Desenvolvimento do currículo através das práticas de formação docente / Curriculum development through teaching training practices

José Ronaldo Melo

Abstract


Este artigo tem por objetivo apresentar os resultados de uma pesquisa desenvolvida com a comunidade de alunos e formadores de professores de matemática da Universidade Federal do Acre. Investigamos como essa comunidade aprende e transforma suas práticas, sobretudo seus discursos e saberes sobre formação de professores de matemática num contexto de mudanças curriculares. Utilizamos como fontes de informação e obtenção de dados a abordagem metodológica “biografias de histórias de vida”. Essas histórias foram analisadas a partir de uma aproximação da formação inicial e continuada do formador ao conceito de aprendizagem como participação em comunidades de prática. Essa análise foi, também, aprofundada a partir da perspectiva das relações de poder-saber presentes nos estudos foucaultianos. As histórias de vida situadas na comunidade e num contexto sócio político e cultural mais amplo constituíram-se em instrumento valioso, tendo proporcionado uma multiplicidade de informações e possibilidades de se perceber, analisar e compreender as práticas e a formação dos professores formadores em uma comunidade profissional voltada à formação de professores de matemática e que tem como referência outras comunidades.


Keywords


Histórias de vida, Formação de professores, Comunidades de prática.

References


BARTON, David & TUSTING, Karin. Beyond Communities of Practice - Language, Power and Social Context. Cambridge University Press, 2005.

BOURDIEU, Pierre. O campo Intelectual: um mundo a parte. São Paulo, Brasiliense, 1990.

FIORENTINI, D. et al (Org.). Práticas de Formação e de pesquisa de professores que ensinam matemática. Campinas – SP, Mercado das Letras, 2009.

FOUCAULT, M. Microfísica do poder. Rio de Janeiro: Edições Graal, 2007.

FREITAS, M.T.M.; FIORENTINI, D. As possibilidades formativas e investigativas da narrativa em educação matemática. Itatiba – SP: Revista Horizontes. Vol. 25, nº 1, p. 63 – 71, jan/jul. 2007.

GONÇALVES, T. O. Formação e desenvolvimento profissional de formadores de professores: o caso dos professores de matemática da UFPA. Tese de doutorado em Educação: Educação Matemática. SP: FE/Unicamp, 2000.

GOODSON, I. F. “Dar Voz ao professor: As histórias de vida dos professores e o seu Desenvolvimento” IN NÓVOA, A. Vidas de Professores. Portugal: Porto Ed.,1995.

__________, I. F. Currículo, Narrativa e o Futuro Social. Artigo traduzido por Eurize Caldas Pessanha e Marta Banducci Rahe – UFMGS, 2006.

GOODSON, I. F. & SIKES, P. Life history research in educational settings: Learning from lives. Buckingham: Open University Press, 2001.

LAVE, Jean.; WENGER, E. Situated Learning: Legitimate Peripheral Participation. Cambridge: Cambridge University Press, 1991.

LOPES, Maura Corcini e GUEDES, Betina Silva. Maquinaria escolar: discursos que inventam verdades sobre os alunos surdos. Porto Alegre - UNISINOS, 2008.

MELO, J. R. A formação do formador de professores de Matemática no contexto das mudanças curriculares. Tese de doutorado em Educação: Educação Matemática. SP: FE/Unicamp, 2010.

SEIXAS, Paulo Castro. O método biográfico na formação de professores: uma análise crítica. Braga, 1997.

WENGER, E. Comunidades de prática: Aprendizaje, significado y identidad. Barcelona, Paiadós, 2001.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n1-523

Refbacks

  • There are currently no refbacks.