Construção de uma planta piloto para produção de biogás a partir da biodigestão de resíduos orgânicos / Construction of a pilot plant for production of biogas from the biodigestion of organic waste

Ghessyca Aparecida do Bonfim, Andréia Cristina Furtado

Abstract


A necessidade do desenvolvimento de novas tecnologias direcionadas para a geração de energias sustentáveis, está relacionada com o aquecimento global, visto que a utilização de combustíveis fosseis aumenta de forma considerável o lançamento de gases que agravam o efeito estufa. Este é um assunto de grande preocupação para atualidade, em que pesquisas com foco na produção de bioenergia proveniente de matéria orgânica, desperta imenso interesse para inovação e desenvolvimento de pesquisas. Neste contexto, a Região Oeste do Paraná é um cenário adequado para o seguimento de pesquisas desta natureza, devido ao fornecimento de criações de aves, bovinos e suínos para grandes indústrias alimentícias. O objetivo geral deste projeto é a construção de um biodigestor em escala piloto, a partir de carcaça de geladeira, destinada a produzir biogás e biofertilizante, barateando o custo de implementação do Biodigestor e tornar mais acessível para abranger produtores rurais de pequeno, médio e grande porte, e a população em geral,  com isso contribuir para intensificação e implementação do mesmo, e assim conscientizar a produção de energia limpa para melhor qualidade de vida e restabelecer ao meio ambiente alternativas sustentáveis e rotineiras. Além disso, a utilização de Biodigestores favorece a preservação do meio ambiente com o reaproveitamento de resíduos, e assim reduzir a emissão dos gases produzidos pela exposição desses resíduos orgânicos. A construção do biodigestor tem o intuito de validar e otimizar processos para obter maior rentabilidade na produção de biogás, e posteriormente analisar as propriedades de tipos distintos de digestatos, que é o subproduto do biogás, para obter bertilizantes com alto potencial nutritivo para empregar em plantações, substituindo adubos químicos. O biodigestor construído é formado por 4 (quatro) reatores de 30cm cada, disposto na parte superior da geladeira, e 6 (seis) reatores maiores com 50cm cada na parte inferior. Aos reatores acoplou-se saídas de borrachas, encaminhando-se para parte externa com outros reatores semelhantes, com pressão constante. A carga inicial foi de 1100mL de solução padrão, com proporção de 5:4 de dejetos bovinos e água, temperatura em set point do termostato em 37°C, com variação de até 3°C para mais e 1°C para menos, sendo utilizado 2 (dois) reatores menores com capacidade de carga máxima de 1500mL. A biodigestão ocorreu por método de batelada, por aproximadamente três meses, sendo monitorados. Os resultados obtidos do primeiro teste, é de 48% de metano, não apresentou quantidade de Sulfeto de Enxofre (H2S) e a mesma quantidade inicial de biofertilizante. Os resultados são satisfatórios e comprovou-se a funcionalidade do Biodigestor para produção de biogás e biofertilizante. O biogás pode ser convertido em energia térmica ou elétrica, o subproduto pode ser utilizado como biofertilizante.

 

 


Keywords


Dejetos, Biodigestão, Biofertilizante, Matéria-Orgânica, Biodigestão.

References


ARAÚJO, Ana Paula Caixeta et al. Produção de biogás a partir de resíduos orgânicos utilizando biodigestor anaeróbico. 2017

COLDEBELLA, Anderson et al. Viabilidade da geração de energia elétrica através de um motor gerador utilizando biogás da suinocultura. Informe Gepec, v. 12, n. 2, p. 44-55, 2008.

DE LUCAS JR, Jorge; SANTOS, Tânia MB. Aproveitamento de resíduos da indústria avícola para produção de biogás. In: Simpósio Sobre Resíduos da Produto Avícola. 2000. p. 27-43.

VIANA, Michael Barbosa. Produção de biogás a partir de glicerol oriundo de biodiesel. 2011. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-534

Refbacks

  • There are currently no refbacks.