bem como em pacientes pós-quimioterápicos ofertando uma melhor qualidade de vida diante do processo, saúde doença. A curiosidade por esse estudo otimiza os tratamentos fitoterápicos e alopáticos, que desde os primórdios eram mencionados como únicos tratamentos para os moldes da época, derivados de plantas vem perdendo espaço para os sintéticos essa pesquisa deseja nortear a importância de restabelecer uma terapia coadjuvante natural a fim de melhorar o custo benefício ao utilizar a biodiversidade da nação com caráter elucidativo e demonstrar de maneira científica nova mecânica empregada dos fármacos para coibir ou suavizar os malefícios desencadeados essa enfermidade, assim como desmistificar apenas o caráter toxicológico enfatizado na utilização do cannabis. Focaliza-se este trabalho em dois compostos, que são o Delta nove tetrahidrocanabidiol e canabidiol, pois se ligam aos receptores já existentes no sistema endógeno com proposito de melhorar a qualidade de vida de pacientes acometidos pelo câncer.


Keywords


Cannabis, Tratamento farmacológico, Terapêutica, Neoplasia.

References


ALVES, A.O.; SPANIOL, B.; LINDEN, R. Canabinoides sintéticos: drogas de abuso emergentes. Rev. psiquiatr. clín. vol.39 no.4 São Paulo, 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-60832012000400005. Acesso em: 17 set. 2019.

BONFÁ, L.; VINAGRE, R.C.O.; FIGUEIREDO; N.V. Uso de canabinóides na dor crônica e em cuidados paliativos. Rev. Bras. Anestesiol. vol.58, Campinas, 2008. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-70942008000300010. Acesso em: 16 set. 2019.

BRASIL, Instituto Nacional do Câncer. Câncer: Uma Biografia, 2012. Disponível em:https://www.inca.gov.br/sites/ufu.sti.inca.local/files//media/document//publicacoes-rede-cancer-17.pdf. Acesso em: 7 set. 2019.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução da Diretoria Colegiada Nº 327. Brasília, 2019.

BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução da Diretoria Colegiada nº 355. Brasília, 2020.

GODOY-MATOS, A.F.; GUEDES, E.P.; SOUZA, L.L.; VALÉRIO, C.M. O sistema endocanabinóide: novo paradigma no tratamento da síndrome metabólica. Arq Bras Endocrinol Metab, vol.50, nº.2, São Paulo, 2006. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0004-27302006000200025&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 7 set. 2019.

KATZ, A.C. Uso terapêutico da cannabis na oncologia, 2019. Disponível em: http://www.https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/sua-saude/Paginas/cannabis-terapeutico-na-oncologia.aspx. Acesso em: 16 set. 2019.

MENDES, K.D.S.; SILVEIRA, R.C.C.P.; GALVAO, C.M. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Rev. Enfermagem, vol.17, nº.4 Florianópolis, 2008, vol.17, n.4, p.758-764. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=s0104-07072008000400018&script=sci_arttext. Acesso em: 18 set 2019.

NELSON, D. L.; COX, M. M. Princípios de bioquímica de Lehninger. 6. Ed., Porto Alegre: Artmed, 2014.

RANG, H. P.; DALE, M. M.; RITTER, J. M. Farmocologia, 4. ed., Rio de Janeiro: Guanabara Koogan S.A., 2001.

SAITO, V.M.S.; WOTJAK, C.T.W.; MOREIRA, F.A. Exploração farmacológica do sistema endocanabinoide: novas perspectivas para o tratamento de transtornos de ansiedade e depressão? Rev. Bras. Psiquiatr. vol.32, supl.1, São Paulo, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1516-44462010000500004&script=sci_arttext. Acesso em: 17 set. 2019.

SOUZA, M.T.; SILVA, M.D.; CARVALHO, R. Revisão integrativa: o que é e como fazer. Res. Einstein, vol.8 nº.1, São Paulo, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1679-45082010000100102&script=sci_arttext&tlng=pt#B1. Acesso em: 17 set. 2019.

ZUARDI, A.W. História da cannabis como medicamento: uma revisão. Rev. Bras. Psiquiatra. [online]. 2006, vol.28, n.2, p.153-157. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S151644462006000200015&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 16 set. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-569

Refbacks

  • There are currently no refbacks.