Reabilitação urbana em áreas centrais: caso da Rua XV de Novembro / Urban rehabilitation in central areas: case of Rua XV de Novembro

Arion Bastos, Dayane Cristina de Queiroz, Maria Lucia Figueiredo Gomes de Meza, Simone Aparecida Polli

Abstract


Este artigo mostra a importância das ruas de pedestres como parte de uma estratégia de reabilitação urbana em áreas centrais. Existem diversos tipos de ruas de pedestres, mas a concentração destes será nas ruas em áreas comerciais centrais. Será abordado o planejamento urbano no Brasil por meio da análise faseada e histórica de Villaça. Conceituar estratégias relacionadas à intervenção humana e identificar algumas experiências de reabilitação urbana em áreas centrais no Brasil. Para finalizar passaremos por alguns antecedentes históricos das ruas de pedestres, visualizando um pouco da história da reabilitação urbana no centro de Curitiba-PR, como o caso da Rua XV de Novembro, seu histórico, fatos importantes da grande mudança e da travessia rumo ao futuro da rua. Os resultados mostram que o calçadão da XV ainda é um espaço indutor de renovação urbana, atraindo mais pedestres e moradores na área central da cidade por meio de projetos apoiados pela gestão local.

 

 

 


Keywords


rua de pedestres, projetos urbanos, revitalização.

References


ARANTES, O. B. F. MARICATO, E. VAINER, C. B. A cidade do pensamento único: desmanchando consensos. 2 ed. Petrópolis: Vozes, 2000.

BIRKHOLZ, Lauro. Evolução do Conceito de Planejamento Territorial. São Paulo: Nobel, 1983.

BOLETIM INFORMATIVO DA CASA ROMÁRIO MARTINS. Fundação Cultural de Curitiba, Vol. XIX, n° 98. Jul/1992.

CURITIBA, Prefeitura Municipal de. Agência de Notícias da Prefeitura de Curitiba. http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/aos-40-anos-calcadao-da-xv-ainda-e-indutor-da-renovacao-urbana/26781. Acesso em: 14 jun. 2016.

DEÁK, Csaba, SCHIFFER, Sueli Ramos. O Processo de Urbanização no Brasil. São Paulo, Editora Universidade de São Paulo. 1999.

ECKBO, Garrett. Elements & Total Concept of Urban Street Furniture Design. Tokio: Graphic-sha Publishing Co., Ltd., 2001.

INSTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO DE CURITIBA – IPPUC, 2004.

JACOBS, J. Morte e Vida das Grandes Cidades. Death and life of Great American Cities. Nova Iorque: Vintage Books, 1961¬¬¬¬.

JANUZZI, Denise C. R. Avaliação de Áreas Públicas do Centro da Cidade de Londrina. 2000. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Paulo.

LEME, Mônica B.; VENTURA, David V. O Calçadão em Questão: 20 Anos de Experiência do Calçadão Paulistano. São Paulo: Belas Artes, 2000.

MACEDO, Silvio S. Quadro do paisagismo no Brasil. São Paulo: Coleção Quapá, 1999.

MARICATO, E. O impasse da Política Urbana no Brasil, Petrópolis, Vozes. 2011.

ROBBA, Fabio; MACEDO, Silvio Soares de. Praças Brasileiras. 2 ed. - São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo: Imprensa Oficial do estado de São Paulo, 2003 - Coleção Quapá.

SÃO PAULO, Prefeitura Municipal de. Programa de Valorização do Centro. Reconstruir o Centro: reconstruir a cidade e a cidadania, 2001.

SILVA, José Afonso da. Direito Urbanístico Brasileiro. 4ª ed. São Paulo: Malheiros. 2006.

VILLAÇA, Flavio. O espaço intra-urbano no Brasil. São Paulo: Editora Studio Nobel, 1998.

VILLAÇA, Flávio. Uma contribuição para a história do planejamento urbano no Brasil. In: Deak, C. e Schiffer, S. (Orgs). O processo de urbanização no Brasil. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1999.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-560

Refbacks

  • There are currently no refbacks.